Steve Jobs: como fazer apresenta√ß√Ķes em p√ļblico

Todos n√≥s sabemos o quanto √© importante saber falar em p√ļblico. Hoje, iremos abordar algumas t√©cnicas de apresenta√ß√Ķes, tomando como exemplo um dos homens mais habilidosos em apresentar os seus produtos e servi√ßos: Steve Jobs. Em primeiro lugar, vamos conhecer um pouco da sua hist√≥ria de vida.

Segundo a Wikipedia ‚Äď a enciclop√©dia livre ‚Äď Steve jobs nasceu em San Francisco, nos Estados Unidos. √Č filho adotivo de Paul e Clara Hagopian Jobs. Ao lado de seu parceiro tecnol√≥gico Steve Wozniak, Jobs fundou a Apple Computer em 1976 com o lan√ßamento do Apple I e logo depois o Apple II.

Uma de suas inova√ß√Ķes foi ramificar a Apple para al√©m de seu mercado restrito da inform√°tica, passando a atuar na √°rea de eletr√īnica, telecomunica√ß√Ķes (iPhone) e m√ļsicas digitais (AAC e MP3), com a introdu√ß√£o em 2001 do tocador port√°til de m√ļsica iPod, integrado com sua loja de venda legal de m√ļsica pela internet atrav√©s do iTunes, um software dedicado para reprodu√ß√£o de √°udio, v√≠deo, CDs e de r√°dios online. O iPod conquistou o p√ļblico por sua leveza, praticidade, modernidade e simplicidade.

Em 2007 a Apple passou a comercializar telefones celulares, chamados de iPhone, com tecnologia de toque (batizada de multi-touch por aceitar toques simult√Ęneos); em 2008 lan√ßou a vers√£o de tecnologia 3G do aparelho, iPhone 3G; em julho de 2009 lan√ßou o iPhone 3gs (speed), com comando de voz e muito mais r√°pido que os modelos anteriores.

Agora que conhecemos um pouco sobre ele, sugerimos que você assista ao vídeo que segue, onde ele fez o lançamento mundial do iPad.

Em ess√™ncia, o iPad √© um ‚ÄúiPhone gigante‚ÄĚ, mas n√£o tem fun√ß√Ķes de celular, embora possa ser usado para chamadas por meio da internet (com uso de programas VoIP). O aparelho navega na internet por meio de conex√Ķes sem fio (Wi-Fi e 3G). Ele tamb√©m traz conex√£o Bluetooth para se comunicar com perif√©ricos, como teclados e webcams sem fio. Agora, analise os seguintes aspectos:

- Linguagem verbal ‚Äď volume, ritmo e tom de voz de Jobs.
- Linguagem corporal ‚Äď gestos, posturas, movimenta√ß√£o no palco, roupa que usa e intera√ß√£o com a plat√©ia.
- Argumenta√ß√£o de venda ‚Äď constru√ß√£o dos argumentos para ‚Äúvender o seu peixe‚ÄĚ e os diferenciais que ele destaca, sempre levando em considera√ß√£o os interesses dos seus potenciais clientes.
- Capacidade de s√≠ntese, clareza e objetividade. Ele treinou e treinou a apresenta√ß√£o, v√°rias vezes e escolheu a melhor forma e conte√ļdo.
- Aspectos técnicos da apresentação, fotos, áudio e vídeo em sintonia com a comunicação verbal.
- Ilumina√ß√£o, ac√ļstica do local escolhido, √Ęngulos que as c√Ęmeras devem mostrar, objetivando influenciar o p√ļblico presente e, principalmente, as pessoas que estar√£o lhe assistindo a dist√Ęncia.

√Č fundamental que voc√™ assista v√°rias vezes e observe todos os detalhes, pensando como se fosse ele e ao mesmo tempo, colocando-se no lugar de um poss√≠vel comprador do iPad.

Agora que voc√™ j√° fez esses exerc√≠cios, pegue uma folha de papel e escreva como ir√° fazer as suas futuras apresenta√ß√Ķes na faculdade, no trabalho e nos encontros sociais.

Parece f√°cil, mas n√£o o √©. Somente o treino ser√° capaz de torn√°-lo t√£o bom ou quem sabe, melhor do que Steve Jobs em suas apresenta√ß√Ķes.

Caso você queira desenvolver ou aprimorar as suas habilidades de comunicação e de marketing pessoal, recomendo o curso da Profª. Vera Serra. (71) 3491-1562 / 8716-9856 (TIM) cursos@veraserra.com.br www.veraserra.com.br Salvador (BA).


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Deixar um coment√°rio

Você é uma marca: saiba valorizá-la

Talvez você nunca tenha parado para pensar, mas temos algumas semelhanças com os produtos e serviços que consumimos no dia a dia: Temos um nome, uma embalagem, atendemos necessidades, somos encontrados em um determinado local, cobramos pelos serviços e fazemos propaganda, divulgando as nossas habilidades e competências profissionais.
 
Semelhante aos produtos e serviços que encontramos nos supermercados, também somos escolhidos pelos nossos clientes pessoas físicas e jurídicas. Com o passar do tempo, corremos o risco de desaparecer do mercado em função da concorrência de outros produtos e serviços mais modernos, eficazes e que satisfazem melhor as necessidades e desejos dos consumidores.
 
Para que um produto continue no mercado, há necessidade de propaganda e que a mesma seja verdadeira. Saiba que uma ótima propaganda destinada a um produto ou serviço ruim, acaba mais rapidamente com ele, pois o cliente compra uma vez e não volta a adquiri-lo.
 
Na sua vida profissional, procure agregar valor às suas habilidades e competências, se diferenciando dos demais concorrentes. Abaixo relacionamos algumas habilidades que podem fazer com que a sua marca profissional seja constantemente valorizada pelo mercado de trabalho:
 
‚ąö Realize as suas atividades com qualidade e com sentimento de perfei√ß√£o;
‚ąö Saiba encantar os seus clientes;
‚ąö Seja um vendedor multim√≠dia (presencial, telefone, internet);
‚ąö Diversifique as suas habilidades e saiba utilizar os meios de comunica√ß√£o;
‚ąö Desenvolva uma vis√£o criativa e a motiva√ß√£o;
‚ąö Saiba comunicar verbalmente e por escrito;
‚ąö Relacione com pessoas e construa a sua rede de contatos.
 
Cada função demanda habilidades específicas. Relacione quais são as mais importantes para você. Não há profissional que consiga ser excelente em todas as habilidades. Identifique os seus pontos fortes e os aprimore cada vez mais. Onde você for mais fraco, busque compensar com as suas habilidades excepcionais.
 
Vivemos num mundo extremamente competitivo! Comece agora mesmo a visualizar-se de modo diferente. Você é um simples funcionário da sua empresa ou é membro de uma equipe?  Você faz falta na sua empresa? As pessoas gostam do seu trabalho? O que você fará, caso a sua função seja incorporada pelas novas tecnologias?
 
O que é marketing pessoal?
 
Conceituamos como marketing pessoal “ o conjunto de habilidades e competências relacionadas à sua inteligência e às habilidades manuais Рcantar, dançar, vender, comunicar, transmitir conhecimentos, destinadas a suprir necessidades e desejos das pessoas.
 
Para ficar mais fácil compreender o que é marketing pessoal, analisemos o caso do professor, pianista, vendedor, advogado, cantor, ator, médico, cientista, entre outros. Esses profissionais possuem conhecimentos e os transformam em habilidades e competências que satisfaçam as necessidades dos seus clientes.
 
Marketing pessoal tamb√©m √© propaganda, √© saber promover a pr√≥pria imagem. Por√©m, n√£o basta apenas saber divulgar a sua imagem pessoal. √Č preciso ser competente, √©tico e corresponder √†s expectativas dos clientes.
 
Assim, √© bom lembrar que construir um marca leva tempo e para ser destru√≠da, bastam alguns minutos. Procure desenvolver compet√™ncias que solidifiquem a sua marca profissional e pessoal. Construa bons relacionamentos, pois a vida √© feita de relacionamentos. Todos os nossos sonhos, atitudes e a√ß√Ķes ter√£o mais significado se forem destinados √†s pessoas e √† melhoria das suas vidas. Reflita sobre isso.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | 1 coment√°rio

Projeto Fazendo e Aprendendo: você constrói o seu conhecimento

O Projeto Fazendo e Aprendendo consiste em estimular os profissionais, e aos seus familiares a estudarem por conta pr√≥pria. Vejamos algumas das sugest√Ķes que exigem pouco investimento e outras que s√£o gratuitas:

‚ąö Planeje, identifique e priorize quais conhecimentos voc√™ necessita adquirir. Tenha objetivos claros e que possam ser concretizados. Acompanhe e avalie o seu desempenho;

‚ąö Envolva a sua fam√≠lia no Projeto. Busque o conhecimento e a participa√ß√£o de todos;

‚ąö Forme um grupo de estudo ‚Äď m√°ximo de cinco pessoas -¬† onde cada participante dever√° estudar um¬† tema e depois apresent√°-lo para os demais. Dessa forma, a motiva√ß√£o tende a aumentar, contribuindo, tamb√©m, para a troca de experi√™ncias pessoais;

‚ąö Desenvolva ou aprimore o conhecimento em inform√°tica. Voc√™ pode realizar esse aprendizado com pessoas da pr√≥pria fam√≠lia ou que voc√™ tem relacionamento de amizade. Que tal convid√°-las para participar da Equipe? A inform√°tica √© fundamental para o Fazendo e Aprendendo;
 
‚ąö Ao utilizar a internet, selecione dois ou tr√™s temas para pesquisar, objetivando n√£o perder o foco;

‚ąö Leia revistas, livros e jornais para ampliar o seu vocabul√°rio e melhorar a escrita. Converse com pessoas mais experientes ‚Äď pais, av√≥s e tios. A troca de experi√™ncia √© imprescind√≠vel para o nosso aprendizado. A rec√≠proca tamb√©m √© verdadeira: Os jovens s√£o os grandes respons√°veis pelo acesso dos familiares ao mundo digital, principalmente no uso da internet e do celular. Voc√™ j√° possui a voca√ß√£o para ser um Multiplicador do Conhecimento;

‚ąö Amplie o seu aprendizado e n√£o fique restrito a sua atividade profissional. Busque novos desafios e volte a estudar. N√£o interessa a sua idade e o tempo que deixou de freq√ľentar a escola. Al√©m do prazer de aprender novos conhecimentos, voc√™ acrescentar√° 15% ao seu sal√°rio, por cada ano de estudo;

‚ąö Ao assistir televis√£o, d√™ prioridade aos telejornais, programas de entrevistas e document√°rios. Se voc√™ gosta de novelas, aproveite para observar a comunica√ß√£o verbal (voz) e a linguagem corporal (gestos, posturas e roupas) dos atores. Assim voc√™ poder√° melhorar a sua comunica√ß√£o. Leia textos em voz alta como se fosse um apresentador de televis√£o ou ator. Use a criatividade e a imagina√ß√£o;

Por √ļltimo, aprimore a sua consci√™ncia cr√≠tica sobre o que l√™, ouve e fala. Conhecimento √© uma estrada que n√£o tem fim, somente in√≠cio. Permanecer caminhando far√° toda a diferen√ßa.


Publicado em Dicas mercado de trabalho, Fazendo e aprendendo | Deixar um coment√°rio

O que fazer quando n√£o gostamos do atual trabalho?

Todos nos modificamos ao longo da vida. √Äs vezes, aquela atividade que t√≠nhamos enorme prazer em executar, com o passar do tempo vamos deixando de gostar. Al√©m disso, novas profiss√Ķes est√£o surgindo, outras desaparecendo e /ou misturando-se.

A primeira etapa a ser cumprida é identificar os motivos pelos quais você não gosta do que faz. Vejamos alguns exemplos:

N√£o gosta de alguma atividade ou de todas?
N√£o gosta do ambiente de trabalho ou da empresa?
Não está satisfeito é com a remuneração ou com a atividade?
Sempre foi assim ou esta dificuldade √© moment√Ęnea?
Ser√° que alguns problemas pessoais est√£o influenciando no seu estado emocional?

Em seguida, fa√ßa um planejamento de carreira profissional, objetivando identificar onde se encontra e para onde deseja ir. As a√ß√Ķes devem contemplar as seguintes etapas:
1) Iniciação profissional;
2) Crescimento;
3) Demiss√£o;
4) Uma segunda (ou terceira) carreira profissional;
5) Aposentadoria.

Inicia√ß√£o profissional ‚Äď √© uma etapa de muitas d√ļvidas e incertezas: Qual profiss√£o exercer? Como conquistar o primeiro emprego? A grande maioria dos profissionais come√ßa a trabalhar como atendentes, vendedores, operadores de telemarketing e auxiliares de escrit√≥rios. Outros buscam est√°gios que estejam em sintonia com os cursos universit√°rios ou t√©cnicos que est√£o concretizando.

Voc√™ n√£o deve ficar preso ao nome da sua profiss√£o. Cada vez mais as profiss√Ķes est√£o sendo modificadas. Algumas est√£o desaparecendo e outras est√£o surgindo. Fique atento ao desenvolvimento de habilidades e compet√™ncias que estejam sendo valorizadas pelo mercado. √Č prov√°vel que voc√™ mudar√° de profiss√£o umas duas ou tr√™s vezes, durante a sua trajet√≥ria profissional.

Atualmente, muitos profissionais est√£o optando por cursos t√©cnicos de curta dura√ß√£o ‚Äď tecnologia da informa√ß√£o, seguran√ßa do trabalho, entre outros, pois eles oferecem maiores chances de emprego. O SESI, SENAC e o SENAI podem ser excelentes op√ß√Ķes.

Aprenda, observe, desenvolva a sua criatividade e construa a sua rede de contatos. A vida é feita de relacionamentos.

Crescimento profissional ‚Äď esta fase tende a ser a mais importante. √Č quando aflora uma maior ambi√ß√£o e o desejo de fazer diferen√ßa no mundo em que vivemos. Analise a pol√≠tica de promo√ß√Ķes da Empresa, a sua cultura organizacional e quanto tempo dever√° permanecer. Esse √© o momento em que voc√™ deve fazer a principal escolha: continuar na mesma profiss√£o ou buscar uma segunda carreira profissional, dentro ou fora da empresa. Durante esse per√≠odo voc√™ deve avaliar as vantagens e desvantagens da sua profiss√£o. N√£o espere que a empresa gerencie a sua carreira profissional. Cabe a voc√™ fazer isto.
 
¬†Este √© o momento para voc√™ tamb√©m economizar os seus recursos financeiros, objetivando investir em cursos de p√≥s-gradua√ß√£o, MBA, mestrado e tamb√©m contribuir para a previd√™ncia social ‚Äď p√ļblica e privada ‚Äď visando √† aposentadoria. Cuidado! Nessa fase muitos profissionais se deixam embriagar pelo poder e o dinheiro, imaginando que os mesmos ser√£o eternos.

Demissão Рa primeira demissão é sempre mais difícil e dolorosa. Provavelmente ela o deixará abatido por alguns dias, conforme o vínculo emocional, status e posição hierárquica que você se encontrar. Se você ainda não enfrentou uma demissão, há grandes chances de ter uma ou várias em sua carreira. Uma dica importante: procure encarar a sua vida profissional como um prestador de serviços para a empresa X, Y, Z. Não caia na bobagem de achar que é insubstituível. Quem tem um emprego, não tem nenhum. Fique atento ao mercado de trabalho e cuide da sua carreira profissional.

Caso você consiga uma boa indenização ao ser demitido, procure economizar ao máximo, pois a sua recolocação poderá acontecer de forma rápida, lenta ou nunca mais. São palavras duras, porém sinceras. O seu dinheiro é o seu oxigênio. Economize para os momentos mais importantes. Esse é um momento especial para repensar a sua carreira profissional, aprender com os possíveis erros e analisar o que você deseja fazer no futuro.

N√£o caia na bobagem de tornar-se empres√°rio para preencher a ang√ļstia e o vazio das horas em que estiver desempregado. Pessoas que agem dessa forma fecham as portas de suas empresas depois de dois ou tr√™s anos. Voc√™ poder√° ficar sem o dinheiro da indeniza√ß√£o e com muitas d√≠vidas. Se voc√™ participar de um PDV ‚Äď Programa de Demiss√£o Volunt√°ria, muito em voga no atual momento, fique atento: 95% dos funcion√°rios que participam, se d√£o mal e arrependem da decis√£o.

VI)¬†Uma segunda carreira profissional ‚Äst quase todo mundo j√° pensou ou vai pensar em uma segunda ou terceira carreira. A nossa primeira escolha profissional tende a ser equivocada. Um outro motivo que poder√° fazer com que voc√™ mude de profiss√£o √© a instabilidade econ√īmica, que normalmente afeta mais alguns setores, tanto positiva como negativamente.¬† Nesse s√©culo¬† as profiss√Ķes est√£o se modificando rapidamente e outras s√£o absolutamente novas. Relacione no seu planejamento a√ß√Ķes para mudar de profiss√£o.
 
Aposentadoria Рao contrário do que muitos acreditavam até a década de 90,  aposentar não mais significa ficar em casa, de pijama, em frente a uma televisão Рembora muitos estejam fazendo exatamente isto, por falta de opção ou motivação. Essa etapa significa cuidar ainda mais do corpo e da mente. Planeje a sua vida profissional para durar 100 anos. Desenvolva estratégias para continuar sendo importante para a Sociedade, a exemplo de dar aulas, ajudar as pessoas mais necessitadas, realizar trabalhos na área de consultoria, aproveitando as habilidades e competências que você acumulou ao  longo da vida profissional e voltar a estudar. Monte em sua casa um local para estudo e trabalho, utilizando a internet. Compartilhe ainda mais os conhecimentos com os seus familiares. Com as novas tecnologias, pais aprendem com filhos e vice-versa.
 
Esteja preparado, pois essa fase costuma ser a mais dif√≠cil. Temos que saber administrar perdas de pessoas queridas, decl√≠nio financeiro, discrimina√ß√£o social, doen√ßas e solid√£o. Por√©m, n√£o desanime. Observe que essa fase tem uma rela√ß√£o direta com as fases anteriores. Se voc√™ buscar se preparar financeira e emocionalmente, construindo relacionamentos dentro e fora do ambiente profissional, voc√™ dever√° contar com amigos. Por outro lado, os profissionais que constru√≠rem amizades somente no mundo empresarial,¬† tender√£o a viver mais isolados. As amizades no ambiente profissional, com raras exce√ß√Ķes, s√£o por interesse e enquanto voc√™ estiver trabalhando. Com a aposentadoria e com o passar dos anos, as amizades v√£o desaparecendo. N√£o se iluda!

Finalizando, √© importante ressaltar que cada carreira profissional √© √ļnica.¬† As oportunidades aproveitadas ou desperdi√ßadas poder√£o fazer toda a diferen√ßa. Em qualquer fase da sua vida profissional valorize a sua fam√≠lia e n√£o abra m√£o de conviver bem com os seus filhos, netos e demais parentes. Na hora da dificuldade voc√™ ter√° sempre o apoio daqueles que o amam de verdade.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Com a tag | Deixar um coment√°rio

Motivação: combustível para a vida

Somos pessoas complexas e os fatores motivadores e desmotivadores diferem de cada um de nós. Selecionamos alguns fatores que podem estimular a nossa motivação. Alguns estímulos poderão ser fugazes, passageiros e outros mais duradouros. Analise quais são mais adequados a sua realidade:

‚ąö Percep√ß√£o sobre a vida e como os fatos cotidianos s√£o encarados com entusiasmo. Ter uma vis√£o entusiasmada e desafiadora sobre as 24 horas do dia √© algo motivador, principalmente quando voc√™ tem metas e objetivos bem definidos. Voc√™ √© do tipo que procura enxergar somente os problemas ou visualiza tamb√©m as solu√ß√Ķes? A sua tend√™ncia √© mais para o otimismo ou o pessimismo?

‚ąö Relacionamento familiar ‚Äď nos √ļltimos anos ela vem sofrendo fortes abalos na maneira de viver e de relacionar. Entretanto, √© ineg√°vel a sua import√Ęncia para a forma√ß√£o da personalidade e para o enfrentamento das dificuldades cotidianas. A sua fam√≠lia funciona como uma equipe ou as pessoas vivem isoladamente? As pessoas d√£o mais aten√ß√£o a um bom papo presencial ou preferem a internet e a televis√£o? Qual a √ļltima vez que voc√™s sentaram para conversar sobre as suas metas e objetivos?

.‚ąö Amor ‚Äď ele √© a ess√™ncia da vida. O amor ilumina a nossa alma e transforma o ambiente interno e externo, contagiando a todos. Redescubra e invente a sua maneira de amar as pessoas, animais, a profiss√£o, um homem, uma mulher, a Deus e tudo o que lhe fizer bem. O amor √© energia que vai, contagia as pessoas e retorna para voc√™.

‚ąö Sa√ļde f√≠sica e mental. – sa√ļde f√≠sica √© imprescind√≠vel para uma vida motivada. Quando sentimos dores f√≠sicas tendemos a buscar aux√≠lio. Por outro lado, as doen√ßas mentais n√£o s√£o facilmente diagnosticadas e, mesmo quando diagnosticadas, relutamos em buscar aux√≠lio. Fique atento √†s doen√ßas da alma -. estresse, depress√£o, solid√£o, entre outras. Elas costumam ser as principais causas da desmotiva√ß√£o. Equil√≠brio √© fundamental para uma vida f√≠sica e mentalmente saud√°vel.

‚ąö Religi√£o – embora nos √ļltimos anos ela venha sendo utilizada por pessoas de m√° f√© e com o objetivo de tirar dinheiro dos seus fi√©is e servir de ponte para lan√ßarem pessoas √† pol√≠tica, continua e continuar√° a ser de extrema import√Ęncia para o nosso equil√≠brio emocional, principalmente nos momentos dif√≠ceis. Outra peculiaridade da religi√£o √© o forte desejo que manifesta em cada um de n√≥s, principalmente quando estamos envelhecendo. Escolha uma religi√£o que esteja em sintonia com os seus valores e cren√ßas e n√£o se deixe levar por falsas promessas.

‚ąö Modelos familiares – quando crian√ßa, formamos a nossa personalidade com base nos personagens da nossa fam√≠lia, da escola e da sociedade. ‚ÄúO homem √© um produto do meio‚ÄĚ. Certamente voc√™ j√° leu ou ouviu esta frase. Cada vez mais nos convencemos da sua verdade, mesmo que relativa. Fique atento aos bons exemplos em sua comunidade, escola, trabalho e amigos. Converse e observe a maneira de agir das pessoas.

‚ąö Criatividade ‚Äď ela estimula o nosso c√©rebro, nos auxilia na busca de solu√ß√Ķes para os problemas pessoais e profissionais. Tem um ditado popular que afirma ‚Äúcriar e co√ßar √© s√≥ come√ßar‚ÄĚ. Desenvolva ou aprimore esta habilidade, fundamental para a sua motiva√ß√£o e decis√Ķes cotidianas.

‚ąö Humor ‚Äď ele √© o chantili da vida e nos ajuda a minimizar situa√ß√Ķes de pavor e ang√ļstia. Experimente sorrir com o prop√≥sito de reduzir a import√Ęncia e gravidade dos seus problemas. Num primeiro momento n√£o resolve, por√©m, ameniza a ang√ļstia e lhe possibilita uma an√°lise mais racional. Assista a filmes de com√©dia, desenho animado e reveja outros que marcaram a sua inf√Ęncia. N√£o deixe a sua crian√ßa interior perder o encantamento. Quando nos tornamos adultos, tendemos a ficar excessivamente racionais, al√©m de mal-humorados e impacientes.

‚ąö Trabalho ‚Äď projete a sua vida profissional para durar muito tempo. Viver √© trabalhar √© produzir e sentir-se √ļtil. Quando se aposentar, n√£o cai na besteira de ficar em frente a uma televis√£o esperando as horas passarem. Mesmo que hoje voc√™ n√£o tenha o trabalho que lhe d√™ prazer, descubra raz√Ķes para continuar dando significado a ele. Quando poss√≠vel, mude de emprego e reinvente a sua profiss√£o.

‚ąö Estudo ‚Äď se voc√™ deixou de estudar, pense em retornar, pois ele √© capaz de nos rejuvenescer e proporcionar novos aprendizados. Com as novas tecnologias, √© poss√≠vel estudar em casa e tamb√©m de forma presencial. Crie em sua resid√™ncia a Escolinha do Lar ‚Äď local com computador, internet e livros ‚Äď para toda a fam√≠lia estudar e ler conjuntamente. Agora √© assim: Pais aprendem com filhos e vice-versa. Como diria o saudoso Gonzaguinha ‚Äú… a beleza de ser um eterno aprendiz‚ÄĚ. Viver √© aprender a todo instante e em todos os lugares.

‚ąö Lazer ‚Äď cinema, teatro, televis√£o, praia e todas as formar de divertimento que sejam capazes de proporcionar prazer s√£o bem-vindas. Tome cuidado para n√£o se tornar um viciado no trabalho e esquecer da fam√≠lia e das divers√Ķes. Fa√ßa do lazer oportunidade para estreitar os la√ßos familiares e com os amigos. O tempo n√£o volta atr√°s e os momentos s√£o √ļnicos. Aproveite a vida!

‚ąö Amizade ‚Äď ter amigos √© imprescind√≠vel para uma vida motivada. Ningu√©m √© uma ilha e n√£o podemos viver sozinhos. Esteja aberto a novas amizades e fa√ßa delas uma fonte de compartilhamento de boas id√©ias, hist√≥rias, est√≥rias e aventuras.

‚ąö Esporte ‚Äď o nosso corpo exige, pede e implora por movimentos. O sedentarismo provoca doen√ßas f√≠sicas e mentais. Descubra quais tipos de esportes s√£o mais adequados ao seu f√≠sico e estilo de vida.

‚ąö Dinheiro ‚Äď T√£o importante quanto saber ganhar dinheiro e tamb√©m economizar e investir. Voc√™ √© do tipo gastador e que gosta de comprar por puro consumismo? Lembre-se de que a vida d√° muitas voltas e o dinheiro costuma mudar de m√£o. Tenha sempre uma reserva financeira para os momentos dif√≠ceis.

‚ąö Ambi√ß√£o e poder ‚Äď eles podem ser uma fonte de motiva√ß√£o, quando bem utilizados ou podem se transformar em perigo para a sua vida e a dos seus familiares. Analise a sua personalidade e verifique qual a dose necess√°ria para torn√°-lo mais motivado.

‚ąö M√ļsica e atividades l√ļdicas ‚Äď acreditamos que o ser humano foi criado para ser artista. Todos n√≥s carregamos dentro dos nossos cora√ß√Ķes um forte desejo de ser artista. Coloque mais arte em sua vida! Cante, dance, toque um instrumento musical, participe de uma oficina de teatro, fotografe. N√£o v√° embora desta vida sem experimentar as emo√ß√Ķes das artes. Por √ļltimo, n√£o esque√ßa da arte de amar e fazer sexo.

‚ąö Sexo ‚Äď ele √© fant√°stico e revigora as nossas energias, contribuindo para a nossa motiva√ß√£o. N√£o se esque√ßa de dar prazer a sua parceira(o), pois o sexo √© muito mais do que o seu orgasmo. √Č o prazer tamb√©m da outra pessoa.

‚ąö Voluntariado ‚Äď a vida √© a arte de relacionar com pessoas e nos completamos quando ajudamos o pr√≥ximo. Pratique a√ß√Ķes solid√°rias e voc√™ sentir√° a forte motiva√ß√£o de transformar a sua vida e a das outras pessoas.

A lista √© infinita e voc√™ deve buscar identificar quais alavancas s√£o capazes de impulsionar a sua motiva√ß√£o, acendendo a sua ‚Äúbrasa interior‚ÄĚ. N√£o se iluda, acreditando que √© f√°cil. √Č simples, mas n√£o √© f√°cil. Sugerimos que leia este material did√°tico de nossa autoria:
MOTIVA√á√ÉO E CRIATIVIDADE – COMBUST√ćVEIS PARA A VIDA


Publicado em Curso, Dicas mercado de trabalho, Mercado, Oportunidade | Deixar um coment√°rio

Criatividade para lidar com as mudanças pessoais e profissionais

Mudar √© algo muito dif√≠cil, uma vez que j√° possuimos ‚Äúpadr√Ķes de pensamentos‚ÄĚ que foram determinados ao longo da nossa exist√™ncia. Quase sempre preferimos fazer o que estamos habituados, objetivando permanecer na ‚Äúzona de conforto do c√©rebro‚ÄĚ, do que buscar novas e melhores formas de implementar a√ß√Ķes simples e tamb√©m complexas para melhorar as nossas vidas.

Por√©m, estamos vivendo em um novo s√©culo, onde as mudan√ßas ocorrem a todo instante. Mudar √© mais do que preciso. √Č uma quest√£o de sobreviv√™ncia!

Relacionamos algumas ideias para voc√™ avaliar e fazer as adapta√ß√Ķes necess√°rias:

1) Exercite o seu c√©rebro, leia, fa√ßa palavras cruzadas, assista a filmes, relaxe, ou√ßa m√ļsicas, toque instrumentos musicais. Saiba que h√° um tesouro em sua cabe√ßa, uma mina de ouro entre as suas orelhas.

2) Sempre que possível escreva algumas idéias sobre estes e outros assuntos:
– como eu posso ajudar outras pessoas a serem mais felizes?
– como eu posso ajudar a minha empresa?
– como eu posso ser mais feliz?
– como eu posso fazer meu trabalho melhor?
– como eu posso dar mais amor para os meus amigos e familiares?

3) Aprimore a sua percep√ß√£o. Veja as fotos e os fatos que est√£o de forma ‚Äúnormal‚ÄĚ e os que est√£o de maneira diferente. Algumas id√©ias e solu√ß√Ķes podem estar bem na frente dos nossos olhos e n√£o conseguimos enxerg√°-las.

4) Fa√ßa anota√ß√Ķes, tenha sempre em m√£os papel, caneta e l√°pis. Caso poss√≠vel, compre um micro gravador. Pesquisas afirmam que tendemos a esquecer mais de 80% do que julgamos lembrar. Quantas mensagens voc√™ recebe por dia? N√£o confie somente na mem√≥ria. Use tamb√©m a mem√≥ria do seu computador, agenda, caderninho e tudo que for necess√°rio.

5) Armazene ideias, classifique por assunto e coloque em envelopes espec√≠ficos. Ideias para casa, para aumentar sua efici√™ncia no trabalho, para melhorar o relacionamento com o c√īnjuge, namorado, filhos, amigos. Para economizar o seu dinheiro e o da sua empresa, estudar pela internet ou atrav√©s de aulas presenciais.

6) Observe tudo atentamente, como se fosse a √ļltima vez que voc√™ fosse ver. Use a curiosidade dos seus tempos de crian√ßa. Veja de frente para traz, de lado, de cima ou de baixo. Perceba o que n√£o est√° sendo falado ou mostrado de forma expl√≠cita. Aprenda a ver e a ouvir o que est√° nas ‚Äúentrelinhas‚ÄĚ dos fatos. Aprenda a escutar tanto com os olhos, quanto com os ouvidos. Fa√ßa perguntas idiotas ou bobas e que outras pessoas n√£o teriam coragem de faz√™-las. Lembre-se das perguntas universais: O que? Por qu√™? Como? Onde? Quando?

7) Viver é relacionar com pessoas. Tudo que fizermos na vida somente terá sentido se for destinado a alguém. Uma empresa sem clientes, caso ela pudesse sobreviver, não teria qualquer razão para os seus funcionários e proprietários se orgulharem. Desenvolva uma forte curiosidade sobre pessoas, coisas e lugares.

8) Ataque os seus problemas de maneira ordenada. Tem um ditado popular que afirma: ‚Äúao descobrir qual √© o problema, voc√™ j√° encontrou metade da solu√ß√£o‚ÄĚ. Se voc√™ definir erroneamente o problema, as solu√ß√Ķes ser√£o ineficazes. Fale com algu√©m sobre os problemas e as solu√ß√Ķes que deseja implementar. Fa√ßa seu subconsciente trabalhar. Ele pode e precisa, dia e noite.

9) Descubra novas fontes de id√©ias atrav√©s de novas amizades, de novos livros, de assuntos diversos. Use todos os meios de comunica√ß√£o que voc√™ puder – r√°dio, televis√£o, internet, revista, jornal, mesa de bar, festa…

10) Sempre que for poss√≠vel, tenha atitudes positivas e otimistas. A autoconfian√ßa estimula as nossas a√ß√Ķes e o poder criativo. Voc√™ j√° ouviu falar sobre cogni√ß√£o? √Č a maneira como enxergamos as coisas ao nosso redor. √Č como vemos o mundo. D√™ mais import√Ęncia aos fatos bons e agrad√°veis e menos √†s mazelas da nossa sociedade. Motivos para ficarmos na mesmice e desmotivados √© que n√£o faltam. Tenha paix√£o pelo que faz. Caso n√£o seja o trabalho dos seus sonhos, pense em algo bom e nas pessoas que podem se beneficiar com o seu trabalho. Quando puder, mude de profiss√£o, fun√ß√£o ou de emprego.

11) Escolha um lugar para pensar alguns minutos por dia. Algumas pessoas preferem o quarto, outras o banheiro, quando est√£o caminhando, fazendo amor, ouvindo m√ļsica, na internet, dan√ßando, cozinhando, dirigindo. E voc√™, quais os seus locais preferidos?

12) Compreenda primeiro, depois julgue. Abaixo o preconceito. Ele deixa triste a nossa alma e bloqueia a criatividade.

Assim, esteja preparado para usar cada vez mais a sua criatividade. Tentar adivinhar quais ser√£o as pr√≥ximas mudan√ßas √© algo extremamente dif√≠cil. Acreditamos que a melhor alternativa ‚Äúe dan√ßar conforme a m√ļsica‚ÄĚ, atrav√©s da flexibilidade e da capacidade de adapta√ß√£o ao novo.


Publicado em Curso, Dicas mercado de trabalho, Mercado, Oportunidade | Deixar um coment√°rio

Curso de comunicação e de marketing pessoal será realizado em Brumado

Falar com clareza, objetividade e entusiasmo favorece o desenvolvimento de uma imagem de sucesso e admiração, resultando numa maior autoestima e motivação pessoal.

Para alcan√ßar esses objetivos √© necess√°rio treino, persist√™ncia e t√©cnicas especificas a cada estilo de comunica√ß√£o ‚Äď formal ou informal, apresenta√ß√Ķes em sala de aula, reuni√Ķes de neg√≥cios, venda de produtos e servi√ßos, semin√°rios, cursos e palestras, entrevista em r√°dio e televis√£o, entre outras situa√ß√Ķes.

Há mais de 15 anos venho realizando esse curso em Salvador, Belo Horizonte, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Colatina entre outros municípios.

O curso FALANDO EM P√öBLICO COM SUCESSO √© essencialmente pr√°tico, com atua√ß√Ķes individuais e em equipe, al√©m de amplo material did√°tico.

Esse evento é destinado a profissionais liberais, professores, estudantes, executivos de empresas e pessoas que desejam vencer o medo e a timidez. Confira os principais temas:
‚ąö Como vencer o medo e a timidez
‚ąö Linguagem verbal e corporal
‚ąö Dic√ß√£o, gesto, olhar e postura
‚ąö T√©cnicas para falar de improviso
‚ąö Como se comportar no sal√£o de vendas da sua loja
‚ąö Apresenta√ß√Ķes em reuni√Ķes, faculdades e eventos
‚ąö Carisma e persuas√£o
‚ąö Uso de recursos audiovisuais
‚ąö T√©cnicas de marketing pessoal
‚ąö Voc√™ √© uma marca: saiba valoriz√°-la
‚ąö Rede de contatos pessoais e profissionais
‚ąö Din√Ęmicas de grupo e simula√ß√Ķes
‚ąö Exibi√ß√Ķes de v√≠deos

Data Р29 de agosto (sábado), das 9h. às 17h30.
Inscri√ß√Ķes – CTB – Pra√ßa Dr. Pomp√≠lio Leite, Jurema Center.
(77) 3441-3874 / 9974-5675.
Vagas limitadas.


Publicado em Brumado - palestra, Carlos Prates - curso de oratória e marketing pessoal | Com a tag , | Deixar um comentário

Excelência no atendimento ao cliente

Tornar-se um profissional do atendimento √© algo gratificante e que ser√° √ļtil a todo instante. Se voc√™ est√° em busca de emprego ou trabalho tempor√°rio, creio que este artigo lhe ser√° importante.

Atender bem é simples, porém não é fácil. Pelo contrário, manter a excelência no atendimento ao cliente requer treinamento e gerenciamento constantes. Seguem algumas idéias para você colocar em prática:

‚ąö SEJA CORDIAL ‚Äď o funcion√°rio deve atender bem a qualquer cliente, independentemente da classe social, religi√£o, cor e prefer√™ncia sexual. Para¬† isso, precisa superar seus pr√≥prios preconceitos ou uma eventual m√° primeira impress√£o que o cliente cause. Todos os clientes devem ser tratados por¬† senhor ou senhora, inclusive os mais jovens, a¬† n√£o ser que o pr√≥prio cliente autorize explicitamente o tratamento ‚Äúvoc√™‚ÄĚ.

‚ąö ATENDA DE IMEDIATO ‚Äď n√£o¬†¬† deixe o cliente esperando, principalmente se o servi√ßo¬†¬† que voc√™ est√°¬† fazendo n√£o tiver rela√ß√£o com o assunto que o¬†¬† cliente¬† veio tratar. N√£o fique de bate-papo com os colegas, pois atitudes assim causam m√° impress√£o ao consumidor. O tempo e a paci√™ncia est√£o cada vez mais escassos.

‚ąö D√ä TOTAL ATEN√á√ÉO¬† ‚Äď fazer¬† o¬† cliente¬†¬† sentir-se bem-vindo √© bom para voc√™ e excelente para o cliente. √Äs vezes o atendente d√° aten√ß√£o ao consumidor at√© fechar a venda e depois deixa-o no caixa, sem ao menos agradec√™-lo e valorizar a sua compra.

‚ąö RAPIDEZ ‚Äď h√° v√°rios perfis de clientes: r√°pido, lento, am√°vel, lamuriento, avarento, entre outros. Se voc√™ estiver atendendo algu√©m que deseja rapidez, proceda dessa maneira. Por√©m, rapidez n√£o √© sin√īnimo de descaso ou irrita√ß√£o.

‚ąö OFERE√áA ORIENTA√á√ēES SEGURAS ‚Äď tire todas as d√ļvidas do cliente. Caso voc√™ n√£o saiba responder alguma pergunta, informe-se com o colega mais experiente. Seja cauteloso ao responder perguntas que envolvam valores, taxa de juros e condi√ß√Ķes de pagamento. Segundo o ex-ministro Delfin Neto, ‚Äúo √≥rg√£o mais sens√≠vel do corpo humano √© o bolso‚ÄĚ.

‚ąö EVITE TERMOS T√ČCNICOS ‚Äď uma situa√ß√£o assim pode causar incompreens√£o ou constrangimento. O ideal¬† √©¬† usar¬†¬† express√Ķes¬† simples em voz pausada e clara. A obriga√ß√£o de se fazer entender √© de quem est√° comunicando e n√£o da pessoa que est√° ouvindo.

‚ąö N√ÉO D√ä ORDENS ‚Äď ningu√©m gosta de ouvir ordens, especialmente o cliente. Uma express√£o cordial tem valor bem mais positivo e surte o mesmo resultado. N√£o se esque√ßa das palavras m√°gicas ‚Äď bom dia, obrigado, por gentileza e volte sempre.

‚ąö FALE¬† A¬† VERDADE ‚Äď nas informa√ß√Ķes¬† prestadas¬† a¬† verdade √© fundamental. Mesmo n√£o sendo agrad√°vel, √© melhor¬† assumir¬† uma¬† falha¬† eventual do que dar ao cliente a impress√£o de que¬† est√° escondendo informa√ß√Ķes ou problemas. Lembre-se: O cliente est√° cada vez mais informado e exigente, principalmente ap√≥s a implanta√ß√£o do c√≥digo de defesa do consumidor. Como afirma o ditado popular ‚Äúa mentira tem pernas curtas‚ÄĚ. Logo, logo ela ser√° descoberta e voc√™ perder√° o cliente.

¬†¬†¬†¬† ‚ąö SOLU√á√ēES¬† CRIATIVAS ‚Äď em conjunto com a sua equipe de trabalho, desenvolva id√©ias para a melhoria do atendimento.

COMO LIDAR COM AS RECLAMA√á√ēES

‚ąö Saiba ouvir, ouvir e ouvir. Somente ap√≥s ouvir o cliente √© poss√≠vel analisar quais as solu√ß√Ķes para o problema.

‚ąö Coloque-se no lugar do cliente e tenha interesse em ajud√°-lo a resolver as suas necessidades.

‚ąö Se o cliente n√£o tiver raz√£o sobre as suas reclama√ß√Ķes, procure argumentar e diga os motivos.

¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬†¬† ‚ąö Os profissionais de atendimento e vendas devem ficar atentos, pois as sugest√Ķes dos clientes podem ajudar no aperfei√ßoamento e¬† na melhoria dos produtos e servi√ßos da Empresa.

Leia e releia este artigo, comparando com o atendimento da sua empresa, bem como ao que voc√™ recebe na padaria, bar, restaurante, lojas e demais lugares que freq√ľenta. Treine, treine e conquiste os seus clientes.

Para realizar cursos e palestras em sua empresa, entre em contato com pratescarlos@uol.com.br  e solicite uma proposta.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Deixar um coment√°rio

Portugu√™s: a import√Ęncia de ler, escrever e falar corretamente

Vivemos a era da comunica√ß√£o e da troca de informa√ß√Ķes. Acreditamos que o mundo se divide em dois grandes momentos: antes da Internet e depois dela.

Ler, escrever e falar bem são fundamentais para que possamos desenvolver novas habilidades e competências profissionais.

Se no passado recente a leitura ficava restrita a algumas poucas pessoas, agora, principalmente com o advento da Internet, dos livros virtuais e gratuitos, podemos ter acesso e desenvolver o h√°bito da leitura. Basta querer!

H√° 15 anos estamos desenvolvendo o Projeto “Fazendo e Aprendendo ‚Äď voc√™ constr√≥i o conhecimento”, com o prop√≥sito de auxiliar na qualifica√ß√£o profissional, notadamente das pessoas desempregadas. Um dos maiores obst√°culos tem sido a falta de base escolar de alguns alunos e ao n√£o desenvolvimento da leitura. H√° alunos que leem e n√£o compreendem o que leram e outros que n√£o conseguem ler.

Os professores Adil Lyra, Marta Mendon√ßa e Paulo Jorge escrevem o excelente blog “ABC da L√≠ngua Portuguesa”, no portal www.ibahia.com. portugues Recomendamos que voc√™ leia, atentamente, os artigos destes ilustres educadores, pois s√£o claros, objetivos e de grande utilidade.

Seja qual for a sua idade e escolaridade, desenvolva ou aprimore o h√°bito da leitura. Inicie pelos livros, artigos, poesias, revistas, jornais, Internet, dando prefer√™ncia aos assuntos do seu interesse. Com o tempo voc√™ fortalecer√° esse h√°bito. Como consequ√™ncia, certamente ir√° ler as obras liter√°rias consagradas, filosofia, sociologia… Quase todas as hist√≥rias de hoje j√° foram contadas e vividas por outras pessoas, no passado recente ou distante.


Publicado em Dicas mercado de trabalho | Com a tag , | 6 coment√°rios

Reduzir despesas para enfrentar as turbulências

Os especialistas afirmam e j√° estamos sentindo na pele os efeitos mal√©ficos do baix√≠ssimo crescimento do PIB ‚Äď Produto Interno Bruto de 2014 e o agravamento da situa√ß√£o econ√īmica nos seis meses de 2015.

Creio que iremos necessitar fazer muita economia e reduzir despesas, bem como segurar com unhas e dentes os empregos. Para tal, precisaremos de criatividade, motivação, apoio familiar e uma boa pitada de sorte.

Assim, relacionamos algumas dicas para estimular a criatividade. Avalie o que pode ser √ļtil para a sua vida pessoal e profissional:

1) Faça um plano de ação, em conjunto com os seus familiares, objetivando analisar o orçamento doméstico (receitas e despesas), o que fazer para aumentar as receitas e diminuir as despesas;

2) Idem, para avaliar como est√° o seu emprego e dos seus familiares, quais as oportunidades e amea√ßas, com a possibilidade de piora da situa√ß√£o econ√īmica do pa√≠s;

3) Aprimore a sua capacidade de leitura e busque mais notícias relacionadas à economia e a sua atividade profissional;

4) Veja de que maneira você poderá contribuir para que a sua empresa economize e aumente as vendas. Isso sinalizará para os seus chefes o quanto você está comprometido;

5) Fa√ßa anota√ß√Ķes e tenha sempre em m√£os, papel, caneta e l√°pis. Pesquisas afirmam que tendemos a esquecer mais de 80% do que julgamos lembrar. Quantas mensagens voc√™ recebe por dia? N√£o confie somente na mem√≥ria. Use tamb√©m a mem√≥ria do seu computador, agenda, caderninho e tudo que for necess√°rio;

6) Quando estiver diante de situa√ß√Ķes dif√≠ceis, busque a calma e depois parta para a solu√ß√£o. Ataque os seus problemas de maneira ordenada. Tem um ditado popular que afirma: ‚Äúao descobrir qual √© o problema, voc√™ j√° encontrou metade da solu√ß√£o‚ÄĚ. Se voc√™ definir erroneamente o problema, as solu√ß√Ķes ser√£o ineficazes.

7) Sempre que poss√≠vel, tenha atitudes positivas e otimistas. Nenhuma crise econ√īmica, por mais dif√≠cil que seja, ser√° para sempre. Alguns economistas falam que em 2016 a mesma ser√° amenizada. Pelo sim e pelo n√£o, tenha um plano que contemple at√© 2017.

Escolha um lugar para pensar alguns minutos por dia. H√° pessoas que preferem o quarto, outras, o banheiro; quando est√£o caminhando, fazendo amor, ouvindo m√ļsica, na internet, dan√ßando, cozinhando, dirigindo..

Durante a minha vida eu j√° enfrentei muitas crises econ√īmicas e situa√ß√Ķes turbulentas. Creio que o atual momento √© muito dif√≠cil, pois envolve aspectos pol√≠ticos, moral, √©tico e tudo isso est√° contaminando a economia e a confian√ßa de todos n√≥s que fazemos parte do imenso Brasil.

Vamos pensar e agir com autoconfian√ßa, sem perder de vista os fatos reais. Outro aspecto relevante √© cobrar a√ß√Ķes eficazes dos pol√≠ticos, pois grande parte do que est√° ocorrendo na economia foi consequ√™ncia de m√° gest√£o administrativa e corrup√ß√£o, muita corrup√ß√£o!


Publicado em Dicas econ√īmicas, redu√ß√£o de despesas | Com a tag | Deixar um coment√°rio