LITERATURA COM ESTILO

Lápis de cor pode virar acessório exclusivo. Por que não?

Ter filho ilustrador é fashion

Renata Fernandes (renatafernandesautora@gmail.com)
- Atualizada em

Com este mundo cada vez mais eletrônico ver uma criança que se interessa por lápis de cor é quase um momento de nostalgia, principalmente se for fora do ambiente escolar ou longe de casa. 

Ontem em meu momento nadadora passei por um pequeno que estava esperando a mãe da forma mais linda, desenhando. Pensei comigo: será que vai ser um futuro ilustrador? (devaneios de uma escritora apaixonada….risos).

Brincadeiras à parte está cada vez mais raro ver as crianças sem um celular ou um tablet nas mãos, principalmente em momentos de espera. Um viva para esta mamãe que certamente incentiva o lúdico e valoriza momentos como este fazendo com que ele esqueça o eletrônico e se divirta com lápis de cor e papel, que certamente vai virar um presente para ela quando sair da piscina (daqueles especiais que só as mães ganham e sentem falta quando eles crescem).

Se seu pequeno também é um candidato a “futuro ilustrador” e não abre mão da caixa de lápis de cor enquanto te espera nadar ou fazer qualquer outra atividade é a sua chance de estar na moda de forma exclusiva, transformando este material desgastado, mas só depois de renovar o estoque do pequeno, em um acessório exclusivo que mescla personalidade com orgulho de mãe que tem uma miniatura de artista em casa e vai mostrar isso por onde for. Por que não?

 

Quem nos mostra, neste vídeo, que é possível transformar lápis de cor em acessório super charmoso é o carpinteiro californiano, Peter Brown.

Aperte o play.

Vi AQUI