A conquista do primeiro emprego

O mercado de trabalho no Brasil √© cheio de contradi√ß√Ķes. Em muitos an√ļncios de vagas de emprego, h√° exig√™ncia de uma faixa et√°ria¬† jovem e que os candidatos tenham experi√™ncia profissional.

Ao agirem dessa forma as empresas est√£o perdendo oportunidades preciosas de formarem os seus novos talentos e mesclarem com os demais funcion√°rios. As mudan√ßas nesse sentido est√£o ocorrendo de forma muito lenta. Seguem algumas sugest√Ķes para voc√™ conquistar o seu primeiro emprego.

Na condição de um jovem profissional, com pouca ou nenhuma experiência, evite mandar apenas o seu currículo. Escolha criteriosamente as empresas que deseja trabalhar. Para a maioria dos jovens, o primeiro emprego ocorre nos segmentos do comércio varejista e de prestação de serviços.

Assim, procure se diferenciar dos demais concorrentes, enviando um breve projeto de como pode contribuir para a empresa que deseja trabalhar. Vamos imaginar que tenha interesse em trabalhar como atendente ou vendedor em uma loja. Nesse caso, elabore um projeto que contemple a√ß√Ķes para a melhoria no atendimento ao cliente. Este costuma ser um dos mais graves problemas das empresas.

Caso voc√™ n√£o tenha conhecimento sobre o assunto, pesquise na internet, visite o com√©rcio varejista da sua cidade e perceba a maneira como os clientes s√£o atendidos. Ou√ßa opini√Ķes de profissionais que atuam nesse segmento e, principalmente, de alguns clientes.

Ap√≥s coletar estas informa√ß√Ķes, elabore um breve projeto com sugest√Ķes sobre melhorias e de que forma voc√™ pode contribuir. Anexe ao seu curr√≠culo e fa√ßa uma carta endere√ßada ao seu futuro empregador. Se puder enviar para o propriet√°rio, melhor. Caso contr√°rio, envie para o Recursos Humanos ou Administra√ß√£o. N√£o esque√ßa de solicitar uma entrevista para maiores informa√ß√Ķes sobre o projeto. Caso voc√™ esteja em busca de um est√°gio, proceda de forma semelhante. Com isso voc√™ estar√° demonstrando atitude e se diferenciando das pessoas que concorrem a uma vaga na mesma fun√ß√£o.

N√£o adianta espalhar convite para dezenas de empresas. Busque primeiro as ag√™ncias de emprego. Em seguida, fa√ßa voc√™ mesmo a sua campanha para conseguir uma vaga. Pesquise na internet o que as empresas fabricam ou vendem, folheie as listas telef√īnicas e fique atento √†s empresas que anunciam nos ve√≠culos de comunica√ß√£o. Por √ļltimo, ande, ande e ande. Observe como funciona o com√©rcio varejista e de que maneira voc√™ pode contribuir para solucionar os problemas dos clientes.

Planejar a busca do emprego exige persist√™ncia, criatividade e motiva√ß√£o. Sem d√ļvida, este ser√° um dos grandes desafios em sua vida profissional e lhe proporcionar√° um aprendizado inesquec√≠vel. V√° em frente e sucesso!


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Deixar um coment√°rio

Intelig√™ncias m√ļltiplas: voc√™ utiliza todo o seu potencial?

Entre as defini√ß√Ķes sobre intelig√™ncia, temos: ‚Äúindiv√≠duo que consegue compreender com facilidade‚ÄĚ. Sem d√ļvida, esta √© uma das habilidades mais importantes para a nossa vida pessoal e profissional. Acreditamos que viver √© buscar escolher as melhores alternativas e solucionar os desafios cotidianos, atrav√©s do uso da raz√£o, emo√ß√£o e a intui√ß√£o.

Nesta semana abordaremos este tema, come√ßando pela teoria das Intelig√™ncias M√ļltiplas, desenvolvidas pelo psic√≥logo Howard Gardner. Ele definiu sete tipos de intelig√™ncia: lingu√≠stica, musical, l√≥gico-matem√°tica, espacial, sinest√©sica, interpessoal e intrapessoal. Para ficar mais f√°cil a compreens√£o, colocamos alguns exemplos do nosso cotidiano:

‚ąö Intelig√™ncia lingu√≠stica ‚Äď presente nas pessoas que t√™m facilidade com as palavras orais ou escritas, a exemplo de Vin√≠cius de Moraes, Cam√Ķes, Rui Barbosa. S√£o h√°beis para convencer, agradar, estimular ou transmitir ideias.

‚ąö Intelig√™ncia musical ‚Äď traduzida pela habilidade de lidar com instrumentos musicais, obter harmonias e ritmos, produzindo sons agrad√°veis. Sensibilidade para ritmos, texturas, timbre e habilidade para produzir e/ou reproduzir m√ļsica. Presente em pessoas dos mais variados n√≠veis culturais e em todas as camadas sociais ‚Äď Tom Jobim, Caetano Veloso, Pixinguinha, Arthur Moreira Lima, entre outros.

‚ąö Intelig√™ncia l√≥gico matem√°tica ‚Äď capacidade para lidar amigavelmente com padr√Ķes, sistematiza√ß√£o, n√ļmeros, √≠ndices, gr√°ficos e de ver o mundo e os acontecimentos de maneira l√≥gica. Presente em engenheiros, m√©dicos e cientistas, a exemplo de Albert Einstein e Isaac Newton.

‚ąö Intelig√™ncia espacial ‚Äď capacidade para perceber o mundo visual e espacial de forma precisa. √Č a habilidade para manipular formas ou objetos mentalmente e, a partir das percep√ß√Ķes iniciais, criar tens√£o, equil√≠brio e composi√ß√£o, avaliar dist√Ęncias, numa representa√ß√£o visual ou espacial. Presente em artistas pl√°sticos, designers, engenheiros e arquitetos.

‚ąö Intelig√™ncia sinest√©sica ‚Äď possibilita grande controle dos movimentos do corpo. Afinidade para pr√°ticas de esportes, artes c√™nicas ou pl√°sticas. Presente em bailarinos, atletas e jogadores de futebol, a exemplo de Pel√©, Garrincha, Maradona, entre outros.

‚ąö Intelig√™ncia interpessoal ‚Äď esta intelig√™ncia pode ser descrita como uma habilidade para entender e responder adequadamente a humores, temperamentos, motiva√ß√Ķes e desejos de outras pessoas. Habilidade comum aos psicoterapeutas, professores, pol√≠ticos e vendedores bem sucedidos.

‚ąö Intelig√™ncia intrapessoal ‚Äď habilidade para compreender os pr√≥prios sentimentos, sonhos e ideias, sabendo utiliz√°-los para a solu√ß√£o dos problemas pessoais.

Sugerimos que voc√™ fa√ßa uma reflex√£o sobre quais delas voc√™ possui e as que devem ser desenvolvidas. Dificilmente teremos todas e o mais importante √© aprimorar as inatas ou adquiridas e entender as demais. √Č prov√°vel que voc√™ tenha algumas que est√£o latentes, faltando apenas serem descobertas.


Publicado em Dicas de mercado de trabalho | Com a tag | Deixar um coment√°rio

Portugu√™s: a import√Ęncia de ler, escrever e falar corretamente

Vivemos a era da comunica√ß√£o e da troca de informa√ß√Ķes. Acreditamos que o mundo se divide em dois grandes momentos: antes da Internet e depois dela.

Ler, escrever e falar bem são fundamentais para que possamos desenvolver novas habilidades e competências profissionais.

Se no passado recente a leitura ficava restrita a algumas poucas pessoas, agora, principalmente com o advento da Internet, dos livros virtuais e gratuitos, podemos ter acesso e desenvolver o h√°bito da leitura. Basta querer!

H√° 15 anos estamos desenvolvendo o Projeto “Fazendo e Aprendendo ‚Äď voc√™ constr√≥i o conhecimento”, com o prop√≥sito de auxiliar na qualifica√ß√£o profissional, notadamente das pessoas desempregadas. Um dos maiores obst√°culos tem sido a falta de base escolar de alguns alunos e ao n√£o desenvolvimento da leitura. H√° alunos que leem e n√£o compreendem o que leram e outros que n√£o conseguem ler.

Os professores Adil Lyra, Marta Mendon√ßa e Paulo Jorge escrevem o excelente blog “ABC da L√≠ngua Portuguesa”, no portal www.ibahia.com. portugues Recomendamos que voc√™ leia, atentamente, os artigos destes ilustres educadores, pois s√£o claros, objetivos e de grande utilidade.

Seja qual for a sua idade e escolaridade, desenvolva ou aprimore o h√°bito da leitura. Inicie pelos livros, artigos, poesias, revistas, jornais, Internet, dando prefer√™ncia aos assuntos do seu interesse. Com o tempo voc√™ fortalecer√° esse h√°bito. Como consequ√™ncia, certamente ir√° ler as obras liter√°rias consagradas, filosofia, sociologia… Quase todas as hist√≥rias de hoje j√° foram contadas e vividas por outras pessoas, no passado recente ou distante.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Com a tag , | 7 coment√°rios

Excelência no atendimento ao cliente

Tornar-se um profissional do atendimento √© algo gratificante e que ser√° √ļtil a todo instante. Se voc√™ est√° em busca de emprego ou trabalho tempor√°rio, creio que este artigo lhe ser√° importante.

Atender bem é simples, porém não é fácil. Pelo contrário, manter a excelência no atendimento ao cliente requer treinamento e gerenciamento constantes. Seguem algumas idéias para você colocar em prática:

‚ąö SEJA CORDIAL ‚Äď o funcion√°rio deve atender bem a qualquer cliente, independentemente da classe social, religi√£o, cor e prefer√™ncia sexual. Para¬† isso, precisa superar seus pr√≥prios preconceitos ou uma eventual m√° primeira impress√£o que o cliente cause. Todos os clientes devem ser tratados por¬† senhor ou senhora, inclusive os mais jovens, a¬† n√£o ser que o pr√≥prio cliente autorize explicitamente o tratamento ‚Äúvoc√™‚ÄĚ.

‚ąö ATENDA DE IMEDIATO ‚Äď n√£o¬†¬† deixe o cliente esperando, principalmente se o servi√ßo¬†¬† que voc√™ est√°¬† fazendo n√£o tiver rela√ß√£o com o assunto que o¬†¬† cliente¬† veio tratar. N√£o fique de bate-papo com os colegas, pois atitudes assim causam m√° impress√£o ao consumidor. O tempo e a paci√™ncia est√£o cada vez mais escassos.

‚ąö D√ä TOTAL ATEN√á√ÉO¬† ‚Äď fazer¬† o¬† cliente¬†¬† sentir-se bem-vindo √© bom para voc√™ e excelente para o cliente. √Äs vezes o atendente d√° aten√ß√£o ao consumidor at√© fechar a venda e depois deixa-o no caixa, sem ao menos agradec√™-lo e valorizar a sua compra.

‚ąö RAPIDEZ ‚Äď h√° v√°rios perfis de clientes: r√°pido, lento, am√°vel, lamuriento, avarento, entre outros. Se voc√™ estiver atendendo algu√©m que deseja rapidez, proceda dessa maneira. Por√©m, rapidez n√£o √© sin√īnimo de descaso ou irrita√ß√£o.

‚ąö OFERE√áA ORIENTA√á√ēES SEGURAS ‚Äď tire todas as d√ļvidas do cliente. Caso voc√™ n√£o saiba responder alguma pergunta, informe-se com o colega mais experiente. Seja cauteloso ao responder perguntas que envolvam valores, taxa de juros e condi√ß√Ķes de pagamento. Segundo o ex-ministro Delfin Neto, ‚Äúo √≥rg√£o mais sens√≠vel do corpo humano √© o bolso‚ÄĚ.

‚ąö EVITE TERMOS T√ČCNICOS ‚Äď uma situa√ß√£o assim pode causar incompreens√£o ou constrangimento. O ideal¬† √©¬† usar¬†¬† express√Ķes¬† simples em voz pausada e clara. A obriga√ß√£o de se fazer entender √© de quem est√° comunicando e n√£o da pessoa que est√° ouvindo.

‚ąö N√ÉO D√ä ORDENS ‚Äď ningu√©m gosta de ouvir ordens, especialmente o cliente. Uma express√£o cordial tem valor bem mais positivo e surte o mesmo resultado. N√£o se esque√ßa das palavras m√°gicas ‚Äď bom dia, obrigado, por gentileza e volte sempre.

‚ąö FALE¬† A¬† VERDADE ‚Äď nas informa√ß√Ķes¬† prestadas¬† a¬† verdade √© fundamental. Mesmo n√£o sendo agrad√°vel, √© melhor¬† assumir¬† uma¬† falha¬† eventual do que dar ao cliente a impress√£o de que¬† est√° escondendo informa√ß√Ķes ou problemas. Lembre-se: O cliente est√° cada vez mais informado e exigente, principalmente ap√≥s a implanta√ß√£o do c√≥digo de defesa do consumidor. Como afirma o ditado popular ‚Äúa mentira tem pernas curtas‚ÄĚ. Logo, logo ela ser√° descoberta e voc√™ perder√° o cliente.

¬†¬†¬†¬† ‚ąö SOLU√á√ēES¬† CRIATIVAS ‚Äď em conjunto com a sua equipe de trabalho, desenvolva id√©ias para a melhoria do atendimento.

COMO LIDAR COM AS RECLAMA√á√ēES

‚ąö Saiba ouvir, ouvir e ouvir. Somente ap√≥s ouvir o cliente √© poss√≠vel analisar quais as solu√ß√Ķes para o problema.

‚ąö Coloque-se no lugar do cliente e tenha interesse em ajud√°-lo a resolver as suas necessidades.

‚ąö Se o cliente n√£o tiver raz√£o sobre as suas reclama√ß√Ķes, procure argumentar e diga os motivos.

¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬† ‚ąö Os profissionais de atendimento e vendas devem ficar atentos, pois as sugest√Ķes dos clientes podem ajudar no aperfei√ßoamento e¬† na melhoria dos produtos e servi√ßos da Empresa.

Leia e releia este artigo, comparando com o atendimento da sua empresa, bem como ao que voc√™ recebe na padaria, bar, restaurante, lojas e demais lugares que freq√ľenta. Treine, treine e conquiste os seus clientes.

Para realizar cursos e palestras em sua empresa, entre em contato com pratescarlos@uol.com.br  e solicite uma proposta.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Deixar um coment√°rio

Você pratica o ócio criativo?

Este é o título do livro (foto) de Domenico de Masi, renomado sociólogo italiano, editado pela Sextante. De forma clara, objetiva e atraente, são abordados temas sobre o futuro do emprego, sociedade pós-industrial, criatividade e globalização.

Perguntado sobre o futuro dos jovens no mercado de trabalho, ele afirmou: ‚Äú As m√°quinas, por mais sofisticadas e inteligentes que sejam, jamais substituir√£o o homem nas atividades criativas… quanto mais conhecimentos o candidato a emprego tiver e for capaz de oferecer servi√ßos do tipo intelectual ‚Äď usando mais a cabe√ßa e menos as m√£os ‚Äď cient√≠fico, art√≠stico, presta√ß√£o de servi√ßos de sa√ļde e educa√ß√£o, entre outros -, ter√£o maiores possibilidades de sucesso profissional‚ÄĚ.

Domenico de Masi enfatiza que muitos dos trabalhadores da Sociedade Industrial, que perderam os seus empregos ou que tinham aspira√ß√Ķes de conseguir vagas, migraram para o teletrabalho (trabalho a dist√Ęncia), a exemplo do que ocorre com as grandes centrais¬† de telemarketing e tamb√©m aos profissionais que atuam em suas pr√≥prias resid√™ncias, quer sejam trabalhando em suas empresas ou em outras.

Sobre o √≥cio, muitas vezes interpretado erroneamente como o ato de n√£o trabalhar, ele explica que o trabalho e o lazer est√£o cada vez mais interligados. Para ele, a produ√ß√£o de novas id√©ias t√™m rela√ß√£o direta com a capacidade de dedicar-se as divers√Ķes individuais e em fam√≠lia ‚Äď ir √† praia, dan√ßar, cantar, assistir a filmes. Segundo De Masi os profissionais est√£o cada vez mais presos entre quatro paredes – escrit√≥rios e linhas de produ√ß√£o -, sendo que a criatividade dificilmente ocorre nesses locais.

Ele afirma que a redu√ß√£o da jornada de trabalho para alguns setores da economia, combinada com outras a√ß√Ķes, podem reduzir o desemprego, notadamente junto aos jovens, que s√£o as pessoas mais afetadas.

Tive o prazer de ler este livro h√° 9 anos e reli agora, fazendo uma compara√ß√£o das suas id√©ias com a proje√ß√£o que ele faz sobre o futuro (ano base 2015), enfatizada no pen√ļltimo cap√≠tulo do livro. √Č impressionante os seus acertos.

√Č um livro acess√≠vel, facilmente encontrado em sebos (www.estantevirtual.com.br) e livrarias. Recomendo aos estudantes e profissionais que queiram entender um pouco mais sobre filosofia e sociologia do trabalho, objetivando enfrentar os atuais e futuros desafios.


Publicado em Dicas mercado de trabalho, ócio criativo | Deixar um comentário

Filme √Ä Procura da Felicidade: Li√ß√Ķes para a nossa vida

Se voc√™ ainda n√£o assistiu a este filme, aproveite para faz√™-lo. Caso j√° o tenha assistido, reveja e analise o drama vivido pelos personagens principais e secund√°rios: Chris Gardner (Will Smith) √© um pai de fam√≠lia que enfrenta s√©rios problemas financeiros. Apesar de todas as tentativas em manter a fam√≠lia unida, Linda (Thandie Newton), sua esposa, decide partir. Chris agora √© pai solteiro e precisa cuidar de Christopher (Jaden Smith), seu filho de apenas 5 anos. Ele tenta usar sua habilidade como vendedor para conseguir um emprego melhor, que lhe d√™ um sal√°rio mais digno. Chris consegue uma vaga de estagi√°rio numa importante corretora de a√ß√Ķes, mas n√£o recebe sal√°rio pelos servi√ßos prestados. Sua esperan√ßa √© que, ao fim do programa de est√°gio, ele seja contratado e assim tenha um futuro promissor na empresa. Por√©m seus problemas financeiros n√£o podem esperar que isto aconte√ßa, o que faz com que sejam despejados. Chris e Christopher passam a dormir em abrigos, esta√ß√Ķes de trem, banheiros e onde quer que consigam um ref√ļgio √† noite, mantendo a esperan√ßa de que dias melhores vir√£o.

Atrav√©s da sua hist√≥ria podemos tirar in√ļmeras li√ß√Ķes para a nossa vida pessoal e profissional:

- Acreditar em si e nas outras pessoas;
- A import√Ęncia do amor entre pai e filho;
- Persist√™ncia e capacidade para lidar com as frustra√ß√Ķes;
- Como é essencial desenvolver habilidades e competências para atender, vender, negociar, relacionar e comunicar.

√Č um filme que refor√ßa o talento de¬† Will Smith e de toda uma equipe de atores, diretores e t√©cnicos que fazem da S√©tima Arte uma maravilha.

Aprender a lidar com as frustra√ß√Ķes e ser forte nos momentos dif√≠ceis √© algo essencial para todos n√≥s. Somente quando estamos diante dos problemas que parecem insol√ļveis √© que percebemos a nossa real capacidade de lutar contra as adversidades.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Deixar um coment√°rio

Você é uma marca: saiba valorizá-la

Talvez você nunca tenha parado para pensar, mas temos algumas semelhanças com os produtos e serviços que consumimos no dia a dia: Temos um nome, uma embalagem, atendemos necessidades, somos encontrados em um determinado local, cobramos pelos serviços e fazemos propaganda, divulgando as nossas habilidades e competências profissionais.
 
Semelhante aos produtos e serviços que encontramos nos supermercados, também somos escolhidos pelos nossos clientes pessoas físicas e jurídicas. Com o passar do tempo, corremos o risco de desaparecer do mercado em função da concorrência de outros produtos e serviços mais modernos, eficazes e que satisfazem melhor as necessidades e desejos dos consumidores.
 
Para que um produto continue no mercado, há necessidade de propaganda e que a mesma seja verdadeira. Saiba que uma ótima propaganda destinada a um produto ou serviço ruim, acaba mais rapidamente com ele, pois o cliente compra uma vez e não volta a adquiri-lo.
 
Na sua vida profissional, procure agregar valor às suas habilidades e competências, se diferenciando dos demais concorrentes. Abaixo relacionamos algumas habilidades que podem fazer com que a sua marca profissional seja constantemente valorizada pelo mercado de trabalho:
 
‚ąö Realize as suas atividades com qualidade e com sentimento de perfei√ß√£o;
‚ąö Saiba encantar os seus clientes;
‚ąö Seja um vendedor multim√≠dia (presencial, telefone, internet);
‚ąö Diversifique as suas habilidades e saiba utilizar os meios de comunica√ß√£o;
‚ąö Desenvolva uma vis√£o criativa e a motiva√ß√£o;
‚ąö Saiba comunicar verbalmente e por escrito;
‚ąö Relacione com pessoas e construa a sua rede de contatos.
 
Cada função demanda habilidades específicas. Relacione quais são as mais importantes para você. Não há profissional que consiga ser excelente em todas as habilidades. Identifique os seus pontos fortes e os aprimore cada vez mais. Onde você for mais fraco, busque compensar com as suas habilidades excepcionais.
 
Vivemos num mundo extremamente competitivo! Comece agora mesmo a visualizar-se de modo diferente. Você é um simples funcionário da sua empresa ou é membro de uma equipe?  Você faz falta na sua empresa? As pessoas gostam do seu trabalho? O que você fará, caso a sua função seja incorporada pelas novas tecnologias?
 
O que é marketing pessoal?
 
Conceituamos como marketing pessoal “ o conjunto de habilidades e competências relacionadas à sua inteligência e às habilidades manuais Рcantar, dançar, vender, comunicar, transmitir conhecimentos, destinadas a suprir necessidades e desejos das pessoas.
 
Para ficar mais fácil compreender o que é marketing pessoal, analisemos o caso do professor, pianista, vendedor, advogado, cantor, ator, médico, cientista, entre outros. Esses profissionais possuem conhecimentos e os transformam em habilidades e competências que satisfaçam as necessidades dos seus clientes.
 
Marketing pessoal tamb√©m √© propaganda, √© saber promover a pr√≥pria imagem. Por√©m, n√£o basta apenas saber divulgar a sua imagem pessoal. √Č preciso ser competente, √©tico e corresponder √†s expectativas dos clientes.
 
Assim, √© bom lembrar que construir um marca leva tempo e para ser destru√≠da, bastam alguns minutos. Procure desenvolver compet√™ncias que solidifiquem a sua marca profissional e pessoal. Construa bons relacionamentos, pois a vida √© feita de relacionamentos. Todos os nossos sonhos, atitudes e a√ß√Ķes ter√£o mais significado se forem destinados √†s pessoas e √† melhoria das suas vidas. Reflita sobre isso.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | 1 coment√°rio

Reinventando a sua carreira profissional

Cada pessoa disp√Ķe de uma carreira profissional √ļnica. O seu planejamento deve contemplar os objetivos e metas de curto, m√©dio e longo prazos.
Como elaborar um plano de ação?

Pegue caneta e papel e fa√ßa anota√ß√Ķes sobre a sua carreira profissional. Lembre-se de que um bom planejamento deve ser flex√≠vel e permitir mudan√ßas quando a realidade do mercado de trabalho e das profiss√Ķes assim indicarem.

1) Onde estou?
Aqui você deve relacionar as habilidades e competências que possui e
quais necessita desenvolver. Vejamos alguns exemplos: comunicar,
atender, vender, negociar, usar a inform√°tica, relacionar com pessoas, entre outras.

2) Estou satisfeito com a minha profissão?  Estou insatisfeito?
Relacione os principais motivos da sua satisfação e ou insatisfação.
  
3) Penso em mudar de profiss√£o?
Mencione os motivos e para qual profiss√£o ir√° mudar.
 
4) Quais as atuais e futuras ameaças à minha profissão?
Mencione a possibilidade das suas fun√ß√Ķes serem realizadas pela m√°quina, retra√ß√£o do mercado de trabalho ou excesso de profissionais atuando.

5) Quais as atuais e futuras oportunidades no meu segmento profissional?
Quais as necessidades dos seus clientes? De que maneira as tecnologias podem favorecer o seu trabalho? Quais habilidades e competências você
necessita desenvolver para se diferenciar dos concorrentes?

O Projeto Você

T√£o importante quanto dispor de um planejamento profissional, √© possuir metas pessoais. Parece algo √≥bvio, entretanto, h√° profissionais que t√™m planos de metas para a profiss√£o e se descuidam da vida pessoal. T√™m uma vida pessoal completamente fora dos padr√Ķes e n√£o se preocupam com a sa√ļde f√≠sica, mental e financeira. Abaixo relacionamos algumas perguntas para voc√™:

a) Quem sou eu e como desejo ser lembrado?
Quais s√£o as raz√Ķes para a sua exist√™ncia? Qual o seu legado de vida?

b) Quais s√£o os meus valores ‚Äď o que julgo importante?
Religi√£o, fam√≠lia, esporte, bens materiais…

c) Quais os meus pontos fortes na vida pessoal? E os pontos fracos?

d) Quanto tempo do meu dia ou semana fico pensando no passado?
    E no presente? E no futuro?

e) Quais metas são mais importantes e vão fazer diferença em minha vida pessoal?
(dedicar mais à família, casar, filhos, estudar, ter amigos, etc.)

f) Quem pode me ajudar na concretização das metas?
H√° um samba cantado por Zeca Pagodinho que afirma: ‚Äú…deixa a vida me levar… vida leva eu…‚ÄĚ No samba este ditado pode ser v√°lido. Na vida real, √© algo extremamente arriscado deixar tudo por conta do acaso. √Č claro que um bom plano exige flexibilidade e que seja pass√≠vel de execu√ß√£o.

Fique atento √†s mudan√ßas econ√īmicas e pol√≠ticas do Brasil, pois elas podem interferir direta e indiretamente em nossa profiss√£o.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Deixar um coment√°rio

Salman Khan: o professor mais popular e criativo da Internet

Quando o genial Glauber Rocha (1939 ‚Äď 1981 ‚Äď foto), cineasta baiano, natural de Vit√≥ria da Conquista, afirmou que cinema se fazia ‚Äú com uma c√Ęmera na m√£o e uma id√©ia na cabe√ßa‚ÄĚ, nos idos de 1971, o jovem Salman Khan (foto), 34 anos, ainda n√£o era nascido. Entretanto, de alguma forma a criatividade de ambos vem influenciando milh√Ķes de pessoas ao redor do mundo.

O jovem professor virtual está revolucionando a maneira de transmitir os seus conhecimentos sobre variados temas, a exemplo de matemática, química, economia, física e biologia, através de postagens diárias de 10 vídeos, com duração de até vinte minutos, cada.

De forma clara, objetiva e com exemplos de f√°cil compreens√£o, ele vem compartilhando os seus conhecimentos com milh√Ķes de alunos de v√°rias partes do mundo e pasmem: tudo gratuito!

Assim como Glauber Rocha, Khan utiliza-se de muita criatividade para fazer os seus v√≠deos, onde a principal estrela raramente aparece, a n√£o ser atrav√©s da sua voz. Utiliza-se apenas de um espa√ßo f√≠sico modesto, uma c√Ęmera, um tablet interligado a outro computador e uma caneta eletr√īnica para escrever.

Recentemente, Bill Gates e outros grandes empres√°rios resolveram apoiar as id√©ias de Khan, injetando alguns milh√Ķes de d√≥lares para que o seu portal www.khanacademy.org seja assistido por milh√Ķes de alunos e admiradores.

No Brasil a Fundação Lemann (www.fundacaolemann.org.br) firmou convênio com Khan e os seus vídeos estão sendo dublados para o português e já podem ser assistidos, gratuitamente. Confira:
khanportugues

O que podemos aprender com Salman Khan?

- O talento é a diferença que faz a diferença. Somente teremos avanços de qualidade na educação com professores excelentes, criativos e ousados. Isso é válido para os demais segmentos da Sociedade.

- A sala de aula do futuro, que j√° est√° presente, ser√° real e principalmente, virtual. O professor ter√° que ser multim√≠dia, ou seja, saber transmitir os seus conhecimentos atrav√©s dos in√ļmeros meios de comunica√ß√£o j√° existentes e os que ser√£o criados.

- A iniciativa privada necessita dar mais apoio √†s escolas p√ļblicas e com elas fazerem parcerias para melhorar a qualidade do ensino.

- O conte√ļdo das aulas necessita estar associado ao seu uso no dia a dia dos alunos e n√£o direcionado, apenas, ao vestibular, como vem acontecendo h√° d√©cadas.

- Para os jovens, a escola tradicional j√° n√£o satisfaz e √© preciso uma mudan√ßa radical no conte√ļdo e na forma de trabalhar os conhecimentos.

Assim como Glauber Rocha, Khan vem incentivando milhares de pessoas a compartilhar os conhecimentos através da Internet, cada um em sua área de especialização. Esta é uma tendência maravilhosa e que veio para ficar!

Decorridos 41 anos da genial frase, ela continua mais do que nunca uma realidade, principalmente com a criação do You Tube. Nossos agradecimentos a ambos pelas idéias simples e arrojadas, cada um em seu tempo.

“Educa√ß√£o tamb√©m se faz com uma c√Ęmera na m√£o e uma ideia na cabe√ßa‚ÄĚ


Publicado em Curso, Dicas mercado de trabalho, Mercado, Oportunidade | Com a tag , | 4 coment√°rios

Você tem um mentor profissional?

Essa função tem vários significados: preceptor, orientador, guia intelectual, educador e mentor. Na Grécia antiga os filósofos eram bastante requisitados para essa nobre atividade. Naquela época o Mentor Intelectual oferecia os seus serviços aos políticos e  famílias abastadas, com a finalidade de auxiliar na educação dos seus filhos. A maioria da população era analfabeta e o acesso à informação era restrito a poucos.
 
Devemos aprender com as experi√™ncias vitoriosas do passado e fazer as adapta√ß√Ķes necess√°rias. O maior obst√°culo √† inser√ß√£o dos jovens no mercado de trabalho chama-se falta de experi√™ncia. S√£o comuns os an√ļncios de ofertas de empregos que exigem ‚Äúexperi√™ncia em carteira‚ÄĚ e por outro lado, que os candidatos sejam muito jovens. A experi√™ncia somente √© poss√≠vel com a pr√°tica. Acreditamos que o mentor profissional pode contribuir para minimizar esse problema.
 
As empresas de vanguarda j√° descobriram a import√Ęncia de investir em novos talentos.¬† Elas perceberam que a experi√™ncia exigida para executar determinadas fun√ß√Ķes¬† pode ser rapidamente alcan√ßada por interm√©dio dos funcion√°rios¬† mais competentes e familiarizados com as rotinas de trabalho. Essa troca de informa√ß√£o gera novas id√©ias, estimula a criatividade e provoca mudan√ßas.
 
Relacionamos algumas sugest√Ķes para os jovens profissionais e aos que desejam atuar como mentores:
 
‚ąö Se voc√™ est√° desempregado, busque na sua fam√≠lia, rede de contatos, escola, faculdade e no seu bairro, pessoas que tenham experi√™ncias profissionais em atendimento, vendas, telemarketing, negocia√ß√£o e em outras habilidades e solicite aux√≠lio. A porta de entrada para o primeiro emprego costuma ser o varejo e o setor de presta√ß√£o de servi√ßos.
 
‚ąö Utilize a audi√ß√£o, vis√£o, tato, paladar e olfato para perceber os detalhes de uma atividade profissional ou de lazer. Comece a exercitar em sua resid√™ncia, escola e faculdade. Fa√ßa perguntas,¬† d√™ sugest√Ķes e anote tudo que julgar importante. Mais do que nunca a vida √© uma escola e cada dia uma nova li√ß√£o.
 
‚ąö Desenvolva a capacidade de estudar por conta pr√≥pria. As informa√ß√Ķes podem ser obtidas facilmente. O grande desafio √© transform√°-las em conhecimentos e depois em habilidades e compet√™ncias pessoais e profissionais.
 
‚ąö Compartilhe a sua experi√™ncia profissional se tornando Mentor na sua fam√≠lia, comunidade e na empresa em que trabalha. O conhecimento somente faz sentido para a nossa vida quando podemos dividir com outras pessoas.
 
‚ąö Na sua empresa, estimule a troca de experi√™ncias entre funcion√°rios. Permita que os jovens profissionais exer√ßam atividades em v√°rias fun√ß√Ķes e setores. Descubra os seus e os talentos dos novos profissionais.¬†
 
‚ąö Selecione textos que sejam adequados para leitura em voz alta e treine em frente ao espelho. Com isso voc√™ desenvolver√° a capacidade de falar em p√ļblico. √Č bom para voc√™ e para a sua autoestima.
 
As grandes mudan√ßas come√ßam com os primeiros passos e todos devem dar a sua contribui√ß√£o. Os jovens j√° est√£o sendo os nossos Mentores, favorecendo o acesso ao conhecimento tecnol√≥gico, a exemplo da inform√°tica, internet e celular. √Č hora de retribuirmos.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Com a tag | Deixar um coment√°rio