Livros gratuitos, pela internet, com os principais artigos de Carlos Prates

Para que mais profissionais possam usufruir das ideias mencionadas neste Blog de Empregos, estou disponibilizando, gratuitamente, colet√Ęnea dos principais artigos:

Livro Blog de Empregos ‚Äď volume I
LIVRO BLOG DE EMPREGOS – VOL. I

Livro Blog de Empregos ‚Äď volume II
LIVRO BLOG DE EMPREGOS – VOLUME II

A linguagem é clara, objetiva e atraente. Sugiro que você selecione os artigos que forem mais importantes para a sua realidade, leia-os com atenção e debata com familiares, amigos e colegas de trabalho.

V√° em frente e sucesso!


Publicado em Dicas de livros | Com a tag | Deixar um coment√°rio

Criatividade: fazendo cócegas no cérebro

Os tempos mudaram e o novo cen√°rio exige formas novas de solu√ß√£o dos problemas. Seja em nossa vida pessoal ou profissional, necessitamos reinventar a nossa forma de pensar e agir. Vejamos algumas defini√ß√Ķes sobre criatividade:

‚Äú√Č uma forma de loucura‚ÄĚ. (Plat√£o)

“Processo natural que obedece a leis imprevis√≠veis”. (Kant)

“Criatividade √© fruto de conhecimento, imagina√ß√£o e avalia√ß√£o”
(Sidney Pames)

Defini√ß√Ķes populares

“Pensar diferente da maioria das pessoas sobre um mesmo problema. √Č tirar do nada, √© fazer do velho o novo”.

‚Äú√Č um estado permanente de insatisfa√ß√£o com as coisas existentes”.

Devemos estar atentos aos possíveis bloqueios mentais e que prejudicam o desenvolvimento da nossa criatividade. Vejamos algumas das frases mais comuns no ambiente empresarial e social:

1- Eu n√£o sou criativo.
2- Escolha a resposta certa.
3- Se essa ideia fosse boa, alguém a teria inventado.
4- Erre cumprindo as normas e n√£o acerte procurando descumpri-las.
5- Isso não é da minha competência ou do meu setor.
6- Você pode ser criativo, desde que não erre.
7- Pare de criar e trabalhe. N√£o perca tempo pensando.
8- Isso não tem lógica.
9- Não seja ridículo. Isso não vai dar certo.
10- Você não é pago para criar. Isso é com o pessoal do marketing.
11- Coloque as sugest√Ķes no papel e vamos nomear uma comiss√£o para analisar as id√©ias.
12- Nós sempre fizemos dessa maneira e está dando certo. Não devemos mexer em time que está ganhando.

Sugest√Ķes para desenvolver a sua criatividade

I) Exercite o seu c√©rebro, leia, fa√ßa palavras cruzadas, assista a filmes, relaxe, ou√ßa m√ļsicas, toque instrumentos musicais. Saiba que h√° um tesouro em sua cabe√ßa, uma mina de ouro entre as suas orelhas.

II) Sempre que possível escreva algumas idéias sobre estes e outros assuntos:
– como eu posso ajudar outras pessoas a serem mais felizes?
– como eu posso ajudar a minha empresa?
– como eu posso ser mais feliz?
– como eu posso fazer meu trabalho melhor?
– como eu posso dar mais amor para os meus amigos e familiares?

III) Aprimore a sua percep√ß√£o. Veja as fotos e os fatos que est√£o de forma ‚Äúnormal‚ÄĚ e os que est√£o de maneira diferente. Algumas id√©ias e solu√ß√Ķes podem estar bem na frente dos nossos olhos e n√£o conseguimos enxerg√°-las.

IV) Fa√ßa anota√ß√Ķes, tenha sempre em m√£os papel, caneta e l√°pis. Caso poss√≠vel, compre um micro-gravador. Pesquisas afirmam que tendemos a esquecer mais de 80% do que julgamos lembrar. Quantas mensagens voc√™ recebe por dia? N√£o confie somente na mem√≥ria. Use tamb√©m a mem√≥ria do seu computador, agenda, caderninho e tudo que for necess√°rio.

V) Armazene id√©ias, classifique por assunto e coloque em envelopes espec√≠ficos. Id√©ias para casa, para aumentar sua efici√™ncia no trabalho, para melhorar o relacionamento com o c√īnjuge, namorado, filhos, amigos. Para economizar o seu dinheiro e o da sua empresa, estudar pela internet ou atrav√©s de aulas presenciais.

VI) Observe tudo atentamente, como se fosse a √ļltima vez que voc√™ fosse ver. Use a curiosidade dos seus tempos de crian√ßa. Veja de frente para traz, de lado, de cima ou de baixo. Perceba o que n√£o est√° sendo falado ou mostrado de forma expl√≠cita. Aprenda a ver e a ouvir o que est√° nas ‚Äúentrelinhas‚ÄĚ dos fatos. Aprenda a escutar tanto com os olhos, quanto com os ouvidos. Fa√ßa perguntas idiotas ou bobas e que outras pessoas n√£o teriam coragem de faz√™-las. Lembre-se das perguntas universais: O que? Por qu√™? Como? Onde? Quando?

VII) Viver é relacionar com pessoas. Tudo que fizermos na vida somente terá sentido se for destinado a alguém. Uma empresa sem clientes, caso ela pudesse sobreviver, não teria qualquer razão para os seus funcionários e proprietários se orgulharem. Desenvolva uma forte curiosidade sobre pessoas, coisas e lugares.

VIII) Ataque os seus problemas de maneira ordenada. Tem um ditado popular que afirma: ‚Äúao descobrir qual √© o problema, voc√™ j√° encontrou metade da solu√ß√£o‚ÄĚ. Se voc√™ definir erroneamente o problema, as solu√ß√Ķes ser√£o ineficazes. Fale com algu√©m sobre os problemas e as solu√ß√Ķes que deseja implementar. Fa√ßa seu subconsciente trabalhar. Ele pode e precisa, dia e noite.

IX) Descubra novas fontes de id√©ias atrav√©s de novas amizades, de novos livros, de assuntos diversos. Use todos os meios de comunica√ß√£o que voc√™ puder – r√°dio, televis√£o, internet, revista, jornal, mesa de bar, festa…

X) Sempre que for poss√≠vel, tenha atitudes positivas e otimistas. A autoconfian√ßa estimula as nossas a√ß√Ķes e o poder criativo. Voc√™ j√° ouviu falar sobre cogni√ß√£o? √Č a maneira como enxergamos as coisas ao nosso redor. √Č como vemos o mundo. D√™ mais import√Ęncia aos fatos bons e agrad√°veis e menos √†s mazelas da nossa sociedade. Motivos para ficarmos na mesmice e desmotivados √© que n√£o faltam. Tenha paix√£o pelo que faz. Caso n√£o seja o trabalho dos seus sonhos, pense em algo bom e nas pessoas que podem se beneficiar com o seu trabalho. Quando puder, mude de profiss√£o, fun√ß√£o ou de emprego.

XI) Escolha um lugar para pensar alguns minutos por dia. Algumas pessoas preferem o quarto, outras o banheiro, quando est√£o caminhando, fazendo amor, ouvindo m√ļsica, na internet, dan√ßando, cozinhando, dirigindo. E voc√™, quais os seus locais preferidos?

XII) Compreenda primeiro, depois julgue. Abaixo o preconceito. Ele deixa triste a nossa alma e bloqueia a criatividade.

Assim, esteja preparado para usar cada vez mais a sua criatividade. Tentar adivinhar quais ser√£o as pr√≥ximas mudan√ßas √© algo extremamente dif√≠cil. Acreditamos que a melhor alternativa ‚Äúe dan√ßar conforme a m√ļsica‚ÄĚ, atrav√©s da flexibilidade e da capacidade de adapta√ß√£o ao novo.


Publicado em Curso, Dicas mercado de trabalho, Mercado, Oportunidade | Com a tag | 2 coment√°rios

As li√ß√Ķes de Steve Jobs sobre atendimento e vendas de excel√™ncia

Vender sempre foi e ser√° uma das mais importantes habilidades profissionais que devemos ter. √Č uma das mais antigas e dif√≠ceis profiss√Ķes.

Os grandes vendedores são, antes de tudo, profundos conhecedores dos seus produtos e serviços, bem como dos desejos e necessidades dos seus clientes.

Steve Jobs foi um grande l√≠der, que tinha verdadeira paix√£o pelo que fazia. Segundo as suas pr√≥prias palavras, a sua empresa, Apple, existe ‚Äúpara tornar melhor a vida dos seus clientes.‚ÄĚ

Creio que Steve Jobs se tornou um grande vendedor por amar o que fazia e tamb√©m por ser um comunicador eficaz. Revendo algumas das suas maravilhosas apresenta√ß√Ķes, pude constatar frases criativas, simples e direta:

iPod: 1.000 m√ļsicas no seu bolso.

MacBook Air: O notebook mais fino do mundo.

iPhone: A Apple reinventa o telefone celular.

iPad: Um aparelho m√°gico e revolucion√°rio.

Al√©m da excepcional capacidade de vender a sua imagem como executivo, ele sabia como poucos entender os desejos e necessidades dos consumidores. Nesta frase ‚Äúas pessoas n√£o sabem o que querem, at√© mostrarmos a ela‚ÄĚ, fica evidente que o futuro estava para ser inventado e reinventado a cada dia. Nem sempre o cliente sabe exatamente o que deseja. A Apple ajudou a construir o futuro como n√≥s o conhecemos.

No que se refere ao atendimento de excel√™ncia, Steve Jobs e a sua Equipe criaram a Apple Store (foto), que tem em suas normas e padr√Ķes, o respeito e a aten√ß√£o aos clientes. N√£o basta ter produtos de qualidade. √Č preciso ter um atendimento de classe superior. Hoje s√£o mais de 30.000 profissionais atuando em suas dezenas de lojas pelo Mundo, onde fazem valer o legado de Steve Jobs.

Para finalizar, seguem algumas frases desse grande visionário, homem de negócios como poucos e exímio comunicador:

“Voc√™ pode encarar um erro como uma besteira a ser esquecida, ou como um resultado que aponta uma nova dire√ß√£o”.

‚ÄúSer o mais rico do cemit√©rio n√£o √© o que mais importa para mim‚Ķ Ir para a cama √† noite e pensar que foi feito alguma coisa grande. Isso √© o que mais importa para mim.‚ÄĚ

‚ÄúPara se ter sucesso, √© necess√°rio amar de verdade o que se faz. Caso contr√°rio, levando em conta apenas o lado racional, voc√™ simplesmente desiste. √Č o que acontece com a maioria das pessoas.‚ÄĚ


Publicado em atendimento e vendas, Dicas de mercado de trabalho | Com a tag | Deixar um coment√°rio

Aprendizagem: sugest√Ķes para o seu aprimoramento

Neste post sobre Treinamento & Desenvolvimento Profissional, bateremos um papo sobre a import√Ęncia de saber ouvir, fazer perguntas, anota√ß√Ķes e conex√Ķes entre a aprendizagem e as necessidades cotidianas.

Há vários perfis de alunos e participantes em eventos de treinamento e qualificação profissional. Alguns são mais interessados do que outros e mesmo entre os mais atentos aos assuntos, poucos utilizam todo o potencial de aprendizagem e retenção das mensagens mais importantes. Seguem algunas idéias para você analisar:

1) Anote em papel ou grave as principais informa√ß√Ķes e n√£o confie somente na mem√≥ria.
Evite conversar e se distrair com o celular, pois voc√™ poder√° perder informa√ß√Ķes relevantes;

2) Caso seja fornecido material did√°tico, impresso ou pela internet, leia e releia v√°rias vezes. H√° detalhes que num primeiro momento podem passar despercebidos;

3) Na hora do coffee break, aproveite para conhecer pessoas e trocar telefones e e-mail. Lembre-se de que pessoas que têm interesses semelhantes, nutrem simpatia recíproca e podem acontecer parcerias em negócios futuros;

4) Preste aten√ß√£o √† forma e ao conte√ļdo com que os professores e palestrantes transmitem as suas mensagens. Outro exerc√≠cio semelhante √© analisar os telejornais. Voc√™ poder√° fazer algumas adapta√ß√Ķes √† sua comunica√ß√£o verbal;

5) Seja tolerante com as pessoas que pensam de forma diferente da sua. Evite os julgamentos preconceituosos;

6) Ao interagir com os professores, palestrantes e colegas de aprendizagem, busque fazer perguntas abertas e que comecem com por quê? como? quando? Evite perguntas fechadas, que levam a um sim ou não.

Finalizando, saiba que o sucesso de uma aprendizagem depende de três partes:

33,3 % do professor ou palestrante;
33,3 % do aluno ou treinando;
33,3 % do conte√ļdo e assuntos abordados.

Fique atento a estes dados estatísticos e perceba o quanto é importante a sua participação:

Aprendemos através dos cinco sentidos

1% através do paladar
1,5% através do tato
3,5% através do olfato
11% através da audição
83% através da visão

Retemos
10% do que lemos
20% do que escutamos
30% do que vemos
50% do que vemos e escutamos
70% do que ouvimos, vemos e logo discutimos
90% do que ouvimos, vemos e logo realizamos

Finalizando, busque concentrar a sua aten√ß√£o e observar todos os detalhes que julgar relevantes para o seu aprendizado. O “pulo do gato” pode estar relacionado a uma ou mais palavras ou frases do professor, palestrante ou colega de aprendizagem.
V√° em frente e sucesso!


Publicado em aprendizagem; internet;, Curso, Dicas mercado de trabalho, Mercado, Oportunidade | Deixar um coment√°rio

Guia para saque do abono salarial ‚Äď saiba como receber

Nesta semana, recebi essa valiosa contribuição da leitora Kika Akita, que é redatora de assuntos relacionados a empregabilidade no portal www.trabalhou.com.br

Alguns trabalhadores utilizam o Abono Salarial, tamb√©m chamado como PIS/PASEP como uma fonte extra de renda, anualmente. Todos os anos, os trabalhadores que se enquadram em algumas regras ditadas pelo Governo Federal recebem um sal√°rio m√≠nimo vigente como benef√≠cio. Leia abaixo mais informa√ß√Ķes e utilize este artigo como um guia para saque do abono salarial.

Em 2016, o prazo limite para saque do abono foi prorrogado para 31 de agosto. Mesmo assim, tente realiz√°-lo o quanto antes, para evitar filas e correria de √ļltima hora.

Como sei se tenho direito ao PIS/ PASEP?

Há alguns critérios estabelecidos pelo Governo Federal para ter direito a receber este benefício. Veja abaixo alguns deles:
‚ÄĘ Estar h√°, no m√≠nimo, 5 anos cadastrado no PIS
‚ÄĘ Ter sido empregado, por no m√≠nimo 30 dias, com carteira assinada, no ano anterior ao recebimento. Os dias podem ser consecutivos ou n√£o.
‚ÄĘ O sal√°rio recebido n√£o pode ser superior a dois sal√°rios m√≠nimos.
‚ÄĘ RAIS entregue pela empresa ao Minist√©rio do Trabalho
‚ÄĘ V√≠nculo com a empresa

E quem n√£o tem direito ao Abono Salarial?
‚ÄĘ Quem n√£o tem v√≠nculo com a empresa, como, por exemplo, empregadas dom√©sticas ou diaristas.
‚ÄĘ Trabalhadores Liberais
‚ÄĘ Trabalhadores que contribuem com guia de contribui√ß√£o da Previd√™ncia Social, ao INSS

Como posso consultar se tenho abono salarial a receber?

H√° algumas formas de consultar se o benef√≠cio est√° √† disposi√ß√£o e liberado, sendo elas: pelo portal do site da Caixa Econ√īmica Federal (www.caixa.gov.br), via atendimento telef√īnico com a Caixa ou at√© mesmo se dirigindo pessoalmente a uma das ag√™ncias banc√°rias da Caixa.

Onde posso sacar o abono salarial?

Voc√™ pode sacar o benef√≠cio nas Loterias, que possuem conv√™nio com a Caixa, ag√™ncias banc√°rias da Caixa, tanto no caixa eletr√īnico, se voc√™ possuir o Cart√£o Cidad√£o, quanto no caixa f√≠sico e at√© mesmo nos postos de atendimento Caixa Aqui. Para isso, voc√™ precisar√° levar o seu documento de identidade, com foto, cart√£o do cidad√£o, ou n√ļmero do PIS.

Como sei a partir de que data meu benefício estará liberado?

O benef√≠cio √© pago, pela Caixa, de acordo com as datas de nascimento dos trabalhadores. Para saber qual √© a sua data, entre no site do Minist√©rio do Trabalho ou da Caixa Econ√īmica Federal.

Para maiores informa√ß√Ķes sobre PIS/PASEP, acesse www.trabalhou.com.br


Publicado em Sem categoria | Deixar um coment√°rio

Comunicação verbal: conheça alguns exercícios práticos e eficazes

Vivemos no mundo da comunica√ß√£o global e instant√Ęnea. Ela pode fazer toda a diferen√ßa na vida pessoal e profissional. Viver √© relacionar com pessoas, comunicar, atender, vender e negociar. Seja qual for a sua profiss√£o, invista de forma cont√≠nua na sua maneira de comunicar, verbal, corporalmente, por escrito e nas v√°rias m√≠dias, notadamente a internet. Fa√ßa um curso de reda√ß√£o e gram√°tica para voc√™ aperfei√ßoar o nosso dif√≠cil e maravilhoso idioma.

Selecionamos alguns exerc√≠cios para voc√™ praticar em sua resid√™ncia e no trabalho, visando melhorar a sua comunica√ß√£o. Fa√ßa as adapta√ß√Ķes necess√°rias e v√° em frente:

1) Analise os principais cantores da ax√©-music e do pop, objetivando entender o quanto eles s√£o eficazes na comunica√ß√£o com o seu p√ļblico-alvo. Alguns possuem poucos recursos vocais, mas, s√£o excelentes animadores de plateia e aqui n√£o vai nenhum preconceito, apenas uma constata√ß√£o, sendo que eles fazem muito bem esta fun√ß√£o.

2) Na sua empresa, analise os produtos expostos para que os clientes possam v√™-los, toc√°-los e desej√°-los. Na d√ļvida, visite um supermercado e perceba a quantidade de produtos expostos, analisando as embalagens, localiza√ß√£o, luminosidade e outros aspectos que julgar relevantes. Isso se chama T√©cnicas de Merchandising.

3) Se voc√™ √© um vendedor ambulante, procure se destacar na maneira de vestir e comunicar. Crie empatia com os seus clientes e treine a vis√£o lateral, que √© a capacidade de estar atento ao levantar de dedo ou um psiu do cliente. Os gar√ßons profissionais sabem a import√Ęncia desta habilidade.

4) Em frente ao espelho, leia not√≠cias de jornal como se fosse um locutor de r√°dio ou televis√£o. Interprete algumas can√ß√Ķes, poemas e sonetos, dando-lhes sentimentos. Avise aos familiares que ‚Äún√£o ficou maluco‚ÄĚ e que √© apenas um exerc√≠cio para saborear as palavras;

5) Se tiver uma filmadora ou gravador, utilize para registrar o seu exercício e depois analise a sua voz, gestos, olhar e postura corporal;

6) Assista a bons filmes e observe os di√°logos, efeitos audiovisuais, movimenta√ß√£o dos atores, express√Ķes faciais, tom e ritmo da voz;

7) Analise os telejornais e perceba como os mesmos s√£o concisos e harmonizam os recursos audiovisuais, combinando com a voz, gestos e posturas dos apresentadores. Eles dizem muito em pouco tempo;

Grave comerciais de televis√£o e analise os argumentos utilizados para persuadir o consumidor;

9) Procure assistir algumas palestras, conferências, seminários e cursos para o aperfeiçoamento das técnicas de comunicação;

10) Cante em casa e/ou em um videok√™ e pague v√°rios ‚Äúmicos‚ÄĚ. Comunicador que se preza tem que conviver com eles, pois s√£o inevit√°veis. Dance, descubra o lado l√ļdico da vida. Assista a um bom filme infantil e d√™ gostosas gargalhadas. Libere a crian√ßa que h√° dentro do seu cora√ß√£o.

No ano passado eu lancei o livro “Como Falar em P√ļblico com Sucesso” (foto) e recomendo a todos os que desejam melhorar as habilidades e compet√™ncias para comunicar melhor. O mesmo √© comercializado exclusivamente pela internet. Aprenda F√°cil Editora www.afe.com.br (31) 3899-7000


Publicado em Curso, Dicas mercado de trabalho, livro como falar em p√ļblico | Com a tag , , | Deixar um coment√°rio

As ideias de Samuel Klein, o fundador da Casas Bahia

Em novembro de 2014 morreu Seu Samuel das Casas Bahia. H√° muitos anos eu acompanho a trajet√≥ria profissional dos maiores empreendedores do com√©rcio varejista e sempre admirei as ideias deste Homem, nascido na Pol√īnia, naturalizado brasileiro, de h√°bitos simples e profundo conhecedor das necessidades e desejos dos clientes de baixa renda, quando ainda n√£o se falava sobre a import√Ęncia dos mesmos para a economia brasileira.

Em mais de seis décadas, Samuel Klein ergueu um dos maiores empreendimentos do varejo brasileiro. Em 1951, chegou ao Brasil, na cidade de São Caetano do Sul, na Grande São Paulo. Com US$ 6 mil no bolso, comprou uma casa e uma charrete. Com a ajuda de um amigo Рum experiente comerciante Рele adquiriu uma carteira de 200 clientes e mercadorias. Eram roupas de cama, mesa e banho que empilhava na charrete e vendia pelas ruas de São Caetano.
Em 1957, j√° possuia capital suficiente para comprar sua primeira loja. Chamou o estabelecimento de “Casa Bahia” em homenagem aos imigrantes nordestinos que haviam se deslocado para a regi√£o em busca de trabalho na ind√ļstria automobil√≠stica. Em cinco d√©cadas, ele montaria o maior imp√©rio varejista n√£o aliment√≠cio do pa√≠s.

Algumas das suas frases mais admiradas por empres√°rios e estudiosos do varejo:

1) De um bom namoro sai um bom casamento. Da boa conversa, sai um bom negócio.

2) O segredo é comprar bem comprado e vender bem vendido.

3) Em nossa vida profissional, n√£o podemos falhar. S√£o justamente nossos erros que estragam nossos acertos.

4) Um mais um é igual a dois. Mas a soma de uma ideia mais uma ideia não são duas ideias, e sim milhares de ideias.

5) Que paiŐĀs abencŐßoado esse Brasil. O povo tambeŐĀm eŐĀ pacato e acolhedor. O Brasil eŐĀ um paiŐĀs que daŐĀ oportunidades para quem quer trabalhar e crescer na vida. Cresci junto com o Brasil. NaŐÉo fiquei parado vendo o paiŐĀs crescer.

6) O credito é uma ciência humana, não exata. Não importa se o cliente é um faxineiro ou um pedreiro, se ele for bom pagador, a Casas Bahia dará credito para que ele resgate a cidadania e realize seus sonhos.

7) Acredito no ser humano. Caso contrário, não abriria as portas das minhas lojas todos os dias. O que ajuda a me manter vivo é a confiança que tenho no próximo.

- Ontem foi ontem, já passou. Hoje é hoje e é o que nos importa. Amanhã, o futuro, a Deus pertence.

9) Temos que amar o país em que vivemos. A palavra crise não existe no meu dicionário. Eu sempre comprei por 100 e vendi por 200.

10) Meu lema é confiar. Confiar no freguês, nos fornecedores, nos funcionários, nos amigos e, principalmente, em mim.

Fontes: Revista √Čpoca e o livro ‚ÄúViver de Deixar Viver‚ÄĚ, de Elias Awad (foto), que recomendo aos que tiverem interesse em conhecer as ideias deste grande empres√°rio brasileiro.

Descanse em paz, Seu Samuel Klein!


Publicado em As ideias do fundador das Casas Bahia | Com a tag , , | Deixar um coment√°rio

Como premiar os melhores funcion√°rios e incentivar os demais

S√£o poucos os empres√°rios e gestores que adotam um programa de est√≠mulos aos talentos e premia√ß√Ķes para os melhores funcion√°rios, sem esquecer dos demais colaboradores.

A maioria das pessoas, independentemente de classe social e escolaridade, deseja ser reconhecida pelo que faz. Entretanto, o que percebemos na realidade, s√£o broncas e mais broncas e poucos elogios. Isso vem desde a nossa inf√Ęncia e segue pela quase totalidade da nossa exist√™ncia.

Ao contrário do que muitos empresários e gestores podem imaginar, implantar um programa de premiação é relativamente barato e pode gerar ótimos resultados:

1) Premia√ß√£o por ideias ‚Äď incentive os funcion√°rios a darem ideias e premie as que forem implementadas. Inicialmente, escolha um destes pr√™mios ou combine entre eles – vale compras de R$ 200,00, folga no dia que for melhor para o profissional, curso de qualifica√ß√£o, placa e medalhas, s√£o alguns dos exemplos. Posteriormente, outras premia√ß√Ķes, conforme os resultados alcan√ßados;

2) Premia√ß√£o por equipe, levando em considera√ß√£o o atingimento das metas ‚Äď vendas, melhorias no atendimento, redu√ß√£o de custos, conquista de novos clientes, entre outros objetivos;

3) Funcion√°rio do m√™s ‚Äď os pr√≥prios colegas escolhem as pessoas, atrav√©s de crit√©rios previamente definidos ‚Äď pontualidade, atendimento, relacionamento interpessoal, elogios dos clientes e muito mais;

4) Profissional supera√ß√£o ‚Äď pr√™mio destinado aos que n√£o alcan√ßaram as metas individuais ou tiveram um fraco desempenho, por√©m, est√£o se dedicando para melhorar as habilidades e compet√™ncias.

Para os que acham que programas dessa natureza n√£o funcionam, vale um lembrete: o pr√™mio √© o que menos importa. O reconhecimento p√ļblico √© o grande trof√©u. Al√©m disso, podemos mudar toda uma cultura de somente dar bronca e fazer cobran√ßas, vigente na maioria das empresas. √Č claro que as cobran√ßas podem ser oportunas. Entretanto, somente esta a√ß√£o, torna-se um h√°bito perverso e que desestimula os profissionais.

Finalizando, recomendo o livro de Bob Nelson ‚Äú1501 Maneiras de Premiar Seus Colaboradores” (foto) editora Sextante, com valores de R$19,90(internet) a R$ 29,90 (livrarias). √Č um dos melhores que j√° li e o mesmo poder√° contribuir para incentivar a todos os profissionais.


Publicado em Dicas empresariais, Premiação de funcionários | Com a tag | Deixar um comentário

As inova√ß√Ķes do Comandante Rolim Amaro

Hoje n√≥s iremos falar sobre um empres√°rio que revolucionou a avia√ß√£o comercial brasileira, com a√ß√Ķes focadas na melhoria do atendimento ao cliente. A sua genialidade serve de inspira√ß√£o para todos n√≥s. Confira!

Rolim Adolfo Amaro (foto) foi um dos mais criativos empresários brasileiros. Ele deixou sua marca na história da aviação brasileira e que pilotou com garra a arrancada da TAM no mercado nacional.

Criou a TAM Transportes A√©reos Regionais (1976), inicialmente operando com seis avi√Ķes Embraer EMB-11-C Bandeirante, atendendo o interior de S√£o Paulo, Paran√° e Mato Grosso. Finalmente assumiu a totalidade das a√ß√Ķes da empresa (1979) e entrou na d√©cada de sua consolida√ß√£o com a chegada dos Fokker F-27 (1980). A TAM alcan√ßou a marca de um milh√£o de passageiros transportados (1981) desde a sua funda√ß√£o e de dois milh√Ķes de passageiros transportados (1984), conquistando o pr√™mio Top de Marketing por conta da qualidade do servi√ßo que oferecia.

Criou o servi√ßo Fale com o Presidente (1991) e atinge a marca de oito milh√Ķes de passageiros (1992) transportados desde a sua funda√ß√£o, criando um novo estilo de voar, com tra√ßos de informalidade e preocupa√ß√£o em valorizar cada passageiro. Lan√ßou o Cart√£o Fidelidade (1993).

Criou a Fundação Eductam, para dar bolsas de estudos aos carentes, apoiar obras humanitárias e participar de projetos culturais e esportivos e criou, também, o Museu Asas de Um Sonho, para preservar a memória e a história da aviação.

Foi eleito o homem de vendas do ano (1994) e inovou aceitando em sua tripula√ß√£o a primeira comandante mulher. Lan√ßou o servi√ßo Ticketless (1995),o embarque eletr√īnico sem bilhete, e o Cart√£o de Cr√©dito Fidelidade TAM. A revista Exame elegeu, pela primeira vez, a TAM a Melhor Empresa A√©rea no setor Transportes, em Melhores e Maiores, e a revista Air Transport World a nomeou a melhor empresa a√©rea regional do mundo.

Mostrou toda sua habilidade para divulgar a imagem da TAM depois que seis acidentes envolvendo aeronaves da companhia amea√ßaram abalar a prosperidade da empresa. O pior deles aconteceu logo depois de ser eleita a melhor empresa do setor, quando o v√īo 402, um Folker 100, que fazia a ponte-a√©rea Rio-S√£o Paulo sofreu uma pane e caiu logo depois de decolar do Aeroporto de Congonhas, matando 99 pessoas (31/10/1996). Depois do acidente “o comandante” passou a receber os passageiros de alguns v√īos que sa√≠am de Congonhas na escada dos avi√Ķes, numa tentativa de recuperar a imagem da companhia.

Depois disso, suas cartas e v√≠deos dirigidos aos passageiros tornaram-se uma constante nos v√īos da TAM. Um ano depois, uma bomba explodiu durante um v√īo, matando um passageiro. A partir da√≠, a TAM passou a adotar uma estrat√©gia de marketing ainda mais agressiva e para continuar crescendo, ele tinha acabado de encomendar 100 avi√Ķes da Embraer. Adquirindo a Helisul (1996) expandiu atividades para o sul do pa√≠s, e muda a denomina√ß√£o da Brasil Central muda para TAM-Transportes A√©reos Meridionais, que passa a ser a empresa a√©rea nacional do grupo, passando a operar sem restri√ß√Ķes em todo o territ√≥rio brasileiro e faz v√īos internacionais.

Infelizmente, ap√≥s passar o fim de semana em sua fazenda em Ponta Por√£, na fronteira do Mato Grosso do Sul com o Paraguai, morreu durante um passeio de helic√≥ptero, quando o aparelho caiu e explodiu pr√≥ximo ao vilarejo Fortuna Guaz√ļ, que fica no munic√≠pio de Pedro Juan Caballero, no Paraguai (2001), a 25 quil√īmetros da fronteira.

No carnaval de 2002 foi homenageado pela escola de samba Acad√™micos do Salgueiro, do Rio de Janeiro, com o samba-enredo “Nas asas de um sonho”.


Publicado em Dicas mercado de trabalho, Mercado, Oportunidade | Com a tag | Deixar um coment√°rio

Criatividade: o que podemos aprender com a 3M?

Hoje, iremos bater um papo sobre uma das mais criativas empresas do mundo.

Trata-se de um grupo econ√īmico multinacional americano de tecnologia diversificada, organizado em unidades de neg√≥cios reunidas em 6 grandes mercados: Ind√ļstria & Transporte; Sa√ļde; Consumo & Escrit√≥rio; Seguran√ßa; Produtos El√©tricos & Comunica√ß√£o; Controle de Tr√°fego & Comunica√ß√£o Visual.

Seu portfólio contabiliza mais de 55.000 produtos, incluindo adesivos, abrasivos, fitas adesivas, equipamentos de proteção, blocos Post-it, esponjas Scotch-Brite, produtos médicos e dentários, produtos automotivos, entre outros.

Ela foi criada em 1902 em Minnesota, regi√£o dos Grandes Lagos, nos Estados Unidos por cinco empreendedores que se uniram para explorar min√©rios, um neg√≥cio promissor para abastecer a incipiente ind√ļstria americana no in√≠cio do s√©culo XX. Mas o min√©rio explorado se mostrou de pouco valor e a 3M transferiu-se para a cidade de Duluth em 1905, mudando seu foco inicial para concentrar suas atividades na fabrica√ß√£o de abrasivos.

Em 1916, √© realizado o primeiro investimento em um laborat√≥rio de controle de qualidade. No in√≠cio de 1920, o inventor Francis Okie desenvolve a ideia de uma lixa para ser usada com √°gua, a qual diminu√≠a a quantidade de poeira gerada no processo de lixamento e melhorava o acabamento. Em 1921, usando papel √† prova d’√°gua, a 3M lan√ßava sua primeira grande inova√ß√£o, a lixa d’√°gua que, por muitas d√©cadas, se manteve como o m√©todo universal de lixamento na ind√ļstria e constru√ß√£o.

Poucos anos depois, Richard G. Drew, um assistente de laboratório, identificou uma necessidade nas oficinas de reparação automotiva. Quando se pintavam carros bicolores, os pintores colavam jornal com adesivo nas peças do veículo, o que gerava retrabalho e comprometia a qualidade. Em 1925, a 3M lançava a fita crepe que, já na época, adotaria a marca Scotch.

Em 1937, a 3M investe na montagem do Laborat√≥rio Central de Pesquisa. Tr√™s anos depois, um departamento de Novos Produtos √© organizado para conceber novas id√©ias enquanto v√°rias outras estruturas voltadas para o desenvolvimento de produtos s√£o criadas. O impacto dessa estrat√©gia se reflete numa lista de desenvolvimento de novos produtos: materiais refletivos para sinaliza√ß√£o de tr√Ęnsito; a fita magn√©tica, m√≠dia usada para a grava√ß√£o de sons; fitas antiderrapantes; a fita isolante; a tecnologia para duplica√ß√£o e c√≥pia de documentos “Thermo-Fax”, a fita filamentosa para empacotamento pesado; resinas sint√©ticas; protetor de tecidos; fitas magn√©ticas de v√≠deo; esponjas para limpeza; a primeira fita hipoalerg√™ncia micropore, entre outros.

Em 1960, é criado o microfilme Dry-silver, junto com produtos para uso relacionado à fotografia. A partir deste ano, também ocorreu à fabricação de papéis sem a presença do carbono, utilidades de projeção aérea, e produtos para uso médico, como o fio dental.

Nos anos 1970 e 80, √© expandida a √°rea de produtos de controle energ√©tico, para farm√°cia e de radiologia. Nos anos 1980, √© criado o bloco de recados adesivo Post-it. Nos anos 1990, o faturamento da 3M atingiu globalmente US$ 15 bilh√Ķes. Novos produtos s√£o fabricados, entre eles, modificadores farmac√™uticos, filmes √≥pticos para real√ßar a imagem de displays eletr√īnicos (telas de LCD)e circuitos flex√≠veis para dispositivos eletr√īnicos.
Fonte: Wikipédia.

O que podemos aprender com a 3M?

1) A import√Ęncia de investir em pesquisas cient√≠ficas, dispor de profissionais qualificados e com as mentes abertas ao novo;

2) Persistência e capacidade para vencer obstáculos;

3) Forte estímulo à criatividade e a participação dos funcionários;

4) Excelência no atendimento ao cliente e utilizar vários canais de comunicação e distribuição dos seus produtos, a exemplo de pontos de vendas, internet, redes sociais, entre outros.

O século XXI está sendo marcado por constantes mudanças e todos nós devemos estar atentos às oportunidades e ameaças para a nossa carreira profissional e também aos destinos das empresas onde prestamos serviços.

Para finalizar, seguem duas frases para a nossa reflex√£o:
‚ÄúN√£o h√° nada permanente, exceto a mudan√ßa‚ÄĚ Her√°clito de √Čfeso – fil√≥sofo grego.

‚ÄúNeste s√©culo necessitaremos mais de c√©rebros (o seu e os da internet) e menos de m√ļsculos.‚ÄĚ Prof. Jos√© Pastore.


Publicado em 3M; criatividade, criatividade da 3M, criatividade e motivação, Dicas de mercado de trabalho | Deixar um comentário