O que fazer quando não se tem experiência?

Às vezes o mercado de trabalho utiliza critérios contraditórios ou difíceis de conciliar. O mais comum deles é quando as empresas desejam funcionários jovens e com experiências profissionais.

Se essas empresas não derem oportunidades aos jovens, principalmente aos estudantes ou recém formados, como eles irão adquirir experiências profissionais?

As empresas de vanguarda j√° perceberam que h√° in√ļmeras vantagens em dar oportunidades aos inexperientes:

1) Eles n√£o possuem ‚Äúv√≠cios profissionais‚ÄĚ que alguns outros j√° disp√Ķem.

2) Trazem novas formas de pensar e de agir para aprimorar processos, produtos e serviços, resultando em melhorias no atendimento e em vendas.

3) As empresas podem identificar profissionais talentosos e prepar√°-los para assumirem fun√ß√Ķes e cargos de maior complexidade.

Essas empresas criativas e que estão em franco crescimento, utilizam mentores profissionais para auxiliarem os jovens a desenvolverem as suas habilidades e competências. Essa parceria favorece a aprendizagem recíproca.

O que fazer quando a empresa exige experiência profissional?

‚ąö Busque est√°gios nas empresas, divulgando os seus trabalhos realizados na escola, faculdade ou universidade.

‚ąö Realize trabalhos volunt√°rios dentro e fora da sua √°rea profissional. Com isso voc√™ ganhar√° experi√™ncia e ser√° um diferencial para o seu curr√≠culo. Aprendemos muito quando ajudamos outras pessoas.

‚ąö Busque ajuda de profissionais experientes (parentes, amigos, vizinhos, orkut, facebook) e crie com o aux√≠lio deles, projetos espec√≠ficos para as empresas onde voc√™ est√° concorrendo a uma vaga ou deseja trabalhar. Normalmente, as empresas t√™m dificuldades em melhorar o atendimento ao cliente, aumentar as vendas e reduzir custos operacionais.

Pense com a cabeça do consumidor do cliente da empresa onde você deseja trabalhar. Em seguida, analise de que forma poderá contribuir para que a empresa alcance sucesso junto a esse cliente.

Para fazer isso é preciso uma boa dose de motivação, persistência, criatividade e trabalho em equipe. Vá em frente e sucesso!

Esta entrada foi publicada em Dicas mercado de trabalho. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

237 respostas a O que fazer quando não se tem experiência?

  1. Catia disse:

    EU S√ď SEI QUE NAO CONSIGO EMPREGO EM LUGAR NEMHUM ,JA COLOQUEI CURRICULUM EM TUDO QUANTO √Č LUGAR E NADA;
    TENHO 34 ANOS NAO TENHO EXPERI√äNCIA N√ÉO PORQUE N√ÉO QUERO E SIM PORQUE OS EMPRES√ĀRIOS N√ÉO D√ÉO CHANCE JA QUEREM SABENDO COMO POSSO ADQUIRIR EXPERI√äNCIA DESSE JEITO?SEM EMPREGO COMO POSSO PAGAR CURSOS ASSIM? N√ÉO SEI MAS O QUE FAZER VIU

    • Marianna disse:

      Catia também tenho o mesmo problema que vc. Coloquei currículo em tudo que é lugar, isso que tenho curso superior e não consigo nada. Eu escrevo bem, sou comprometida, responsável, tenho boas idéias, convivo bem com pessoas, mas ninguém nunca me deu uma chance de um emprego bom carteira assinada e etc. Deprimente isso, atrapalha d+ minha vida :\

      • Cristiane disse:

        Verdade colega, estou com mesmo problema o que fazer nessa situação? Quero ter experiência mas não tenho oportunidade e ai?

      • Eliane disse:

        Mariana e Catia,
        Também passo pela mesma situação que vocês duas.
        Às vezes penso se passei 4 anos na faculdade de Pedagogia em vão.
        Tenho 32 anos e 13 de experiência em outras áreas.
        Já enviei mais de 150 currículos e nada de primeira oportunidade na Educação.
        E depois dizem que falta professor no Brasil.
        Mas não vamos desistir meninas, o sol nasce pra todos. Não é possível que pra nós será sempre noite.
        Um abraço carinhoso pra vocês!!!

        • NATANY disse:

          OI ELIANE COMO VAI?! NAO SEI SE ESTOU CERTA MAS ACHO QUE JA QUE NAO ESTAO TE DANDO UMA OPORTUNIDADE,POR QUE VC MESMO NAO FAZ A SUA OPORTUNIDADE INVESTINDO EM VC MESMA?! CRIE UM SEITE BLOG FACE ALGO NA NET PARA DIVULGAR SEU TRABALHO DE CONSULTORIA POR EXEMPLO,VC PODE TRABALHAR COM PEQUENAS CONSULTAS COMO A SUPER NANY SABE?! ACHO QUE DARA CERTO ATE O PESSOAL TER CONFIANCA EM VC ETC! TCHAL ;)

        • Fl√°via disse:

          Na √°rea de Educa√ß√£o √© um pouco mais f√°cil. Tamb√©m me formei em pedagogia e n√£o tinha nenhuma experi√™ncia, mas fui aprovada em dois concursos p√ļblicos. Fa√ßa concursos, pois se for aprovada eles ter√£o que te nomear com ou sem experi√™ncia.

        • Edson disse:

          O sol nasce pra todos, concordo. Mas a sombra apenas para alguns. Bom brincadeiras a parte, também cai na pegadinha do sistema. Agora gastei uns 40 mil fazendo o curso em ciência da computação e depois de formado não tenho trabalho. Esse é o nosso Brasil onde dizem que faltam profissionais.

          • Ad14101976 disse:

            Curso Superior ajuda na hora de prestar um concurso por exemplo, pois exigem o nível superior, já as empresas privadas algumas exigem o nível superior, mas na verdade não estão muito ai formação, precisam de pessoas com experiência e capacitada para resolver os problemas com rapidez e assim gerar dinheiro mais rápido.

        • tatiane disse:

          eu fiz licenciatura em pedagogia em 2008, porem nunca trabalhei em sala de aulas ser√° que terei problemas se eu tentar trabalhar como professora?

          • Carlos Prates disse:

            Tatiane,

            Acreditamos que você será bem-sucedida como professora. Tudo na vida é experimentação e gostar do que faz.
            Sugerimos que leia o nosso material did√°tico, enviado para o seu e-mail. Ele lhe auxiliar√° em algumas d√ļvidas profissionais e no desenvolvimento de novas habilidades e compet√™ncias. V√° em frente e sucesso!

      • bom!!!!!! estou com mesmo problema o que fazer nessa situa√ß√£o? Quero ter experi√™ncia mas n√£o tenho oportunidade e cursos ok

      • Diogo disse:

        Calma Mariana eu tambem pensava assim eu trabalhei em uma chacara desde os 16 anos, estudei me formei em logistica e mesmo assim mandava curriculo pra todo lado transportadoras etc.Quando fui pensar que nao um amigo do meu pai trabalhava na volkswagem e disse que estava precisando de pessoas la .vish.ae ele levo meu curriculo la nao demoro nada e me chamaram fiz entrevista td ok e estou ate hoje la . nen acredito rsrs. mais vc ter que ter paciencia uma hora ou outra vai aparecer uma grande oportunidade intao agarre-a e bola pra frente boa sortee

        • Ellen disse:

          Vc disse ” o amigo do seu pai falou que precisavam de algu√©m na empresa…” Ah t√°, entendi.

          Tu √©s s√≥ um Q.I( Quem Indica) e S√ď por isso teve a oportunidade de trabalhar.
          Não quero desmerecer sua capacidade, até pq, caso não tivesse, seria demitido.
          Mas o PONTO X é esse: A pessoa só consegue algo bom se tiver um Q.I.

      • Thaynara Sulamery Rodrigues disse:

        Já estou formada há quase 2 anos, estou concluindo pós graduação, e ainda assim, não consigo trabalho, eles querem gente com experiência.. Ainda não tenho, e nem terei se ninguém me der uma chance.

    • LEO disse:

      oi katia porque vc n√£o faz um curso tecnico e tenta um estagio ?

      Você pode fazer alguns cursos gratuitos no sebrae EAD pela internet não paga nada. Além disso você pode tentar assinar catho on line quem sabe você possa ser contratada por alguma empresa de são paulo que tenha interesse de alguns profissionais aqui na bahia.
      anota o site do sebrae tem vários cursos pela internet de graça é só se inscrever http://www.ba.sebrae.com.br
      BOA SORTE

    • Rodrigo disse:

      A mesma situa√ß√£o estou tb…em engenharia civil. Se tiver uma solu√ß√£o agradeceria.

    • Henrique disse:

      Olá minha querida eu fiquei 4 anos para arrumar o primeiro emprego na área mais enfim DEUS me ajudou e hoje estou realizado meu conselho é que você participe de cursos, palestras, seminários e etc, voltado para a área na net você encontra muita coisa boa e gratuita.

    • ana paula disse:

      EU TAMB√ČM TENHO O MESMO PROBLEMA, ME FORMEI EM 2009 SOU P√ďS GRADUADA E TENHO OUTROS CURSOS NA √ĀREA. E S√ď FIZ UMA PROVA P/ ENTRAR EM UM HOSPITAL E PASSEI, MAIS N√ÉO FUI CHAMADA E QUANDO ENCONTRO ALGO √Č P/ COBRIR F√ČRIAS E MINHA CARTEIRA ASSIM VAI FICANDO COM POUCO TEMPO NOS EMPREGOS.

    • Deuzene silva disse:

      eu tambem ja coloquei varios curriculo e nunca foi chamada mais eu tenho experiencia em varias coisas como vendedora embaladora mais n tenho como provar porq n cidade omde eu morava n assinavam a carteira de trabalho so ganhava uma gratificação pelo tempo q trabalhei

      • Carlos Prates disse:

        Deuzene,

        Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material did√°tico. Sugerimos que leia-o com aten√ß√£o, pois algumas ideias lhe ser√£o √ļteis para conquistar o emprego.

        • me chamo Rose lucia tenho 50 anos numca trabalhei de carteira assinada sempre como diarista e domestica e atualmente sou revededora dos produto avon e natura e demillus gostaria muito de realiza meu sonho de ter meu primeiro emprego tenho 2¬ļgrau completo moro em marechal hermes sou dinamica e aprendo facil conhe√ßo um pouco informatica a grade√ßo a todos

          • Carlos Prates disse:

            Rose,
            Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material didático. Sugerimos que leia-o com atenção. Vá em frente e sucesso!

          • Elani Silva disse:

            Boa tarde estou na mesma situaçao tenho 47 anos, trabalhava como Manicure fiquei com problema de coluna, fui em busca de Qualificaçao na area administrativa fiz curso de Auxiliar de Pessoal , Operador de computador, Organizaçao de Almoxarifado todos pelo SENAC PA, continuo desempregada tenho Ensino Medio completo tenho muita teoria mais nenhuma pratica. Moro em Marituba- Belem- Pa.

      • Jessica disse:

        Deuzene, minha situação é bem parecida com a sua, tenho experiência em telemarketing, vendedora, estoquista, Mas não tenho como provar, por que também não foi carteira assinada. E agora se torna mais dificil de conseguir emprego por que tenho um filho de 1 ano e ninguém quer ter o compromisso de cuidar de um bebê!

    • Ze Carlos disse:

      Eu consegui um emprego sem ter tido nenhuma experiencia na minha √°rea de forma√ß√£o. Antes disso, eu s√≥ tinha experi√™ncias em outros tipos de trabalhos que n√£o tinham nada a ver com o meu curso da faculdade. Mas, assim que mandei o meu curr√≠culo, eu consegui um emprego na minha √°rea. Acho que foi mais pela minha forma√ß√£o acad√™mica e conhecimentos de idiomas, pois de experi√™ncia eu estava fraco. Outra coisa que voc√™ pode tentar √© ser indicado por um amigo, pois, nesse caso, √© mais tranquilo. Tamb√©m pode tentar ser aut√īnomo enquanto n√£o aparecer nada, ou fazer servi√ßos volunt√°rios e por a√≠ vai. Eu sei como a vida √© dif√≠cil em um pa√≠s hip√≥crita e preconceituoso como o Brasil.

    • Alexandre disse:

      Cátia falou tudo agora,manda o povo se qualificar,tomamos o curso mas nao da oportunidade,ninguém entende nesse pais ???

    • vagnerberg disse:

      pois e amigo eu tbm estou na mesma coisa qui vc niguem da uma oportunidade ja pensei ate em roubar magina vc correndo atraz de emprego n√£o arruma nada chega em casa sua filha pedindo algo para comer e vc n√£o tem nada pra dar muito triste isso espero qui deus esteja olhando pra nos

  2. Murilo Almeida disse:

    Quando dizem tambem que nao existe qualifica√ß√£o profissional, trata-se de outra contradi√ß√£o. J√° que eu mesmo possuo diversos cursos b√°sicos de qualifica√ß√£o e nunca tive uma oportunidade nem de participar sequer de um processo seletivo, j√° que consta como requisito basico a tal da experiencia. N√£o tenho d√ļvidas de que outros atributos deveriam ser levados em considera√ß√£o pelos empregadores para que este entrave seja derrubado.

  3. Rosilda Conceição de Jesus disse:

    Olá anunciante desse assunto.Gostei muito de ler esse lamentável assunto,e estou passando por isso também.Acho que as autoridades deveriam pensar em uma solução,para o mesmo.Tem muitas pessoas que estão capacitadas para o mercado de trabalho e não estão trabalhando.Quer um conselho?caso contrário procure trabalhar pra sí.

  4. Juliana Rocha disse:

    Sou rec√©m formada em Comunica√ß√£o sociaaal…PRECISO TRABALHAR, j√° espalhei curriculum e at√© agora nada. Tenho experi√™ncia de est√°gio! Disponibilidade para morar em outra cidade.

    Contato -- jurocha.jornalismo@gmail.com

    • Alexandre Cavalcante disse:

      Realmente esse problema aflige muitas pessoas, estou sentindo isso na pele, sou rec√©m-formado em Ci√™ncia da Computa√ß√£o (m√™s passado), fiz est√°gios durante a gradua√ß√£o, acumulei um bom conhecimento, mas n√£o tenho experi√™ncia registrada na carteira profissional, e isso atrapalha demais. Estou estudando para tirar Certifica√ß√Ķes Microsoft (que s√£o importantes na √°rea de TI), mas isso tamb√©m n√£o garante nada.
      As empresas deviam repensar esses conceitos. Em todo caso ai vai meu email para contato conforme a colega acima deixou: alexandrecavalll@hotmail.com.

      Abraço !!!

  5. Vanessa Machado disse:

    NOSSAAAAA COMO ISSO PODE ACONTECER TAMBEM SOU FORMADA E ACREDITO QUE UMA PESSOA NÃO POSSA FAZER O QUE ELA QUER E SIM O QUE A OBRIGAM, CONCORDO QUE AS AUTORIDADES DEVERIAM ESTABELECER PARA AS EMPRESAS A CONTRATAÇÃO DE PESSOAS SEM EXPERIENCIAAAA COMO TEM PARA PESSOA DEFICIENTES.
    TENHO FOR√áA DE VONTADE COMO AS COLEGAS ACIMA MAS J√Ā ESTOU CANSADA DESSA SITUA√á√ÉO.

  6. Janaína disse:

    Ol√° , eu moro em Bras√≠lia , tenho 18 anos , no in√≠cio desse ano eu conclu√≠ o meu ensino m√©dio , mas mesmo assim n√£o consigo arrumar um emprego , nunca trabalhei e acho super dificil encontrar algum lugar que precisem de pessoas sem experi√™ncias . Acho que minha √ļnica solu√ß√£o mesmo √© fazer provas para concurso . . . As autoridades deveriam colaborar com o futuro das pessoas que n√£o possuem experi√™ncia . Por isso que tem muita gente a√≠ at√īa , antes uma pessoa sem experi√™ncia trabalhando , do que mais uma pessoa na rua matando e roubando !

    • luan disse:

      concordo, e esses políticos vagabundos que elegem sem ter experiencia,
      e o que fazem? é roubar o povo!!!!!
      enquanto um bando de trabalhadores est√£o passando dificuldades e cheios de contas e IMPOSTOS pra pagar.
      é um absurdo isso.
      tenho quatro cursos profissionalizantes um deles é o famoso curso técnico,mas nada de emprego.
      não adianta esses cursos , uma baboseira que eu ouvi e que a mídia e as escolas bancam pra passar nas tvs,na minha vida toda.
      só pra ganharem dinheiro qualificando porcaria nenhuma pessoas.
      sou do estado do ES,onde se ve nos jornais que as grandes empresas est√£o em expans√£o e que v√£o surgir x vagas.
      mas nunca o profissional sem experi√™ncia vai consegui algo…
      boa sorte estamos no Brasil onde TRABALHAMOS 5 MESES PRA PAGAR IMPOSTOS!!!!!!!!
      corrupção dos infernos.
      pensem muito antes de votar (mesmo assim n√£o adianta…)
      fica aqui essa minha declaração.
      grato.

  7. Ivete Oliveira disse:

    Gostaria de compartilhar com as minhas amigas que também passo pelo mesmo problema, uma oportunidade no mercado está cada vez mais dificil, principalmente quando vc chega aos 40.

    • francisca lucenilda disse:

      gostaria fala pra vcs eu estou na mesma situação tenho 33 anos não tenho experiencia por quer nunca assinaram minha carteira sempre trabalhei mais não foi comprovado tou terminando agora o ensino medio tenho varios curso mais ainda não arranjei emprego porque n~~mim abre uma porta

    • cristiane disse:

      Ola ivete

      bom qdo chega nessa idade vc não serve p/ nd, é a visão das Empresas, sou formada em gestão financeira, tenho vários cursos, office avançado em mesmo assim to penando, até sou chamada p/ entrevista agora passar é outra coisa, na real colega to no desespero, desanimada, desestimulada, sem perspectiva de futuro, sabe o que faço agora p/ viver? faço diárias é dai que tiro meu sustento e pago condução qdo vou as entrevistas, e logico que nessa caminhada de tanto ler, aprimorar meus conhecimentos tive mais oportunidades de entrevista, mas é deprimente, vc sai de casa, enfrenta frio, chuva, e horas de espera, e os entrevistadores nem ao menos envia um e-mail de agradecimento pela sua presença
      alias gostaria de trocar ideias, experiencia com pessoas em situação semelhantes

      • Jos√© Ferreira disse:

        Tenho 39 anos, comecei a trabalhar com 21 mas nunca consegui com carteira assinada. Comecei num escritório de informática de um amigo da família: fazia pagamentos, cobranças, atendimento à clientes e auxiliava o técnico.

        As vendas caíram, os contratos dos principais clientes não foram renovados e fui dispensado.

        Enquanto estudava pra concursos (ainda n√£o passei…) e distribuia curr√≠culos em v√£o, fazia bicos. Fui entregador de bebidas e √°gua mineral em uma bicicleta, ajeitava um chuveiro aqui, uma tomada al√≠, uma prateleira acol√°. At√© pra tirar rato morto do forro da casa de uma vizinha fui chamado. √Č verdade!

        Bom! Vivo da boa vontade de parentes e amigos até hoje, que me chamam pra esses pequenos serviços

      • nelma disse:

        Amiga nao desista va em frente faca algum trabalho
        Voluntario dentro da area que gostaria de trabalhar e coloque tudo no seu curriculum

  8. silvania disse:

    tenho 34 anos e nunca trabalhei √Ī pq eu √Ī queira mas pq meu pai √Ī deichava sempre trabalhei pra ele para agrada-lo fiquei acomodada pensei q ele ia viver para sempre e ele √Ī viveu e agora quero trabalhar mas √Ī consigo nada o e alem do + √Ī tenho experi√™ncia em carteira o q eu fasso

    • Ze Carlos disse:

      Oi, acho que voc√™ deveria conversar com o empregador pessoalmente ou fazer contato com algu√©m que possa te indicar em algum lugar. Conseguir emprego em certas cidades, s√≥ por meio de envio de curr√≠culos, pode ser uma tarefa √°rdua. Enquanto n√£o arruma nada, tente fazer algum trabalho volunt√°rio em algum lugar ou trabalhar como aut√īnoma. Caso n√£o d√™ certo, comece a pesquisar em outras cidades. Eu tive que mudar de cidade para arrumar emprego.

  9. Mariah disse:

    Nem fala meu caros colegas eu paguei cursos caros de aperfeiçoamento, já tem 3 anos que eu conclui o meu curso de Segurança do Trabalho e até hoje não consigo nada em minha área.
    Eu fico indignada com essas reportagens de que estão dando oportunidades para quem não experiência pura mentira!!
    O Brasil realmente é uma vergonha, investimos pouco que tempos na nossa formação para ficar aí desesperado procurando uma oportunidade.Enquanto esses politicos safados vivem cheio de dinheiro no bolso roubando..Aff

  10. Eduardo disse:

    Olá amigos estou na mesma situacão que vocês,tenho 18 anos,conclui o ensino médio o ano passa e não encontro nenhum emprego, pois todos sempre exige experiencia.Onde iremos enccontrar?

  11. Marcos Barbosa disse:

    OI estou no mesmo barco que muito de voces, sou recem formado em Eletrotécnica mais não consigo emprego, já fiz varias entrevistas mas é sempre a mesma resposta: precizamos de alguem mais experiente. O pior é que a varias vagas para todo estado da Bahia mais não dão oportunidade desse jeito fica deficil.

  12. wellington da silva pina disse:

    Tamb√©m n√£o entendo eles peden ¬ī¬īcapacita√ß√£o¬ī¬ī palavra que virou jarg√£o no Brasil ai vc faz cursos gasta algums milhares de reais, ai eles pedem experiencia , e quando lhe d√£o emprego eles lhe rebaixan a auxiliar de alguma coisa, alguem me explique por que n√£o entendo os criterios para se conseguir um emprego no Brasil.

  13. robson santos cerqueira disse:

    Os comet√°rios de todos s√£o verdadeiro, pois sou formado e especializa na ar√©a administrativa e financeira e n√£o consigo vaga de emprego. Fa√ßo varias sele√ß√Ķes e vem √° tal experi√™ncia como conseguir se n√£o d√£o oportunidade e ainda venha as estatistica dizer que falta m√£o de obra qualificada e que n√£o consegui preencher as vagas isso √© uma vergonha.

  14. Emerson Jesus de Oliveira disse:

    Realmente, meu nome √© Emerson tenho 30 anos, fiz o curso de tecnico eletrom√©canica, e alguns outros de aperfei√ßoamento no senai, estou fazendo basico de ingl√™s, e fa√ßo faculdade de engenharia el√©trica, e at√© hoje n√£o conseguir nada na area tecnica nem superior, nem mesmo estagio, as vezes vejo at√© algumas vaga de emprego na area mas falta a experi√™ncia exigida, teria que haver um programa eficaz que auxiliassem esses estudantes recem formados dando esperi√™ncia mas n√£o temos. No Brasil, recentemente uma pesquiza confirmou que 75% das contrata√ß√Ķes s√£o por indica√ß√Ķes e assim fica dificil para quem n√£o tem conhecimento ou quem indique, grato por poder colocar minhas id√©ias

    • Del√ļsia disse:

      Boa noite gente tenho 27 anos e sou Enfermeira e vou virar especialista em uti..j√° vai fazer quase 2 anos procurando emprego e nada.nem para s√≥ fui chamada para uma √ļnica sele√ß√£o ao longo desse anos..como pode acontecer isso, meu Deus isso √© rid√≠culo paga-se uma faculdade cara para que.. se vc s√≥ consegue algo com e bendita indica√ß√£o ou experi√™ncia..realmente isso afeta a minha 24hs.pq o tempo todo estou aflita e buscando se procurpo sem ser na minha √°rea √© pra ganhar 1 sal√°rio m√≠nimo n√£o sei aonde sso via parar..bjos a todos e boa sorte gente;;s√≥ Deus!!

      • Carlos Prates disse:

        Del√ļsia,

        Agradecemos pela sua participação no Blog de Empregos. Sugerimos que se cadastre no Simm e Sinebahia.
        Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático para você investir em sua carreira profissional.
        Renove as suas forças, vá em frente que conseguirá o seu emprego.

  15. marinalva disse:

    eu ja vou fazer 40 e nada olha e tenho esperiencia e cursos na area e n√£o consigo emprego em lurgar nenhum porque minha carteira nunca foi assinada e √° idade chegou

  16. silas disse:

    Com todo respeito, vocês deveria para de reclamar é ir busca vaga no mercado de trabalho aos 14 anos eu era ajudante de obra aos 16 fui estagiário auxiliar administrativo, já trabalhei em varios segmento, limpeza , construção civil, telecomunicação é etc.
    Hoje sou vendedor j√° passei por varias empresa de nome em salvador.
    mais muitos não quer nada com a hora do Brasil! anda dormindo quando vai acorda já é tarde demais , se já fui pião, nem mim lembro..

    • Wanderson Anzolin disse:

      Meu amigo respeito muito sua santa ignor√Ęncia, mas n√£o sei se voc√™ percebeu, as postagens aqui s√£o de pessoas que estudaram para uma √°rea espec√≠fica, e buscam oportunidade na mesma.
      Quanto essa coisa linda de iniciar o trabalho aos 14 anos passando por outras tantas atividades, eu em particular passei pela mesma realidade, porém busquei me profissionalizar e agora que empunho a tal capacitação profissional porém não detenho a danada da experiência na área desejada, o que logo me impossibilita iniciar as atividades hoje, para ser um profissional experiente amanhã, forte abraço e parabéns pela lição de vida.

    • BIGODE GROSSO disse:

      VC √Č VENDEDOR…AS PESSOAS EST√ÉO RECLAMANDO POR ESTUDAR FAZER CURSOS GASTAR UM DINHEIRO CONSIDERADO E NINGU√ČM DAR UMA OPORTUNIDADE, VC N√ÉO QUER QUE UMA PESSOA QUE GASTOU SUAS ECONOMIAS E TEMPO V√Ā TRABALHAR DE PI√ÉO DE OBRA..FALA SERIO!!!!!

  17. Leandro de Oliveira disse:

    √Č um absurdo no meu ponto de vsta as empresas querer profissionais com experi√™ncia para atuarem..A pessoa rala na universidade 4 anos para depois de formado ir nas agencias de emprego dar com a cara na parede porque n√£o tem experi√™ncia e ter que virar as costas com diploma e tudo embaixo do bra√ßo.Se for assim ent√£o n√£o precisa mais haver universidades..

  18. Priscila disse:

    As pesquisas que essas pessoas fizeram deve estar errado, pois me formei em Biologia, fiz v√°rios cursos entre est√°gios, e s√≥ querem que eu trabalhe de gra√ßa. Nunca fique parada, me decepcionei tanto com a minha ar√©a e resolvi come√ßar outra tentando melhorar, por√©m espero consigo um emprego com carteira assinada pois √© lamentavel vc estudar e gastar tanto para n√£o consiguir um emprego digno. Ser√° que pedir um emprego √© demais ou uma uma chance! Realmente viver no Brasil √© decepcionante. As vezes √© vergonhoso ser brasileiro….

  19. Silvio lima disse:

    Eu tenho 19 ano ja tenho curso tecnico de Eletromec√Ęnica estagiei 9 meses fui dispensado por n√£o ter vaga quadro de funcionario hoje tenho uma grande dificudade de arranja emprego porque as empresa quer experi√™ncia na carteira mas semprem fa√ßo uns trabalhos informais mas n√£o na area que me formei e que gostaria de atuar.

  20. anne disse:

    eu estou decpcionada, com tantas entrevista oque eles querem afinal? tantas pessoas com experiencia e por ai desempregada que absurdo! eu por exemplo: tenho 1 ano e meio experiencia como fiscal de loja: portaria controle de entrada e saida. cftv monitoramento, abordagem, sou formada como vigilante. fora isso sou uma pessoa que não nasçir pra ficar sem trabalhar, não aguento mais ser chamada pra entrevista e não ser contratada? eles querem vigilante com experiencia me da um tempo ai! como ter experiencia se ninguem da oportunidade, ta difici e coitados dos que não tem escolaridade nem nenhuma formaçao? sabe de uma coisa e por isso que esta tendo muitas prostituiçao e ladrão por ai sao pessoa que não tem chançe na vida. que brasil hem que vergonha! que decpição!

  21. sandro disse:

    Bom dia!

    Tenho 33 ans e estou fazendo 34, larguei tudo para tentar me formar com muito custo e esforço, me formei em engenharia mas já faz 3 anos que não consigo emprego, cai na besteira de acreditar se eu me formar conseguiria um emprego melhor ou ganharia mais ai larguei meu emprego para consequir me formar, agora estou sem emprego e sem perspectiva, que vai querer contratar um homem de 34 anos recêm formado isso e pura ilusão e burrice como foi tolo!.

  22. Luis Fernando disse:

    Ol√° tenho 18 anos e esse ano me formo, fa√ßo ensino m√©dio t√©cnico em Eletromec√Ęnica e n√£o tenho muita experi√™ncia, fiz est√°gio mas n√£o adquiri experiencia suficiente, e ano que vem vou encarrar o mercado de trabalho, e ja sei que vai ser dificil eu arranjar um emprego dentro da minha area por falta de experi√™nica, infelizmente o Brasil √© assim.

  23. Danny disse:

    Isso tudo √© muito triste gente. Eu me formei na faculdade e estou praticamente terminando a p√≥s gradua√ß√£o e mesmo assim ningu√©m nem se quer me chama para uma entrevista ou sele√ß√£o e quando chamam eu n√£o sou aprovada e j√° vi muitas pessoas p√©ssimas conseguindo bons empregos atrav√©s de indica√ß√Ķes. Eu j√° estou me sentindo em uma idade avan√ßada, n√£o tenho uma fam√≠lia tamb√©m para me ajudar, moro em uma cidade de interior cara, atrasada, coronelista, sem oportunidades, nem quem me sustente. Eu j√° fiz trabalho volunt√°rio, mas at√© isso requer alguma colabora√ß√£o e isso √© custo. Tempo tamb√©m √© dinheiro e √© preciso pagar passagem de √īnibus, materiais, alimenta√ß√£o. Eu praticamente n√£o tenho vida por causa dessa p√≥s gradua√ß√£o, todo o dinheiro foi jogado nela e at√© agora n√£o tenho nada por falta de experi√™ncia, amigos influentes, indica√ß√Ķes. Eu queria muito poder come√ßar um neg√≥cio pr√≥prio, mas tamb√©m n√£o tenho dinheiro para iniciar. Estou em uma situa√ß√£o muito triste.

    • Valdiney disse:

      Concordo com os comentários, realmente para os recém- formados e difícil encontrar o emprego, primeiro porque os candidatos devem ter experiência, segundo os selecionadores vão pela idade e terceiro priorizam os que tem mais experiências.
      Eu mesmo passo pelo mesmo problema, sou formado em Rela√ß√Ķes Internacionais, fiz est√°gio em com√©rcio exterior, tenho Ingl√™s avan√ßado e dificilmente os selecionadores me chamam para a entrevista.
      Quando chamam, verifica-se que eu tenho pouca experiência e nunca retornam.Já procurei vagas com baixos salários, mesmo assim preferem outros candidatos com experiência em carteira.
      √ą muito triste isto meus caros amigos, Brasil √© Brasil, vamos l√° em uma pergunta, pol√≠ticos, diretores de empresa, gerentes, presidentes j√° nasceram com experi√™ncias ???

  24. gina disse:

    eu nasci em 1956 dia primeiro de fevereiro √† meia noite risosss ja estou aposentando.. e a√≠, como conseguir uma oportunidade de trabalhar? uma opcao √© ficar de olho em concursos (abertura de inscricao) eu lia muito o diario oficial na Biblioteca Municipal, me inscrevi pra trabalhar no Pedagio, pra trabalhar at√© em Creche.. por ultimo queria ser funcionaria publica estadual (entao, compensa) √© uma opcao! e a√≠ no dia da prova, tentar ser o melhor (a cada 500Inscritos) entao estude pra caramba porque tem muitos Doutores! rsss uma outra opcao: cortar cabelo masculino d√° muito dinheiro (mas teria que ser o mais barateiro no seu Bairro e provar “que √© o melhor”, √© o que vou fazer assim que oficializar a minha aposentadoria, e a√≠? nao animei? talvez seguir uma Lista telefonica e de um em um ir entregando o Curriculum (fazer o que, nao?) bom! NAO DESANIME, NUNCA! MAS NAO PARE, NA ENTREGA DO CURRICULUM (pelo menos entregue 10,porDIA) SUCESSO DE CORA√á√ÉO (REALMENTE T√Ā DIFICIL 1TRABALHO)

  25. Andrezza Feitosa disse:

    Ol√°. Tenho 19 anos, j√° trabalhei registrada por alguns meses, por√©m n√£o tenho muita experiencia. Estou cansada de enviar curr√≠culos em lojas no centro da cidade e at√© mesmo em fabricas de cal√ßados (onde moro, tem o apelido de ”cidade do cal√ßado infantil”). N√£o sei mais o que fa√ßo. Como posso me matricular em um curso profissionalizante se n√£o tenho dinheiro para pagar? ESTOU EXAUSTA DE OUVIR A PERGUNTA: ”Voc√™ tem experiencia?” Como terei experiencia se n√£o me d√£o oportunidade nem de fazer um teste sequer? ACORDA BRASIL! (Por isso existem tantos bandidos soltos por ai. A falta de emprego ajuda pra que isso aconte√ßa!)

  26. Bruna disse:

    Eu passo quase pela mesma situa√ß√£o que a Danny, √ļnica diferen√ßa que n√£o comecei minha p√≥s gradua√ß√£o, penso em entrar no mercado antes.
    Me formei aos 20 anos fiz est√°gios e trabalhos volunt√°rios e nada… e tamb√©m vejo muita gente ruim que entra por indica√ß√£o… N√£o tenho indica√ß√£o e tamb√©m n√£o tenho amigos influentes… √Č triste ver que muitas pessoas passam pela mesma situa√ß√£o que eu..
    Eu estou nesse pesadelo à 2 anos e não acordo, preciso ajudar minha família financeiramente, necessito de um emprego urgente, abri mão até de procurar vaga na minha área.. Triste.. triste

    • janete disse:

      ola!!! estou na mesma situacao q vc me formei a 2 anos assistente social, ja fiz 2 pos e nao consigo nada, tenho varios cursos na area tbem, e tem vagas aq na minha cidade, mas entra tdos por indica√ßao, e tem menos cursos q eu, mas nao vou desistir estou bem preparada uma hora alg percebe minha prepara√ßao e vc nao desiste tbem tdos tem seu espa√ßo…ab√ßs

  27. cassi disse:

    Deprimente,tenho 35 anos e n√£o consigo me recolocar no mercado de trabalho,j√° tentei em rh e por causa da falta de experiencia e da falta de vontade daqueles que ja tem “experiencia” de sentarem e passar o trabalho,ningu√©m tem paci√™ncia de ensinar,faculdade n√£o garante emprego a ningu√©m.

  28. ana disse:

    concordo o que vcs falaram, mas experiencia e mais importante do que faculdade…para quem ta come√ßando tem que conseguir um estagio antes de formar ….se nao fica uma missao impossivel de se arrumar emprego na area…..eu trabalho na area administrativa e consegui o emprego antes da faculdade…minha amiga que esta se formando em Adm nao consegue na area e tem 27 anos esta a mais de 1 ano sem trabalhar…..esse e o nosso Brasil.

  29. Nana disse:

    Ol√°? Estou desempregada (sem registro na carteira) 4 meses.Depois que fui mandada embora da empresa,consegui um est√°gio de pedagogia,por√©m fiquei 2 meses apenas e fui mandada embora.Saio direto √° procura de emprego,j√° passei por diversas ag√™ncias deixando meu curr√≠culo e nada!!!! Eles falam que √© pra aguardar mais neeeeeem tchum…Nem telemarketing que √© a √°rea que tenho experi√™ncia s√£o quase 3 anos,n√£o consigo. Queria um hor√°rio da parte da manh√£ para trabalhar por conta da faculdade,mas s√≥ encontro para a tarde. Queria sair dessa √°rea de telemarketing mas infelizmente n√£o consigo,pois as outras exigem experi√™ncia.Est√°gio,devido eu ter ficado 2 meses eles nem me chamam,a desculpa √© pq eu to ainda no 2¬ļ semestre e a preferencia √© algu√©m que more se bobiar em frente a escola.√Č lament√°vel,as empresas √Ī fornecerem oportunidades,a n√£o ser com experi√™ncia na carteira.

  30. Simone Nunes disse:

    Tenho 26 anos, sou formada em Servi√ßo Social , mas nunca trabalhei de carteira assinada, por isso, estou sofrendo para arranjar emprego. Achei que depois de formada seria mais f√°cil arranja trabalho, que nada. As empresas j√° pedem logo 1 2, 3 anos de experi√™ncia. √Č um absurdo porque a pessoa passa 4, 5 anos numa universidade e sai de l√° se perguntando e agora? √Č contradit√≥rio porque o governo criou uma politica de acesso ao ensino superior, mas na hora de arranjar emprego cad√™? N√£o adianta dizer que os brasileiros est√£o se especializando, estudando se n√£o tem emprego. Mesmo na faculdade p√ļblica agente gasta dinheiro, tem que ter tempo para se dedicar aos estudos, est√°gio e e depois sai com o diploma na m√£o.

    • Tat√° disse:

      Concordo. Tenho quase 24 anos, fiz curso em uma Universidade Federal, fui atr√°s de emprego e est√°gios no setor privado durante e antes da faculdade, desde os 18 anos queria iniciar uma “carreira de sucesso”, mas ningu√©m quis me dar oportunidade, ent√£o fiz concurso pra estagiar no Setor P√ļblico, e ganhar mais do que eu ganharia no privado, passei, e continuei tentando empregos no Setor Privado, com a experi√™ncia do est√°gio eles come√ßaram a me chamar, inclusive empresas TOP, mas eu acabava rodando nas tais din√Ęmicas de grupo e entrevistas , pois nunca decifrei o que era pra ser dito nestas, fora que algumas empresas eram elitistas e s√≥ queriam as pessoas com ber√ßo para entrar nelas e observei que quem n√£o tinha ber√ßo n√£o subia em muitas delas, e agora c√° estou eu, estudando novamente para concurso, espero ser aprovada em um bom para realizar minha “carreira de sucesso” no Setor P√ļblico e n√£o precisar ser t√£o humilhada na vida depois de tanto esfor√ßo e anos dedicados aos estudos e, especialmente, a faculdade.

      • diogo disse:

        se eu tivesse que escrever um post, seria exatamente esse….
        estudei em faculdade publica, tentei est√°gio na √°rea privada e n√£o deu certo, consegui est√°gio atrav√©s de concurso para estagiar em empresas p√ļblicas que inclusive remuneram melhor.
        Agora depois de formado n√£o consigo oportunidade de emprego por n√£o ter muita experi√™ncia em empresas e rodo nas din√Ęmicas de grupo tbm….resultado, estudar de novo para concurso…acho q eh a minha melhor sa√≠da

      • LAURINETE PERES disse:

        RUIM √Č QUANDO VC EST√Ā FORMADA, NO MEU CASO SOU FORMADA EM ADM, ESTOU DESEMPREGADA, S√ď CONSEGUI EST√ĀGIO NO 7¬ļ SEMESTRE , MAS AGORA DEPOIS DE FORMADA, ESTOU PARADA, NA VERDADE DESDE JULHO DE 2011 QUE N√ÉO ENCONTRO NADA, QUEM BANCA AS MINHAS DESPESAS √Č O MEU MARIDO, N√ÉO ME SINTO BEM SOBRECARREGANDO AS COSTA DELE, COM AS DESPESAS DA CASA QUE AUMENTARAM COM A MINHA PRESEN√áA ATIVA EM CASA E COM AS MINHAS NECESSIDADES PESSOAIS, NUNCA FUI SUSTENTADA POR NINGU√ČM, SEMPRE AJUDEI EM CASA, E AGORA ME SINTO FRUSTRADA PQ NINGU√ČM ME CHAMA PARA ENTREVISTAS, N√ÉO POSSO PAGAR UMA P√ďS, OU UMA ESPECIALIZA√á√ÉO, OU CURSOS , POIS N√ÉO TENHO DINHEIRO…. T√Ē MUITO FRUSTRADA, NUNCA PASSEI POR UMA SITUA√á√ÉO DESSAS….

        • Carlos Prates disse:

          Laurinete,
          Obrigado pelo seu depoimento. Encaminhei para o seu e-mail um amplo material didático. Leia-o com muita atenção e vá em frente, em busca do seu emprego.

          • Renan P. de Oliveira disse:

            Ola Carlos Prates, tudo bem. Eu tamb√©m estou indo para o 8¬ļ semestre do curso superior em Sistemas de Informa√ß√£o e at√© agora nem estagio eu consegui por falta de experiencia, por falta de ingl√™s (Intermedi√°rio ou Avan√ßado) e por falta de cursos e certifica√ß√Ķes espec√≠ficas.
            Se você puder me enviar o material eu te agradeço muito.
            Esse Material serve para qualquer √°rea?
            Grato…

          • Carlos Prates disse:

            Renan,
            Acabei de enviar para o seu e-mail o material did√°tico que disponho. V√° em frente e sucesso!

        • Tamires disse:

          Oi laurinete, nossa que triste realidade sua situação é semelhante a minha, também já me formei em Administração, tenho cursos profissionalizantes, época que graduava so conseguir um estagio e fiquei nele até o fim do contrato, depois que acabei a faculdade só consegui um emprego de telemarketing acreditando eu que cresceria na empresa, um empresa terrível que descobrir depois que não tinha plano de carreira nenhum so queria lucra e lucrar e tal, larguei o emprego por que não aguentava mais tanta desilusão daí aqui estou. hoje desempregada e dependendo do meu marido que graças a Deus tenho um emprego, e não consigo se quer se chamada para um processo seletivo nas áreas administrativas não tenho experiencia.

  31. Karla disse:

    Nossa! Mesmo sabendo que existe muitas pessoas passando pelo mesmo problema que eu, √© dificil ver o quanto √© triste ver pessoas desmotivadas, desiludidas e decepcionadas, pois √© assim que me sinto, e acho que √© assim que a maioria descreveu estar sentindo. Me formei h√° 3 anos em Psicologia, fiz alguns est√°gios na √°rea hospitalar, mas mesmo assim n√£o consigo nenhum emprego na √°rea, diga-se de passagem que √© uma √°rea que normalmente se contrata por indica√ß√£o e abrir consult√≥rio, n√£o vale a pena √© um campo saturado, no mercado, fora que no in√≠cio s√≥ se tem gastos. J√° as outras √°reas exigem ampla experi√™ncia na √°rea. √Č rid√≠culo ver como as empresas acham que as pessoas j√° nascem prontas.., de certo todos os profissionais do alto escal√£o: analistas, gestores, gerentes, presidentes, j√° nasceram com experi√™ncia…. Rid√≠culo!

  32. Pietro Yacob disse:

    √Č realmente uma merda isso.

    Tenho 20 anos, faço faculdade, tenho inglês e espanhol fluentes e não arrumo nada. No começo pensei que poderia ser até porquê eu estava exigindo demais, mandando curriculo para vagas alem das capacidades de alguem que está começando no mercaco de trabalho, mas agora vejo que não é isso, pois abaixei todas as minhas exigências de emprego e mando curriculo para vendedor, estoquista, telemarketing, operador de loja, repositor e mesmo assim não chamam para nada.

    Ja s√£o 2 anos procurando emprego e n√£o arrumo, tenho planos pra minha vida que quero botar em pr√°tica e n√£o tenho oportunidade.

    • Carlos Prates disse:

      Pietro,
      Agradecemos pela sua participação no Blog de Empregos.
      Continue a sua busca pessoal e profissional.
      Segerimos que acesse no Blog de Empregos o artigo “Projeto Fazendo e Aprendendo”, retirando as apostilas que mais lhe forem adequadas.
      V√° em frente e sucesso!

  33. cris disse:

    ola gente achei que era a unica desempregada sem carteira assinada já trabalhei muitas vezes mas nenhuma com carteira assinada tenho 26 anos e procuro agora serviço administrativo porque sofri muita humilhação como domestica agora decidi que vou procurar o melhor para mim pois fiz curso de informatica so que esta tão dificil que as vezes penso em voltar a fazer o que fazia mas sofri tanto não sei o que fazer !

  34. Liliane disse:

    Nossa, n√£o imaginava que tinha tanta gente na minha situa√ß√£o, pensei que fosse a √ļnica, eu tenho 32 anos e praticamente nunca trabalhei, fiz um curso t√©cnico de contabilidade, cheguei a estagiar mas depois disso s√≥ consegui um emprego que fiquei uma semana, n√£o me deram oportunidade de aprender, s√≥ vou em entrevistas, n√£o sei o que fazer me sinto com uma baixa estima danada, o pior √© que tem gente que acha que eu n√£o quero trabalhar, j√° coloquei curriculo at√© pra auxiliar de servi√ßos gerais, mas infelizmente eu moro em um pa√≠s que pra lavar uma privada precisa ter experiencia.

  35. Ricardo disse:

    Pois √© minha gente. Tenho curso superior completo, falo ingl√™s e espanhol, j√° apresentei trabalhos fora do pa√≠s em congressos internacionais com mens√£o honrosa de 1¬ļ colocado e acreditem….. TB ESTOU SEM EMPREGO…. Formei no final de 2010, trabalhei 6 meses e tem 1 ano que estou parado… As coisas est√£o ficando fora do normal nesse pa√≠s. N√£o sei mais o que fazer!!!!!! T√ī quase desistindo de tudo…

    • Carlos Prates disse:

      Ricardo,

      Enviamos para o seu e-mail um amplo material did√°tico e sugest√Ķes para voc√™ se recolocar no mercado de trabalho.
      Reavalie o seu mercado profissional e fa√ßa as adapta√ß√Ķes necess√°rias. V√° em frente e sucesso!

    • Mauricio disse:

      Faça um curso tecnico em mecatronica; com o conhecimento de idioma que vc tem não ficará sem emprego.

  36. jose mauricio disse:

    Ola pessoal sei que n√£o √© facil sou formado em tecnico em seuguran√ßa do trabalho,embora tenha trabalhado apenas 3 meses na area n√£o consegui mais voltar na area,o jeito √© continuar a se especializar um dia quem sabe….

  37. Carla disse:

    Poxa…..Eu pensava que fosse s√≥ comigo.Sou formada em ci√™ncias contabeis,tive poucos estagios,fiz p√≥s gradua√ß√£o de Doc√™ncia de Ensino Superior e agora fa√ßo Pedagogia s√≥ tive um trabalho de carteira assinada,j√° fiz inumeros concursos e nada.J√° espalhei tanto curriculo,fa√ßo entrevistas e nunca sou chamada..estou com uma baixa auto estima,triste,choro todos os dias de desespero,tenho 38 anos e o que mais me deixa triste √© de ver a frieza das pessoas,pensava que tinha amigas mais nehuma delas me pedi o meu curriculo..quando falo no assunto elas desconversam simplesmente me afastei delas.Infelizmente hoje as pessoas est√£o totalmente egoistas e os empres√°rios n√£o tem paci√™ncia de ensinar e d√° oportunidade a quem n√£o tem experi√™ncia estou me sentindo excluida da sociedade.√Č uma sensa√ß√£o horrivel….Sinceramente n√£o sei mais o que fazer!!!!

    • Carlos Prates disse:

      Carla,
      Agradecemos pela sua participação no Blog de Empregos. Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático para você investir na carreira profissional. Sugerimos que se cadastre no Simm e Sinebahia.

      Renove as suas forças e continue em busca do seu emprego, pois você conseguirá.

  38. Gi disse:

    Nossa n√£o imaginei que estivesse dif√≠cil assim para tanta gente… No meu caso sou formada em administra√ß√£o, tenho experi√™ncias s√≥ que as empresas est√£o pagando pouco demais… Imaginei que seria a minha √°rea ent√£o estou pensando em fazer um curso t√©cnico de contabilidade…quem sabe n√£o consigo um est√°gio e as coisas melhoram… N√£o podemos perder as esperan√ßas, temos que ter f√© em Deus que as coisas v√£o melhorar… Fica um grande dilema se com experi√™ncia est√° dif√≠cil, sem est√° bem pior…Concordo como foi citado acima… que o governo deveria criar algum programa para rec√©m formados…Isso √© Brasil!!!

  39. Danilo disse:

    Tenho 28 anos, sou formado, morei fora do país por 1 ano, falo inglês, mas pelo fato de ter apenas 6 meses de experiência na área que sou formado, estou desempregado e não vejo um futuro prospero para a minha carreira profissional. Minha auto-estima está derretida em direção do ralo do banheiro.

    As palavras animadoras dos meus amigos e familiares n√£o surtem mais efeito.

  40. Jorge disse:

    Ola pessoal,tenho 48 anos infelizmente sem sem nenhuma experiencia em carteira.
    sinto-me uma pessoa que n√£o serve para nada.vivo em uma frustra√ß√£o constante,pois n√£o sei qual e minha aptid√£o para qual are√° profissional devo caminhar.tenho apenas o segundo grau feito Atrav√©s do supletivo,mas tenho boas maneiras,falo bem,visto-me bem,sinto que tenho potencial mas n√£o sei qual e e em que are√° .sinto que sou um diamante bruto precisando de ser lapidado.parece que vou explodir pois ainda n√£o encontrei meu caminho meu lugar na sociedade,por tudo isso sinto-me inferior as outras pessoas que teen uma carreira carteira assinada e todas as garantias por exemplo da CLT.sei que existem varias pessoas na mesma condi√ß√£o que eu mas isto n√£o me serve de consolo,pois pessoas que est√£o nessa condi√ß√£o vivem em situa√ß√£o de humilha√ß√£o com baixa auto estima emfim vivem infelizes pois n√£o s√£o donas das pr√≥prias vidas vivemos fazendo o que outros querem pois anda n√£o conseguimos sermos donos de nos mesmo.peso a DEUS que nos ilumine para que possamos nos libertar desta condi√ß√£o…..abra√ßos a todos Obs: mesmo assim sinto uma forte vontade de fazer algo pra ajudar pessoas que se encontr√£o nessa mesma situa√ß√£o deve aver algu√©m que possa nos ajudar respondam-me

  41. clau disse:

    Vcs reclamam demais tenho 37 anos e aparece emprego na area de telemarketing direto eu ja arrumei 2 da ate para concilar n√£o precisa de experiencia tem muito ai e so enfrentar reclamar n√£o resolve nada

    • Eliane disse:

      Ol√° Clau,
      Sabe, aqui em BH/MG n√£o ta f√°cil assim.
      Fui em uma entrevista para Telemarketing e pediram experiência com vendas.
      Saí de mãos abanando e pensando: Que coisa! Sou estudante de Pós Graduação na área da educação e isso não me qualifica nem para ajudar as pessoas por telefone? Imagine como me senti? Ta difícil, e assim como outros colegas que aqui comentaram, pensava que somente eu estava nesta situação meio que de desespero.

      Um abraço e obrigada por suas palavras de entusiasmo.

    • Fernanda Oliveira Vieira de Castro disse:

      Eu tenho 35 anos, j√° trabalhei em lojas onde cheguei a come√ßar ser treinada para ger√™ncia. Depois trabalhei quase 10 anos como Representante na Ind√ļstria Farmac√™utica e mesmo com tudo isso, carteira assinada e curso superior conclu√≠do a 3 anos em Comunca√ß√£o Social, n√£o consigo NADA ! J√° n√†o sei mais o que fazer ! Me ajudem por favor !

  42. Thiago disse:

    Vivo no mesmo dilema… infelizmente.
    Tenho curso t√©cnico em Eletromec√Ęnica, estou agora fazendo 2¬ļ per√≠odo de Administra√ß√£o e nada de arrumar est√°gio ou emprego em nenhuma das duas √°reas.
    √Č infeliz ver tantas pessoas desqualificadas e inseridas no mercado em altos postos, por indica√ß√£o de algu√©m. Curr√≠culos, j√° mandei muitos, j√° fiz incont√°veis entrevistas, mas sempre tem gente trabalhando e indo participar de sele√ß√Ķes de entrevista nas quais eu vou, e sempre eles preferem essas pessoas, nunca me d√£o uma oportunidade. No curso e na boca do povo, vaga n√£o falta, s√≥ h√° pessoas desqualificadas, elas mandam a gente procurar nos qualificar, fazer cursos, mas a oportunidade para adquirir experi√™ncia ningu√©m d√°. De certo modo eu fico com raiva, porque sou ser humano, tenho sentimentos, e chego a entender de certo modo porque algumas pessoas fazem o que fazem, muita gente pode, mas n√£o d√° oportunidade. Aquilo que o mundo nos pede, n√£o √© aquilo que o mundo nos d√°…

  43. Juliano matias de Deus disse:

    Bom meu caso √© semelhante a todos,tenho todos esses cursos Solda Ponto, MIG-MAG, TIG, Tucker, Pin√ßa T.I ‚Äď Renault do Brasil
    *Inspetor da Qualidade Industrial-TQI Treinamento da Qualidade Industrial
    *Operador de Empilhadeira-TQI Treinamento da Qualidade Industrial
    *Eletricista Industrial-TQI Treinamento da Qualidade Industrial
    Operador de m√°quinas pesadas (p√° carregadeira, trator de esteira, r√©tro, moto niveladora…)

    T√©cnico em Mec√Ęnica e manuten√ß√£o aeron√°utica. GMP, C√©lula -- 2200 horas ‚Äď falta ANAC
    Inglês avançado (SEIS ANOS)
    E estou desempregado,as empresas querem experi√™ncias mais n√£o d√£o oportunidades ou os recrutadores tem medo porque eles n√£o tem as qualifica√ß√Ķes de alguns candidatos e temem perder o cargo deles ent√£o eles n√£o contratam

  44. Pois bem leitores, tenho forma√ß√£o em Administra√ß√£o -- P√≥s em Marketing -- Gest√£o de Pessoas e extens√£o em Metodologia do Ensino Superior. O que pensam quando lhe pedem Experi√™ncia? Algu√©m que ir√° resolver os problemas no setor em quest√£o, n√£o precisa ser em carteira, mas conte sobre como resolvem as situa√ß√Ķes, no curso que fizeram, como colocaram em pr√°tica em algum momento de sua vida. N√£o t√™m curso? Mas sabem resolver de maneira emp√≠rica (pessoas que conhecem, vivenciaram ou tem conhecimento sobre o tema), o entrevistador espera a cada candidato um que lhe pare√ßa parceiro e ajude de forma sucinta a ser escolhido, n√£o minta sobre seus objetivos, (√†s vezes por for√ßa de h√°bito querer imprecionar). Do outro lado da mesa est√° algu√©m interessado em achar a pessoa certa, boa sorte e NUNCA DESISTAM.

  45. Gustavo disse:

    Gente, passo pela mesma situa√ß√£o. Me formei em Direito, fiz a OAB, passei na primeira tentativa, tentei advogar mesmo n√£o tenho jeito pra coisa ( estudo bastante e leio muito, mas, n√£o dou pra coisa.), n√£o √© falta de for√ßa de vontade, nem de tentativas. Estou vivendo de bicos, como dando aulas particulares de Hist√≥ria, Geografia (dif√≠cil) e vez ou outra fa√ßo trabalhos escolares e monografias para universit√°rios. J√° fui consultar um psic√≥logo, at√© psiquiatra. N√£o estou deseperado, por√©m muito preocupado. Estou pensando com seriedade em frequentar Centros Esp√≠ritas, Igrejas e tal. No desepero a gente tenta de tudo. De vez em quando, advogo. Me indentifico e solidarizo com pessoas em situa√ß√Ķes parecidas. Passei em dois concursos e n√£o me chamaram. acabei desanimando. Mas, acho que meu caminho √© por a√≠, portanto, vou com tudo estudar para concursos. Temos que sempre ter f√© e nos esfor√ßarmos, nunca desistir. Um abra√ßo √† todos.

    • Carlos Prates disse:

      Prezado Gustavo,
      Agradecemos pelos seus coment√°rios. Enviamos para o seu e-mail um amplo material did√°tico e desejamos que sejam √ļteis.
      V√° em frente e sucesso!

  46. Guilherme disse:

    No meu caso, o mais triste e que estudei durante 1 ano a mais para ganhar qualifica√ß√£o t√©cnica e FIZ EST√ĀGIO. De fato o est√°gio n√£o era 100% na √°rea que busco( sou t√©cnico em edifica√ß√Ķes e consegui est√°gio na √°rea de projetos arquitet√īnicos, enquanto minha vontade √© trabalhar com projetos de estruturas). o mais frustrante √© que nem mesmo consigo decidir qual √© a pior situa√ß√£o:as raras ocasi√Ķes em que consigo uma vaga, mas sempre pra mecher com o que nao quero e, como se nao bastasse, com remunera√ß√£o 50% menor do que o m√≠nimo da classe ou as empresas que falam “fassa egenharia civ√≠l e volte aqui”.

  47. Sabrina Clemente disse:

    Eu tenho 18 anos, e esta muito dificil conseguir emprego aqui na minha cidade, (São José dos Campos), as empresas exigem experiencia, tentei recentemente um emprego numa agencia de telemarketing, mas não consegui por que o médico disse que eu tinha uma leve perda de audição, fora esse ramo, é quase impossível arranjar emprego aqui, estou ficando deprimida e com a auto estima baixa, só se consegue emprego por indicação, tenho curso de inglês, de informatica, de cabeleireiro e não arrumo emprego nenhum, conheço pessoas que não tem sequer o ensino médio completo e conseguem emprego por indicação. Brasil é uma vergonha mesmo, ta mais fácil virar bandido.

  48. Renata disse:

    Meu deus, isso é tão assustador!
    Nunca pensei que fosse tanta gente qualificada tendo problema pra conseguir emprego!
    Tenho 22 anos, tenho nível superior e sou pós-graduanda, porém, nunca trabalhei na minha área (só o estágio).
    √Č um absurdo. A gente se dedica por anos e quando chega a hora de conseguir um emprego…. n√£o conseguimos por n√£o ter experi√™ncia. De que adianta fazer faculdade e se especializar?? Ningu√©m quer saber.
    Odeio esse país.

    • Ze Carlos disse:

      Renata, a sua situação não é tão ruim como vc pensa. Você é nova e recém formada, além de já ter feito estágio. Mande currículos para as empresas e mantenha contato com o máximo de pessoas que você conhecer. Se aparecer um emprego na sua área, pegue, nem se for para ganhar pouco, pois já será alguma coisa e você já ganhará experiência. Querer escolher emprego só vai piorar. Hoje a situação está feia e não dá para ficar recusando emprego por achar que o salário está baixo. Outra dica que eu dou é mandar currículos para outros Estados, outras cidades. Estar disposta a sair da casa dos pais, expandir os horizontes, sair da zona de conforto, dar a cara a tapa e encarar uma vida nova em um lugar novo. Foi assim, mudando de Estado, que eu consegui o meu emprego.

  49. Luciano Lucas disse:

    Tenho esse mesmo problema. Ja tenho 34 anos e de 2008 pra c√° sempre estou dentro de uma sala de aulas. N√£o estou conseguindo emprego nas ares em que estudei pelo mesmo motivo. Falta de experiencia em carteira. L√≥gico que o conhecimento ningu√©m nos tira, mas se a gente n√£o se exercitar, acaba perdendo todo o conte√ļdo aprendido. Estou a procura de emprego na √°rea de Log√≠stica, se algu√©m souber, por favor entre em contato. Um abra√ßo a todos.

  50. andre disse:

    o problema é que a maioria das empresas de pequeno e médio porte contratam parentes para determinados cargos o empresario contrata o filho a filha o amigo do filho e por ai vai.
    impossibilitando um profissional recém formado.

  51. Laura disse:

    Sou formada em contabilidade h√° 2 anos.
    Sei que errei em não estagiar durante a graduação. Na verdade, na época do curso, eu não me preocupei muito com isso, uma vez que fiquei sabendo, que a partir do ano da minha conclusão de curso, todos meus colegas precisariam passar num exame, chamado de Exame de Suficiência em Contabilidade, do CFC, para exercer o cargo de contador, igualmente como o da OAB para os bacharéis em Direito.
    O que aconteceu? Me formei, passei no 1¬ļ exame realizado, em 2011.1, e NUNCA, NUNCA MESMO, tive qualquer oportunidade de emprego. Desesperada, curso uma especializa√ß√£o, para tentar estagiar. J√° estou no final da p√≥s, e at√© agora nenhuma oportunidade de est√°gio.
    Enquanto isso, da minha antiga turma de graduação, a maioria exerce a função, como auxiliar ou assistente na área contábil, pessoal ou fiscal, e boa parte deles ainda não conseguiram passar no exame!
    Pra que serve esse exame ent√£o?
    Eu ainda n√£o descobri!

  52. Reginaldo disse:

    √Č como um gerente me disse, nem sempre a compet√™ncia te leva a um bom emprego, o que te leva mesmo √© alguem que te indique, e de prefer√™ncia algu√©m de alto cargo.
    Me formo em Engenharia esse ano, estou desempregado a 6 meses. Mesmo com experi√™ncia em gest√£o de produ√ß√£o, desenho……………..ser√° que sou imcompetente assim? ……………………..e a idade n√£o ajuda muito…32anos!

  53. suleine meira sert√£o disse:

    Olá pessoal sou recém formada em pedagogia tenho pouca experiência na área, estou com 25 anos e nada de arrumar o primeiro emprego de carteira assinada. Penso em fazer psicologia, mas não seria um pouco tarde? Me ajudem, please.

  54. Valdirene Silva disse:

    Oi gente, eu tenho 35 anos e tamb√©m posso por essas dificuldades relatadas nos coment√°rios acima. √Č dif√≠cil mesmo, no entanto n√£o devemos desanimar, continuar sim, estudando, se reciclando e tentando se adaptar as exig√™ncias do mercado. E torcer para que haja mais oportunidades para quem n√£o tem experiencia.

  55. Nando T2 disse:

    Pessoal, espero que a minha hist√≥ria sirva de exemplo. Sinto-me sensibilizado por muitas hist√≥rias narradas aqui, portanto gostaria de contar um pouco do que passei. Moro em S√£o Paulo h√° oito anos, me formei em Propaganda e Marketing em 2003 em uma faculdade de Bel√©m do Par√°, aos 27 anos de idade. At√© ent√£o, a ” experi√™ncia ” era somente como estagi√°rio . Da ” selva amaz√īnica” , tal qual o imagin√°rio paulistano, fui parar na “selva de pedra” em busca de oportunidades. Sofri preconceito, muito preconceito ,… as pessoas diziam : N√£o sabia que na floresta onde vivem macacos havia faculdade (!), goza√ß√£o de algumas pessoas ( me entrevistando, e eu engolindo , e chorando por dentro..). Uma pessoa formada no norte, com pouqu√≠ssima experi√™ncia, concorrendo com muitos que se formaram aqui, quais chances eu teria ???! Nem meus pais, muito menos amigos de Bel√©m acreditavam em mim, da loucura de ter partido √† S√£o Paulo.
    Nessa √©poca, nos primeiros meses s√≥ havia comigo R$ 8 mil, era tudo que tinha para tentar viver no m√°ximo cinco meses, tinha que pagar aluguel ( pensionato), alimenta√ß√£o ( arroz e feij√£o), economizando muito, muito mesmo, passava at√© fome. Tinha meta de, em quatro meses, arranjar emprego, caso contr√°rio voltaria √† minha terra natal para n√£o virar sem teto. Dois meses de passaram e nada, j√° havia batido porta em porta levando meu curr√≠culo para v√°rias empresas, implorei, fiz at√© bicos dando aula particular de inform√°tica para algumas pessoas da qual fui conquistando amizade, mas eram apenas R$ 50,00 por aula, uma vez por semana, quase nada diante do desespero, isso mesmo do desespero de acabar virando morador de rua. A sobreviv√™ncia √© um est√≠mulo muito forte √† estrat√©gia, nessa √©poca ent√£o comecei a pensar estrategicamente, a respeito de ‚Äúindica√ß√Ķes‚ÄĚ, do networking. Comprei livros a respeito disso, adquiri livros a respeito de marketing pessoal tamb√©m, isso me ajudou a melhorar a forma como me expressava tanto verbalmente como visualmente, entre outros aspectos imprescind√≠veis para ser mais positivo e ter postura de confian√ßa. Arregacei as mangas, e comecei a participar de grupos de voluntariado, palestras gratuitas, matriculei no ingl√™s ( apesar de pouco dinheiro que me restava), e diversas outras atividades, onde sempre havia pessoas legais para trocar ideias e fazer amizades. Assim, fui conquistando muitas amizades, muitas mesmo ( alguns meses atr√°s s√≥ tinha amizade com o porteiro e zelador do pensionato ! ) , saia com eles ( sempre preocupado com a minha situa√ß√£o, mas sem demonstrar isso), saia com diversos grupos, cheguei em pouco tempo fazer de 100 √† 120 ‚Äúcontatos- colegas‚ÄĚ , mas n√£o era com qualquer um que saia, era bem criterioso a minha sele√ß√£o. Na primeira oportunidade que me surgia, era cada de pau de estar no dia seguinte em p√© de alguma empresa. Nessa √©poca havia imprimido cart√Ķes de visita, meu nome, celular ( pr√©-pago , sempre sem credito) e e-mail.
    Apesar da minha forma√ß√£o em comunica√ß√£o social, eu era uma pessoa t√≠mida, mas nessas horas, a timidez √© por ora esquecida. E nessa de fazer ‚Äú networking‚ÄĚ ( que resultou depois em algumas amizades que mantenho at√© os dias de hoje), fui sendo indicado ali, aqui, at√© conseguir oportunidade de fazer entrevista em uma multinacional localizada na regi√£o da av. paulista, como analista de marketing. E assim trabalhei l√° tr√™s anos, como primeiro emprego com carteira assinada, aos 28 anos de idade, com experi√™ncia at√© ent√£o de est√°gio apenas. Com o salario de 3 mil, alguns meses depois estava fazendo p√≥s-gradua√ß√£o na FGV em administra√ß√£o. Hoje estou concluindo o mestrado na PUC-SP, e estou como gerente comercial em uma outra empresa. E m√™s que vem vou partir para minha terceira p√≥s, MBA em Marketing na FIA-USP para conseguir oportunidades melhores. Esses dias comprei o meu apartamento junto com a minha noiva, e estou indo para o meu segundo carro. Tais posses, n√£o surgiram de um dia para outro. Hoje olho para tr√°s, e vejo como sofri para conseguir, apesar de estar sintetizado a minha hist√≥ria, fazendo soar que o meu sofrimento foi apenas de alguns meses, n√£o foi bem assim, pulei alguns est√°gios da historia da minha vida para encurtar ‚Äú longamente ‚Äú em alguns par√°grafos como foi a luta. Essencialmente o que passo ( alguns podem discordar mas foi a formula que encontrei para sobreviver ) de importante nisso, √© o ‚Äú networking‚ÄĚ , procure fazer muitos contatos, amizades, bastante mesmo. Mas fazer rela√ß√£o de amizade, tamb√©m n√£o √© f√°cil, tem que ser natural, espont√Ęneo, tem de haver tamb√©m uma troca de favores, enfim essa foi a minha hist√≥ria.. espero que tenha servido. N√£o sou ainda um exemplo grande de luta, sei que h√° hist√≥rias muito mais admir√°veis que a minha.
    A indicação sempre foi e será imprescindível para contratação, há caso , é claro, por méritos da qualificação da pessoa, mas no meu caso eu me qualifiquei depois. Pensem bem..

  56. Estefany disse:

    Boa noite colegas, bem pelos depoimentos anteriores, não imaginava que existia tanta gente assim com qualificação e desempregada.
    Passo por esse mesmo motivo. Tenho 36 anos e estou me formando em Administra√ß√£o de Empresas. Moro na regi√£o dos lagos, no qual o Petr√≥leo predomina.J√° enviei meu curr√≠culo para todasss as empresas, consultorias, Rhs e nada…
    A preferência realmente é para pessoas mais jovens e qualificadas. Já fui cadastrada na Catho, mais nunca fui chamada.
    Sinceramente… as vezes da vontade de desistir…de tudo…de fazer qualquer bobagem. Obrigada pelo desabafo…

  57. Elane disse:

    Ol√° gente estou com o mesmo problema, estou terminando meu curso de mec√Ęnica Ind√ļstrial, e N√£o arrumo nenhuma oportunidade, sempre a mesma coisa, “seu perfil, n√£o √© adequado, queremos algu√©m com experi√™ncia”, o pior √© preconceito que tem com as mulheres, e n√£o √© s√≥ isso, n√£o consigo emprego de absolutamente nada, nem de roupa, pq nunca trabalhei no com√©rcio pois nunca me deram oportunidade, nem como t√©cnica, estou come√ßando a achar que perdi 2 anos da minha vida fazendo Mec√Ęnica, pois n√£o consigo nada, j√° mandei meu curriculum para todos os lugares e nada. Eu j√° sou rata de din√Ęmicas de grupos, participei de trocentas, mais sempre a mesma coisa, eu sempre estudo, procuro melhorar mais √© imposs√≠vel, nunca me d√£o a chance de mostrar meu potencial, essas reportagens que passa na tv √© tudo ilus√£o, que fica falando que o Brasil t√° precisando de prof√≠ssionais qualificados, pois todos nos nos tentamos melhorar e nada. Muito dif√≠cil!

  58. Adriano disse:

    Bom PESSOAL, como vocês, passo pelo mesmo problema, me formei como Tecnólogo em Gestão Ambiental e não consegui nada na área, porem não esperei dar mais de um ano estou partindo para uma nova faculdade, porém, agora com experiencia na carteira, tenho experiencia na carteira com logística, e agora estou trabalhando na área de departamento pessoal, ganhando super pouco, mas so estou aqui para adquirir a bendita experiencia (conhecimento tbm) na carteira, ano que vem começo administração, ja faço curso curso de inglês a dois anos, na minha opinião o caminho é o inverso, tentar conseguir experiencia primeiro, depois fazer uma faculdade, foi isso que fiz e se Deus quiser vai dar certo.

  59. Antonio disse:

    √Č dona camila! falou tudo… isso tudo faz parte do sistema do Brasil, e dificilmente isso vai mudar da noite pro dia.

  60. Rodrigo G. disse:

    Hoje em dia curso superior n√£o vale nada. Se vc tem uma experi√™ncia boa pode arrumar muita coisa sem nem ter curso superior. Sou formado em letras e fa√ßo p√≥s em tradu√ß√£o. Tenho 30 anos e estou desempregado. A √ļnica experi√™ncia que tenho √© como professor de l√≠ngua estrangeira, mas n√£o quero dar aula, estou tentando emprego em qualquer outra coisa diferente disso, fujo de dar aula como o diabo da cruz. Mas por n√£o ter experi√™ncia n√£o arrumo nada. To achando que concurso p√ļblico √© a √ļnica sa√≠da pra pessoas como n√≥s…
    E se tá ruim assim pra gente, imagina pros países em crise na Europa heim!

  61. SELMA disse:

    Ol√° pessoal, e sabe o que √© pior,foi a not√≠cia recente que a senhora Presidenta facilitar√° a entrada de estrangeiros em nosso pa√≠s oferecendo lhes recursos e meios para trabalharem aqui j√° que segundo a informa√ß√£o, o pa√≠s n√£o tem m√£o de obra qualificada nem preparo para centenas de vagas existentes.Eis a quest√£o, e n√≥s ficamos como? Se acham que somos t√£o despreparados assim porque ent√£o n√£o d√£o oportunidades as filas de pessoas com diplomas nas m√£os,ou criem conv√™nios com empresas para prepararem seus funcion√°rios as fun√ß√Ķes espec√≠ficas referentes as vagas ao inv√©s de gastar milh√Ķes investindo em gente l√° de fora.

    • maria januaria dos prazeres pereira disse:

      todos os que sentem que nao tem oportunidade de emprego por nao terem experiencia devem fazer chegar todos estes comentarios aos governantes ” Dilma ” desse pais e publicitar em jornais locais. como portuguesa pensava que o Brasil tinha falta de mao qualificada .Fa√ßam uma peti√ßao a exigir emprego sem exigencia de experiencia . Antes de saber fazer tem que haver a experiencia . Isso √© uma descrimina√ßao nao dar oportunidade de emprego a todos os jovens e menos jovens.
      Aqui em Portugal também é um pouco assim . Lutem pelos vossos direitos o trabalho é um direito das pessoas para se realizarem como seres humanos poderem ter uma familia e serem livres . Força e muita sorte.

  62. Adriano disse:

    Acho que cheguei √† esse blog da mesma forma como muitos aqui, procurando no Google alguma luz para nosso mart√≠rio di√°rio em lhe dar com o desemprego depois de anos de luta para se formar em uma universidade. H√° 5 anos me formei em Publicidade e Propaganda, fui um aluno atuante, que fazia est√°gios e realizada bons trabalhos, mas ap√≥s a formatura os est√°gios se acabaram e a realidade bateu √† porta. A empresa em que trabalhava s√≥ ficava com estagi√°rios na minha √°rea de forma√ß√£o, o que √© muito comum nas empresas da minha cidade, assim como √ļnica op√ß√£o para ficar desempregado, aceitei uma proposta de emprego numa √°rea diferente, principalmente porque o sal√°rio era atrativo e sa√≠ da faculdade quebrado financeiramente. Mas… n√£o sabia eu que, aceitando essa proposta estava “matando” minha forma√ß√£o… E assim foi o ocorrido… Ap√≥s 3 anos trabalhando com algo que detestava, sonhava com um emprego na minha √°rea e por isso resolvi sair da empresa com a ilus√£o de que o mercado se abriria para um cara de quase 30 que n√£o tinha experiencia na √°rea. A√≠ a realidade realmente bateu pra valer!!! Participei de algumas sele√ß√Ķes, entrevistas e tal, a esmagadora maioria eram de rec√©m-formados com tudo fresco e atualizado, me sentia muito mal ao ver o quanto me desatualizei e fiquei para tr√°s… Mas o pior da hist√≥ria √© que al√©m de tudo me formei usando o FIES, aquele financiamento estudantil do Governo Federal que ajuda enquanto voc√™ est√° na faculdade, mas depois vem a conta com juros sobre juros para pagar em muitos anos… ou seja, al√©m de ficar desempregado ainda tive que sobrecarregar minha fam√≠lia com minhas contas. E pra piorar sofro de doen√ßa cr√īnica intestinal em que necessito uso de medicamentos controlados e um plano de sa√ļde que funcione, isso tudo sendo pago pela fam√≠lia tamb√©m. Diante de tudo isso, o que me resta? Fazer cursos, especializa√ß√Ķes, p√≥s gradua√ß√£o na minha √°rea demanda muita grana e como fazer tudo isso desempregado e com todas essas despesas? A triste realidade do setor privado brasileiro j√° relatada por muitos aqui, √© que muitas empresas contratam por indica√ß√£o, n√£o √© s√≥ a experi√™ncia que conta, mas o famoso Q.I. (Quem Indica), e isso aconteceu explicitamente em v√°rias entrevistas que participei. Contudo isso, estou h√° 2 anos desempregado e estudando para Concursos P√ļblicos, a maioria de n√≠vel m√©dio mesmo, porque at√© pra minha √°rea concurso p√ļblico n√£o aparece.

  63. cristiane souza disse:

    Ol√° pessoal, sou rec√©m formada em ciencias cont√°beis e mudei pra uma nova cidade e tive que sair de meu ultimo emprego em busca de trabalhar na √°rea cont√°bil. Logo quando cheguei na cidade arrumei um emprego de vendedora numa loja, mas n√£o me adaptei ao trabalho desgastante de trabalhar em p√© o dia inteiro, dai pedo pra sair.Hoje um mes depois ,j√° coloquei curriculo em tudo que √© escritorio de contabilidade e vagas de emprego que surgem na internet.At√© agora nada, exigem experiencia na √°rea ou ent√£o recrutam pra est√°gio, ou seja ,precisaria estar estudando na √°rea. Para mim restaria para Trainee, por√©, exigem at√© que voce fale ingles avan√ßado,resumindo estou bastane dsapontada com essas imposi√ßoes do mercado que dizem que exigem qualifica√ß√£o,por√©m pra n√≥s que passamos anos numa faculdade o que vale mesmo √© “indica√ß√£o’…assim fica muito dificil. Mas vou continuar tentando.

  64. Victor disse:

    Ta dificil moro no interior da Bahia, demorei uns 5 anos depois do termimo do m√©dio para arumar um emprego com carteira assinada isso depois de muitos km caminhados em portas de empresas, muita chuva e sol tomado, mas conseguir por meritos propios apos processo seletivo com prova e entrevista, bem mas trabalho em algo pesado e desgastante sou hj plataformista de sonda terrertre de petrolio, tou a quase 2 anos aqui e pra fala a verdade nao gosto do q fa√ßo como trabalho a noite e tbm pelo dia n√£o tenho n√£o um turno especifico disponivel para estudar vou tenta algo a distancia , √Č a triste realidade ficamos muito tempo sem emprego com tempo mas sem dinheiro para estudar, quando arrumamos um emprego ficamos muitas vezes sem tempo e trabalhamos em areas q nao gostamos so para pagar as contas. Feliz √© quem trabalha no que gosta e tem voca√ß√£o independente de sal√°rio.

  65. gustavo junior disse:

    ONDE EST√ÉO ESSAS EMPRESAS? NO BRASIL S√ď QUEREM COM EXPERI√äNCIA.. AT√Č PARA SER AJUDANTE EM CARREGAR CAIXAS PRECISA
    DE SEIS MESES. ONDE ESTÃO ESSAS EMPRESAS?

  66. Jaciara disse:

    Boa noite, venho de uma longa jornada, fui mãe muito cedo e com isso abandonei a escola antes de terminar o Ensino Médio porém em 2009 finalizei meu sonho terminei o Ensino Médio só agora que aos 35 anos são os filhos que estão em primeiro lugar faculdade para eles, e assim sucessivamente vai ficando cada vez mais distante o sonho de qualificação. Mais vejo que isso nem é tão importante pois vejo aqui neste site muita gente bem qualificado e com sonhos semelhantes ao meu, como bom emprego. Por isso peço ajuda, será que vale apena fazer um curso tecnico, quero muito fazer segurança do trabalho estou perto de completar 36 será que pode ser proveitoso. Me ajuda ai, por favor.

  67. Jaciara disse:

    Boa noite, venho de uma longa jornada, fui mãe muito cedo e com isso abandonei a escola antes de terminar o Ensino Médio porém em 2009 finalizei meu sonho terminei o Ensino Médio só agora que aos 35 anos são os filhos que estão em primeiro lugar faculdade para eles, e assim sucessivamente vai ficando cada vez mais distante o sonho de qualificação. Mais vejo que isso nem é tão importante pois vejo aqui neste site muita gente bem qualificado e com sonhos semelhantes ao meu, como bom emprego. Por isso peço ajuda, será que vale apena fazer um curso tecnico? Quero muito fazer segurança do trabalho estou perto de completar 36 será que pode ser proveitoso? Me ajuda ai, por favor.

  68. Nossa, ao ler esses coment√°rios, fiquei ainda mais triste. Sou formada em Comunica√ß√£o Social ( pelo amor de Deus, n√£o fa√ßam esse curso) h√° um ano. J√° enviei in√ļmeros curr√≠culos e nada! Tenho 31 anos e sinto que o mercado se fechou para mim. Estou entrando na fase da depress√£o total.

  69. tamires disse:

    Bom tbm nunca trabalhei registrada o melhor é mudar de cidade, se vcs não conseguem na sua cidade tentam em outra não custa nada..
    Boa sorte a todas nós

  70. Junior disse:

    Olá , eu de minha parte suei muito até conseguir um estágio na minha area, de engenharia, e uma coisa aprendi, o mercado de trabalho não ta brincadeira não, se vc quer conseguir, deve se esforçar para estar à frente dos demais. Por ex, quem ta na area de tecnologia, e trabalha com algum software, no caso eng. o prior é o autocad, e vários outros, bem. não se deve apenas mexer um pouquinho, e sim devorar. E como a grade curricular de alguns cursos é bem ampla, deve-se procurar especializar-se nas areas de maior demanda, pelo menos só pela primeira experiencia.

  71. Francisco Jorge disse:

    Boa dia tenho 35 anos e vai ficando cada vez mais distante o sonho de qualificação. Mais vejo que isso nem é tão importante pois vejo aqui neste site muita gente bem qualificado e com sonhos semelhantes ao meu, como bom emprego. Por isso peço ajuda, será que vale apena fazer um curso tecnico? Quero muito fazer segurança do trabalho estou perto de completar 36 será que pode ser proveitoso? Me ajuda ai, por favor.

    • Carlos Prates disse:

      Francisco,

      Em geral, um curso t√©cnico, notadamente nas √°reas em crescimento (constru√ß√£o civil), pode ajudar na conquista do emprego. Cada situa√ß√£o profissional √© √ļnica e tem algumas vari√°veis.
      Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material did√°tico que poder√° lhe auxiliar no planejamento da carreira profissional. V√° em frente e sucesso!

  72. Marcele de Freitas Vale disse:

    Boa noite!Sou formada em Gest√£o ambiental e faz 5 meses que envio curr√≠culo e n√£o sou chamada sequer para uma entrevista.√Ās vezes passo madrugadas em claro enviando curr√≠culos pela internet…estou muito triste, pois sempre sonhei em ter uma faculdade e atuar na √°rea de forma√ß√£o que escolhi…foi atrav√©s de uma bolsa integral concedida pelo Prouni que consegui ingressar na faculdade e me formar,no entanto n√£o consigo emprego…vi nos coment√°rios anteriores que muitas pessoas tamb√©m passam pelo mesmo sofrimento que passo atualmente e que sabem o quanto √© dif√≠cil ingressar no mercado de trabalho sem experi√™ncia quando o mesmo pede que se tenha…mas n√£o vou desistir e espero que todos que anseiam atuar em suas √°reas de forma√ß√£o, tamb√©m n√£o desistam pois quando est√°vamos l√° na faculdade,passamos noites em claro estudando para as provas,nos preparando,fazendo trabalhos,pesquisando,nos dedicando muito…e todo esse esfor√ßo n√£o pode ser em v√£o!!

    • Carlos Prates disse:

      Marcele,

      Muito grato pelo seu depoimento. Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material did√°tico e sugest√Ķes sobre a busca do emprego. V√° em frente e sucesso!

  73. cleberson disse:

    Salve galera!
    Pensei que eu era o unico com esse problema…rs (rir para n√£o chora)!
    Vamos lá: Sou graduado em Tecnologia em Processamento de Dados e pos em Administração de Banco de Dados, fora os 12 cursos de qualificação. Tenho 32 anos não consigo emprego por falta de experiencia.
    Area de TI é uma furada essa é verdade, é só procura nos foruns vão vê milhares de pessoas qualificadas que não conseguem emprego e compartilham o mesmo pensamento.
    Depois vem a rede “bobo” de televis√£o e os empresarios + RH que est√° faltando m√£o de obra qualificada. Isso √© mentira…falo por vivencia, pelo menos na minha tem muita gente boa, o que falta √© oportunidade.
    Voc√™ gasta rios de dinheiro do seu bolso para se qualifica e n√£o hora de procura emprego recebe sempre um belo “n√£o” na cara. E com isso vai passando o tempo e voc√™ vai esquecendo o que aprendeu.
    E o pior de tudo isso √© ouvir de “amigos”, “familiares” que voc√™ √© vagabundo, que n√£o que trabalhar. N√£o te ajudam , mas gostam de detona voc√™.
    A idade vai chegando e você vai vendo que não fez nada, não tem nada, isso é frustante. Você se sente um lixo, pois o desespero vai batendo.
    Agora imagina, jovem ja est√° dificil, imagina quando fica velho?

    • Carlos Prates disse:

      Cleberson,

      Agradecemos pelos seus coment√°rios. Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material did√°tico. Desejamos que lhe seja √ļtil e contribua para voc√™ ingressar no mercado de trabalho.

    • Ze Carlos disse:

      Foi isso o que eu sempre pensei, pois lia em revistas que o Brasil estava cheio de empregos e tal, achava que eu iria me formar e já conseguir emprego bom. Nada. A realidade não tem nada a ver com o que é dito nos discursos. Arrumei emprego, mas passei muita raiva antes disso. Muito preconceito na hora de contratação. Enquanto no Canadá é comum o cidadão chegar aos 40 anos e mudar de área, pois não há discriminação com relação à idade por lá, no Brasil o cara com 40 anos é considerado como um leproso que não serve para nada. Mas como eu disse, isso é um assunto que não é muito divulgado, fica tudo debaixo do tapete e todo mundo acha que está as mil maravilhas.

  74. Dan disse:

    O acesso ao ensino superior em nosso pa√≠s est√° sem d√ļvida, muito mais f√°cil do que h√° 10 anos; mas e a qualidade desse ensino, e o que o governo est√° fazendo pra auxiliar os rec√©m-formados a ingressar no mercado de trabalho? Pelos depoimentos, acredito que ele n√£o est√° fazendo muita coisa. Tamb√©m estou na mesma situa√ß√£o, termino minha p√≥s este ano e apesar de ter realizado toda minha forma√ß√£o em institui√ß√Ķes federais, n√£o sei se isso foi l√° grande vantagem, afinal sem experi√™ncia, acho que nem formado em Harvard. Ent√£o de que adianta especializa√ß√£o, mestrado, doutorado nesse pa√≠s? Colegas, se n√£o for pra ganhar bolsa, ingressar na vida acad√™mica, ou pra ter mais chances num poss√≠vel concurso na sua √°rea, quando surgem…ali√°s quando surge 1 vaga; isso tudo de NADA adianta quando se concorre a uma vaga no mundo real que EXIGE experi√™ncia. A sa√≠da √© reavaliar tudo o que j√° foi feito e se questionar se ainda vale a pena dispensar tempo e esfor√ßo nessa forma√ß√£o cont√≠nua; ou achar for√ßas pra seguir uma nova meta. Boa sorte a todos em suas empreitadas!

  75. Ruan Pereira da Silva disse:

    Tenho 26 anos sempre fui dedicado aos estudos;estou no 5 periodo de adm;tenho feito varios cursos;e estou aprocura de um estagio e n√£o consigo nada e para completar n√£o tenho experi√™ncia; o tempo tem passado e cada vez fica mais dificil;o que ser√° de n√≥s;se n√£o d√£o oportunidades como teremos experi√™ncia se n√£o tem ningu√©m que nos d√™ oportunidade…..
    Mais ainda acredito…….

    • Carlos Prates disse:

      Ruan,

      Seguem alguns contatos para estágio. Acabamos de enviar para o seu e-mail um amplo material didático. Sugerimos que leia-o com atenção. Vá em frente e sucesso!

      IEL ‚Äď Instituto Euvaldo Lodi
      Rua Ed√≠stio Pond√©, 342 ‚Äď Stiep CEP 41770-395 ‚Äď Salvador (BA)
      Maiores informa√ß√Ķes no site http://www.ielestagio.org.br

      CIEE ‚Äď Centro de Integra√ß√£o Empresa Escola
      Av. Tancredo Neves, 450, sala 1502 CEP 41820-020 Salvador (BA)
      Tel. (71) 2108-8900

      CIDE Est√°gios
      Av. Tancredo Neves, 274, sala 813 Bloco B ‚Äď Centro Empresarial Iguatemi
      CEP 41820-020 Salvador (BA)

  76. eu ja vou fazer 52, tenho tecnico de enfermagem √© porque n√£o tenho esperiencia e cursos na area e n√£o consigo emprego em lurgar nenhum porque minha carteira nunca foi assinada e √° idade chegou, e pra aposentar √© novo q eu fazer…

    • Carlos Prates disse:

      Marileide,

      Sugerimos que leia o amplo material didático que encaminhamos para o seu e-mail, além dos artigos sobre planejamento de carreira.
      Acreditamos que algumas das suas d√ļvidas dever√£o ser esclarecidas.
      V√° em frente e sucesso!

  77. Chira disse:

    poxa, pensava que eu era a unica , que não conseguia arrumar emprego! E o que é mais absurdo é que a nossa presidenta ainda falou que no brasil , estão surgindo mais empregos, aonde! Tudo bem , estão surgindo mais empregos mais com salários muito baixos , que não da para um pai de família sobreviver. E alem do mais, esta muito difícil de nós mulheres conseguirmos, uma recolocação no mercado de trabalho, devido a mulher quando tem bebê, ficar seis meses em casa, tudo bem que é de direito da mulher mas os empregadores não estão nem ai com isso e não contratam mais nós mulheres. Eu falo isso porque aqui na minha cidade, tem emprego mais para homens do que para mulheres, e depois se fala que não existe preconceito contra as mulheres, mas existe sim. E alem do mais , nesse nosso país , passou dos 40 anos já é considerado velho para o mercado de trabalho, um absurdo! Mesmo se tendo experiência e pior ainda para os que não tem experiência.

  78. simone oliveira santos disse:

    eu to nua situação difícil não acho em prego em lugar algum

  79. Débora disse:

    Olá pessoal, sou mais uma dessa lista de formados desempregado. Tenho 28 anos e estou desmotivada e desiludida com a minha situação, trabalhava como operadora de caixa e decidi fazer um curso de administração. Hoje sou formada, me formei em 2009 e estou desempregada desde então, não tive muitas oportunidades de estagio, consegui um estagio no qual fiquei 1 ano , e a ultima entrevista que fiz foi semana passada, no qual eu ouvi você não tem experiência para essa área, faça algum curso para se atualizar, como assim passei 4 anos estudando e ainda não foi suficiente. Eu não sei o que pensar se é a cidade atual na qual eu moro que não estou conseguindo ou sou eu. Sou casada e meu marido me sustenta no qual acho ridículo me sinto mal com a situação, penso agora em fazer um tecnólogo em logística, mas, será q compensa?? Pois tem q dar certo, porque vai ser meu marido que vai bancar o curso e ai o que vocês acham faço ou não?

    • Carlos Prates disse:

      Débora,

      Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material didático. Sugerimos que leia-o com atenção e faça um novo planejamento da sua carreira profissional. Vá em frente e sucesso!

  80. Emprego na ar√©a de pedagogia esta dificil,mesmo quando temos experi√™ncia.como exemplo est√°gio em empresas p√ļbicas n√£o contam como experi√™ncia, ai fica dificil conseguir um emprego na ar√©a da educa√ß√£o…O jeito mesmo √© estudar bastante e passar no concurso…

    • Carlos Prates disse:

      Simone,

      Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material didático. Sugerimos que leia-o com atenção e faça um novo planejamento da sua carreira profissional. Vá em frente e sucesso!

  81. preciso de enprego tenho um pouco de experiencia em modelagem mas não consigo nesta área porque tenho só pouca experiencia procuro emprego em outras área mas escuto sempre um não sou jovem tenho muita ideia mas sem oportunidade não da.

    • Carlos Prates disse:

      Priscila,

      Sugerimos que se cadastre no Simm e Sinebahia. Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático. Leia-o com atenção, vá em frente e sucesso!

  82. maria ronice ferreira santos disse:

    eu estou a procura de um trabalho mas nao tenho experiencia nunca trabalhei minha carteira nunca foi assinada tenho 38 anos e fica muito dificil pramim sem experiencia e com a idade um pouco alta gostaria de trabalhar em lojas ou supermercado ,padaria,restourante pois ja revendedora de roupas remedios rev istas mim ajuden por favor ja nao sei mas oq fazer

    • Carlos Prates disse:

      Maria Ronice,

      Sugerimos que cadastre no SIMM e SINEBAHIA. O SIMM está oferecendo vários cursos gratuitos que irão lhe ajudar. Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático. Estude-o com atenção, vá em frente e sucesso!

  83. David AlexandreDavid Alexandre disse:

    Triste realidade, sou inspetor de alunos e sonho conseguir um emprego melhor depois que terminar meu curso de tecnologo na Fatec!

  84. marilia mellio disse:

    Nao li nenhum caso parecido com o meu. Comecei uma faculdade em 2001 meio sem saber o q queria. Depois de 2 anos desisti. Comecei administração e fiz 1 ano e tranquei. Tentei outra faculdade e fiquei por 2 anos e meio. Parei tb. Voltei pra adm. Hoje tenho 30 anos alguns estagios e nenhum emprego registrado. Comecei a procurar emprego ao invés de estágio, mas a impressão q tenho é q ninguém da valor a estágios. Querem experiência registrado em carteira. Me sinto péssima vendo todos trabalhando e eu ainda ba faculdade e depe dendo dos meus pais.

  85. Bruna disse:

    Boa tarde, sou formada em marketing no ano de 2010, trabalho como gerente, mas estou morando em sp a uns 9 meses e não estou conseguindo nada em minha àrea de formação, já me cadastrei em sites de emprego gratuito e pagos e enviei curriculos por e-mail para empresas, mas ainda não tive nenhuma resposta, as vezes entro em desespero.quero apenas uma oportunidade, tenho garra e em meus trabalhos sempre busco a dedicação e persistencia.

  86. Ericka Correia Da Silva disse:

    Eu tenho 28anos ja coloqueo currículo em todas as lojas mais até agora não fui chamada não tenho experiência mais sei fazer muitas coisas
    Como vamos ter experiência que não dá oportunidade

    • Carlos Prates disse:

      Ericka,

      Sugerimos que cadastre o seu currículo no Simm e Sinebahia de Salvador, caso resida nessa cidade ou nas proximidades.
      O segundo semestre é melhor para o setor de varejo e as vagas tenderão a aumentar. Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático. Estude-o com atenção, vá em frente e sucesso!

  87. Odete Terezinha Redivo disse:

    Estou na mesma situação,desempregada por falta de experiência. Fiquei 20 anos casada e trabalhando em casa. Agora, 54 anos, divorciada fiz o curso de arquitetura, me formei, mas não consigo entra na área por falta de experiência. por favor me ajudem de alguma forma. OBRIGADA.

    • Carlos Prates disse:

      Odete,

      Sugerimos que cadastre o seu currículo no Simm e Sinebahia de Salvador, caso resida nessa cidade ou nas proximidades. Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático. Leia-o com atenção, vá em frente e sucesso!

  88. Ana Santos disse:

    Estou na mesma situação que a maioria dos colegas. Sou do interior da Bahia, completarei 43 anos dia 27/07,moro no DF há oito anos. Sempre trabalhei de doméstica, mas a minha vontade mesmo era de ser professora, ate que Deus me ajudou e surgiu a oportunidade de fazer um curso de pedagogia. Terminei o curso há dois anos, continuei trabalhando de doméstica até fevereiro de 2013, pois eu tinha feito um concurso para professor de contrato, fui camada para trabalhar no início do ano letivo, para a minha frustração chegou professor efetivo para a minha turma. Estou desempregada e desesperada. Por favor me dê uma luz!!!!!!!!!!!!

    • Carlos Prates disse:

      Ana Santos,
      Sugerimos que busque cadastrar o seu currículo no Simm e Sinebahia ou órgãos semelhantes, que fazem a intermediação de profissionais.
      Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático. Estude-o com atenção, vá em frente e sucesso!

    • Carlos Prates disse:

      Fabiana,

      Seguem os contatos do SENAC para voc√™ obter informa√ß√Ķes sobre os cursos:
      SENAC ‚Äď Servi√ßo Nacional do Com√©rcio
      Av. Tancredo Neves, 1109 ‚Äď Ed. Casa do Com√©rcio, 5¬ļ andar ‚Äď Pituba
      CEP 41820-021 Salvador (BA)
      Tel. (71) 3340-4000 Fax (71) 3273-5105 e-mail cete@ba.senac.br

  89. Ana Monteiro disse:

    A verdade √© que este √© um problema comum a muitas pessoas e pelo mundo fora. No meu caso, sou arquitecta, estudei durante sete anos na universidade do Minho em Portugal, tenho licenciatura (4anos) e mestrado + Tese (3 anos). Para al√©m de Portugu√™s, sei mais quatro idiomas: Ingl√™s, turco, alem√£o e espanhol. Em Portugal n√£o querem pagar aos arquitectos que n√£o t√™m experi√™ncia ou que tenham apenas 1 ou 2 anos. J√° trabalhei como professora durante 2 anos a part-time, mas ganhava muito pouco, n√£o dava para quase nada. Durante o mestrado e de h√° um ano para c√°, desde que acabei o curso n√£o arranjo emprego. Para al√©m do curso de arquitectura (que n√£o tenho experi√™ncia), tenho experi√™ncia de cozinheira, professora e desenhadora, pintora. Domino um vasto n√ļmero de programas inform√°ticos de arquitectura e design. Tive cursos de l√≠nguas, pintura, desenho e teatro e mesmo assim n√£o arranjo emprego pois n√£o tenho experi√™ncia. Sinto que o caminho n√£o √© continuar a fazer cursos, pois j√° gastei muito do meu tempo a estudar e a me qualificar. Estou naquela fase da minha vida em que gostaria de aproveitar as capacidades que fui adquirindo desde a minha adolescencia; (per√≠odo em que comecei a fazer cursos, paralelamente com a escola); para as aplicar nalgum emprego. N√£o me importo de trabalhar noutros pa√≠ses que n√£o s√£o o meu pa√≠s natal (Portugal), e j√° mandei curr√≠culos, mas na minha √°rea todos querem experiencia de 5 anos para cima. Inscrevi-me em Internships por toda a Europa e Asia, mas todos eles s√£o de gra√ßa, eles n√£o pagam sal√°rios e eu n√£o tenho dinheiro para trabalhar de gra√ßa noutros pa√≠ses. Inscrevi-me para um programa de voluntariado em universidades pela Europa, no qual oferecem alojamento, consegui um sim mas espero a aprova√ß√£o do projecto que nunca mais sai. Mesmo fora da minha √°rea n√£o consigo arranjar nada e para emigrar precisava que fosse aceite numa proposta de trabalho, j√° que em Portugal arquitectura nem sequer √© remunerada, e s√≥ arranjas emprego com muita sorte. Enfim, n√£o vou desistir… Tenho f√© que um dia isto mude. Tamb√©m creio que Deus ter√° um plano para a minha vida. Felicidades e boa sorte a todos.

    • Carlos Prates disse:

      Ana,

      Agradecemos pelos seus comentários. Enviamos para o seu e-mail um amplo material didático. Sugerimos que estude-o com atenção. Vá em frente e sucesso!

  90. Flavio disse:

    Bom, vendo a situa√ß√£o de todo mundo sinto a necessidade de colocar a minha vis√£o que acredito que seja a vis√£o geral da maior parte do pessoal aqui. Primeiro vem a qualidade do ensino, as escolas publicas s√£o extremamente inferiores √†s escolas particulares; Segundo, as universidades federais s√£o pra pessoas ricas e n√£o me venham com essa de que √© s√≥ estudar, ha pessoas que n√£o tem tempo, ou trabalham, ou n√£o tem saco mesmo de ficar o dia todo em um cursinho, 365 dias durante alguns anos ( dependendo do QI do individuo) pra tentar concorrer a esse vestibular. Ai vai aparecer um aqui querendo dizer: Mas agora com o ENEM ta mais f√°cil. Balela, segunda etapa te ferra man√©. Bom ai o aluno vai tentar conseguir 50% de bolsa numa universidade particular ou vai se enterrar em divida no FIES. Depois disso, trabalhando junto ao processo com notas medianas, o individuo vai concorrer as grande vagas: Multinacionais. Resultado, se ferra. os playboys das universidades federais que falam ingles, espanhol, alem√£o, mandarim v√£o pegar a vaga, o que sobra? Sobram as empresas convencionais das quais os requisitos s√£o a √ļnica e insubstitu√≠vel experiencia que o rec√©m-formado n√£o tem rsrsrsrs.
    Procurei resumir aqui a realidade do mercado de trabalho, com muita persistencia consegui passar pela fase de conseguir pelo menos um pouco de experiencia e quero divulgar com vocês:

    Pra quem vai escolher um curso na faculdade:

    Primeiro, escolha algo que tenha a ver com você e que seja em uma área com mercado aquecido e já adianto meu amigo, se você não é bom em matemática, raciocínio lógico e tals, esqueça a área de engenharia, ciências da computação etc. Pra vc que tem criatividade, vale a pena investir num curso de web design que esta crescendo muito, não faça publicidade e propaganda se não tiver alguém pra te colocar no meio pois essa área é a maior panela.
    Agora se vc não tem nenhuma destas qualidades não se afobe, ainda existem as áreas voltadas para os funcionários operacionais: aqueles que são como camaleão, aprendem por osmose (repetição) e se adaptam a qualquer processo de treinamento básico pra executar determinada função. Dentro disso se incluem as áreas técnicas tanto industriais quanto administrativas é só procurar uma em que vc ache que vai ser capaz de se adaptar, vale lembrar que os de mente privilegiada ( mais inteligentes) vão se sobressair, mais são áreas em que o convívio entre os inteligentes e os medianos é possível.

    Minha dica para quem quer trabalhar sentado e n√£o disp√Ķe daquela massa cef√°lica do CDF: trabalhar na √°rea administrativa, RH e cont√°bil.

    Como conseguir oportunidade nas √°reas citadas acima:

    Acredito que minha dica seja v√°lida pessoal pois sou profissional atuante e fiz o mesmo: fa√ßam um curso de algum sistema administrativo, ou da √°rea cont√°bil, ou sistema ERP de gest√£o. O por que? √Č bem simples. Atualmente a √°rea administrativa esta investindo em sistemas integrados e apenas o certificado do sistema no curr√≠culo elimina uma pancada de candidatos, acreditem se quiser a maioria dos formandos de hoje nem desconfiam da necessidade de saber operar esses sistemas, pelo menos os que precisam de vagas nas empresas convencionais como j√° foi citado. Pare√ßa confiante, tenha o curso desses sistemas no curr√≠culo e j√° √© meio caminho andado. A garantia √© que seguindo estes procedimentos vc comece com um misero salario de 900,00 inicial, per√≠odo de estagio, e o que o mesmo chegue a 1.500,00. Este √© o m√°ximo garantido com as dicas aqui e tendo em vista o custo de vida da minha regi√£o que √© uma cidade grande do sudeste do pa√≠s, em s√£o paulo o inicial seria de 1.500,00 at√© 2.800,00 seguindo as dicas, que valem para as √°reas, cont√°bil, administrativa e de RH.

    Pra ganhar mais que isso pessoal, só concurso publico que quem passa são pessoas extremamente esforçadas que é uma realidade de diferente para outras cujo a força de vontade não é a mesma ou pessoas de mente privilegiada;

    ou QI (desta vez com significado de quem indica);

    o √ļnico m√©todo dito e certo pra vencer alem do super esfor√ßo e QI e juntar dinheiro e montar negocio pr√≥prio que acaba n√£o sendo poss√≠vel para quem tem fam√≠lia, pois estes n√£o tem como economizar dinheiro.

    Não confundam tudo que foi dito aqui como uma visão pessimista, trata-se apenas de uma análise do mercado de trabalho nua e crua, feita por mim, analisando o mercado de trabalho brasileiro, a evolução da tecnologia e o psicológico de diferentes tipos de pessoas, alem de minhas próprias experiencias, o que não deixa de ser uma evidencia empírica.

    Quanto ao método utilizado em minha vida, segui estes passos, optei pela área administrativa, meu pai tem um escritório minusculo( o que não deixa de ser um facilitador), mesmo assim trabalho sozinho e as empresas onde trabalhei foram empresas convencionais e consegui a vaga sem indicação, seguindo estes passos. Vale lembrar que meu pai nunca parou pra me ensinar nada, hoje sou eu que o ajudo a manter o negocio aberto e vou expandir assim que me formar pois economizei dinheiro enquanto muitos viajavam, iam a baladas etc, etc.

    Espero ter aberto os olhos de alguns por aqui com minha experiencia de vida e desejo a todos boa sorte.

  91. Angélica disse:

    Me sinto indignada com essa situa√ß√£o! Sou rec√©m formada em Letras, tenho 21 anos e n√£o tenho experi√™ncia no mercado de trabalho, fiz v√°rios cursos inclusive EAD, fa√ßo trabalho volunt√°rio. Ou seja n√£o √© falta de interesse da minha parte, mas √© essa GRANDE INJUSTI√áA das empresas, essas exig√™ncias, e que n√£o proporcionam oportunidades! J√° me escrevi para ‘aprendiz’ mas as vagas n√£o tem nada a ver com minha forma√ß√£o, e querem contratar s√≥ quem tem ensino m√©dio completo. Eu me questiono, por que faculdade?

  92. Dhiego disse:

    Sou Desenhista de projetos mec√Ęnicos,tenho 25 anos, faz 1m√™s e 20 dias que acabou meu curso t√©cnico no Senai, mas ainda estou parado, tentando entrar na √°rea, √†s vezes penso que a minha idade poderia ser o problema fora a inexperi√™ncia. Uma empresa me ligou para marcar uma entrevista, mas no mesmo dia cancelou, algo que achei estranh√≠ssimo, outra empresa me ligou para realizar uma entrevista, foi tudo bem, mas at√© hoje ela n√£o retornou. Enviei meu curr√≠culo para diversas empresa, mas estou na reserva, e dizem que o mercado de trabalho est√° precisando de m√£o de obra, pode at√© ser, mas para ensinar e dar oportunidade √© outra est√≥ria.

  93. Matheus disse:

    Carlos Prates, boa tarde!

    Gostaria de receber por e-mail o amplo material did√°tico que o senhor indica para os internautas. Obrigado!

  94. Rosimary disse:

    Lendo estes relatos, me considero na mesma situação. Tenho 51 anos, pós graduada em Gestão de Pessoas, 20 anos de carteira assinada, mas, agora nada acontece. Já perdi as contas de quantos currículos já enviei. Estou tentando de TMK, mas nem assim. Alguém ai pode me ajudar?

  95. Renata disse:

    Sou formada também, desde 2011 e não consegui nenhum emprego na minha área.
    Cansada disso, resolvi procurar um emprego qualquer. Fui no Sine da minha cidade e me deparei com o seguinte: 88 vagas para o sexo masculino e 9 para o sexo feminino!! As para o sexo feminino eram atendente de padaria, faxineira e só! Tudo salário mínimo. Para homens a variedade era bem maior, como repositor, auxiliar de escritório, zelador, promotor de vendas, auxiliar de garçon e afins! Salário desde o mínimo até 1.600 e pouco.
    Perguntei pra mo√ßa que me atendia se abriria mais vagas para mulheres e ela disse o seguinte “A maioria das empresas n√£o quer contratar mulher, quer homem! As vagas pra mulheres s√£o geralmente essas a√≠, √†s vezes abre pra balconista de loja ou gar√ßonete, mas n√£o muda muito. Nem adianta ter n√≠vel superior e carteira de motorista, n√£o abre vaga assim pra mulher.”
    Fiquei revoltada com essa essa diferença! E ainda querem que eu acredite que existe igualdade de gênero nesse país!
    Ainda não sei o que fazer. Pelo visto, vou virar atendente de padaria, com nível superior, cnh, fluente em inglês e domínio de informática.

  96. BRUNO DINIZ disse:

    Tenho 34 anos e sou formado em Análise de Sistemas, e pós granduando em engenharia de software tenho 1 ano e meio de experiencia e nem sou chamado para entrevista.O que eu acho pior nas vagas de Desenvolvimento sao as exigencias para o cargo, que sao completamente sem noçao, exigem conhecimentos de Analistas Seniors para um pessoa que ta começando.Depois vem essas pesquisas exdruxulas falando que falta 45 mil profissionais na area de Desenvolvimento de Sistemas. Ai vem a pergunta, cade estas vagas? Pais fudido. Tem mais valor politico corrupto e ladrao do que as pessoas que correm atras. Ta por fora.

  97. Marli Silva disse:

    Também estou na mesma situação, tenho experiência na área administrativa, sou formada em Gestão de Recursos Humanos.
    Gostaria que enviasse para meu email o material did√°tico.
    Grata

  98. william aparecido disse:

    Cara n√£o sei o que ta acontecendo com esse pais n√£o…vivem falando que tem emprego e falta m√£o de obra qualificada … tenho diversos cursos pelo SENAI , desenho t√©cnico mec√Ęnico , inspetor de qualidade , usinagem e agora estou estudando mec√Ęnica industrial em uma ETEC aqui de s√£o paulo , eu trabalhei bastante com vendas…e tamb√©m com telemarketing…comecei a fazer os cursos para sair dessa √°rea …mais ta dif√≠cil arrumar uma vaga no setor industrial ….to parado j√° 02 meses …tenho cadastrado em v√°rios site de estagio ….estagio mesmo s√≥ vou conseguir no meu 02 semestre…n√£o consigo arrumar nada na industria …s√≥ me liga empresa de telemarketing…isso n√£o quero mais para mim, n√£o tenho nada contra mais eu estou estudando para sair desse ramo de telemarketing ..gra√ßas a Deus minha namorada entende minha situa√ß√£o …n√£o gasto muito com ela , mais na boa to come√ßando a fica triste..amanha fa√ßo 28 anos ..acho que vou vender meu carro e viajar ..ta osso…

    boa sorte para todos ..

  99. Leidiane disse:

    Estou com essa dificuldade tamb√©m, me formei em Rh, j√° levei meu curr√≠culo em v√°rios lugar e nada. Mas analisando a situa√ß√£o como gestora, vejo que as pessoas n√£o valorizam o conte√ļdo do nosso aprendizado, contratam pessoas sem base te√≥rica e preferem contratar pelo famoso QI ( indica√ß√£o). Deixam de trazer para a empresa a inova√ß√£o. Pessoas com id√©ias novas sem v√≠cios profissionais e preferem continuar com a rotatividade que leva a organiza√ß√£o a ter maior √≠ndice de desmotiva√ß√£o. Participei de entrevista que nem mesmo o entrevistador soube elaborar as perguntas e eu fiquei sem saber o que ele estava falando. Tive que perguntar o que ele estava querendo dizer, pois uma pergunta pela metade √© complicado de se entender. √Č dif√≠cil voc√™ saber sobre o Rh da empresa se voc√™ ainda nem trabalha nela. E ainda eles n√£o contratam por motivos do rec√©m formado n√£o ter experi√™ncia ou por n√£o saber o que eles perguntam sendo que o pr√≥prio n√£o sabe nem entrevistar.

  100. Amanda disse:

    Me sinto cada dia pior, tenho 24 anos e nunca trabalhei com carteira assinada. E n√£o foi por falta de tentativas, porque desde que sa√≠ do E.M. quero trabalhar. Sei que existem muitas pessoas na mesma situa√ß√£o que a minha, pessoas que eu conhe√ßo e s√£o mais velhas que eu e tamb√©m est√£o passando por isso, e as dificuldades s√£o sempre as mesmas, n√£o importa sua idade. Esse pa√≠s √© rid√≠culo, n√£o d√£o oportunidades pra quase ningu√©m, praticamente s√≥ pra aqueles que tem o tal de Quem Indica!!! Essas empresas mereciam regredir, do tanto que exigem das pessoas. Qual o problema em ensinar algu√©m sem experi√™ncia? S√≥ pensam em dinheiro, lucro…√© tudo muito revoltante…
    Me considero uma pessoa inteligente, esfor√ßada e capaz, adoro ler e estudar, me dedico aos estudos mas quem disse que isso importa? Sou muito grata √† minha fam√≠lia, que sempre me ajudou a pagar minha faculdade. Tenho vergonha de n√£o poder ajudar meus pais a pagar o que preciso, a √ļnica coisa que me conforta um pouco √© que consegui bancar um tempo do curso por causa de uma bolsa de estudos… espero que um dia eu possa retribuir eles. Me sinto mal porque quando perguntam se trabalho, digo que sou desempregada e a rea√ß√£o das pessoas me incomoda. E j√° fazem alguns anos que passo por isso. √Č muito triste viver assim, te criticam pelas costas, chamam de pregui√ßosa, mas n√£o √© bem assim. S√≥ quem passa por essa situa√ß√£o sabe como √© dif√≠cil. J√° entrei em depress√£o, passei por muita coisa ruim na minha vida…acredito que isso me atrapalhou tamb√©m na hora de ir em busca de emprego, porque tem dias que n√£o tenho esperan√ßa pra nada, outros dias me sinto animada e acredito que na hora certa a oportunidade vai aparecer, mas ela nunca surge. Quando me sinto feliz, achando que logo vou conseguir alguma coisa, encontro alguma coisa que me desanima. Acredito que na hora em que eu voltar a procurar emprego muitos v√£o me olhar torto por eu n√£o ter a MALDITA e T√ÉO requisitada experi√™ncia!!! Tenho pouqu√≠ssima experi√™ncia, fiz um est√°gio aqui, consegui uma bolsa ali e trabalhei em servi√ßo volunt√°rio, mas destes, nenhum durou mais que 7 meses. Sa√≠ do Ensino M√©dio sem saber que gradua√ß√£o fazer, acabei entrando em um curso que n√£o me identifiquei e sa√≠, agora estou prestes a me formar no que escolhi e meu desespero √© cada vez maior…ainda por cima entrei mais tarde no curso, j√° poderia estar formada e empregada…n√£o sei muito bem o que fazer, o que esperar da minha vida. Assim que eu me formar quero procurar logo um emprego…e n√£o vejo a hora disso acontecer. Quero me dedicar primeiro aos estudos porque √© um curso dif√≠cil. Sei que talvez eu esteja exagerando, a esperan√ßa e as chances existem pra todos, mas por enquanto s√≥ sei dizer que tenho nojo de ser brasileira, um pa√≠s em que as pessoas que querem trabalhar, que se esfor√ßam, n√£o conseguem um emprego por causa das muitas exig√™ncias das empresas, enquanto os pol√≠ticos est√£o no poder, sem importar se eles tem experi√™ncia em alguma coisa. Quanto aos concursos p√ļblicos, n√£o fa√ßo a menor ideia em que acreditar, porque pra mim √© mais uma arrecada√ß√£o de dinheiro p√ļblico do que concurso p√ļblico. Esse lugar √© uma tristeza!! Mas vou continuar indo √† luta, e espero n√£o desistir.
    Desejo boa sorte a todos que também estão em busca de emprego!!!

  101. Aline disse:

    Tenho 18 anos e sem experiência profissional e está difícil montar um currículo atraente.

  102. meus amigos to na mesma situa√ßao mundo cruel sou instrutor , de auto escola ,motorista tudo da errado casado que mundo vivemos …… se alguem tiver uma ideia me ajude por favor nao consigo nada…

  103. Cristina Silva disse:

    Nossa, olhando todos esses depoimentos fiquei a pensar, passamos anos dedicando aos estudos se privando de v√°rias coisas.
    Optei por fazer Faculdade de Administração em 2008 e só consegui me formar agora em 2013 ,depois de muitas lutas renuncias, por ser bolsista precisei prestar serviços comunitários, com isso não podia ter um emprego remunerado, pois já trabalhava para pagar a bolsa.Possuo pouca experiencia na aérea em média uns 6 meses, fiz alguns bicos sem vínculos empregatícios, e com isso foi passando o tempo.Agora formada, já fazem 9 meses e não consigo nada nem com Auxiliar, Assistente, Recepcionista as oportunidades que surgem são de TELEMARKETING .
    E fico me perguntando passei quase 5 anos para trabalhar em algo que n√£o gosto , onde n√£o existe chance de crescimento profissional.Pois as empresas de TELEMARKETING em geral oferecem muitos benef√≠cios que elas acham ser aceit√°vel e motivantes , falam que tem chance de crescimento profissional .Mas j√° fez o teste fiquei 4 meses em um Call center onde vi que tudo o que eles dizem nas entrevistas e divulgam n√£o √© verdadeiro , isso mesmo.N√£o quis ficar nem mais um dia , pessoas com anos n√£o tiveram oportunidades, pois acaba sendo poucas vagas para muitos sonhadores.N√£o estou criticando e nem querendo difamar os CALL centers,mas tem maneiras de conseguir manter um salario razo√°vel, e outros meios de motiva√ß√Ķes reais para os colaboradores nada ilus√≥rio,promessas de algo que pode ser cumprido, ao inv√©s de ter 600 operadores posso te 300 que trabalham bem , satisfeito e com comprometimento.
    Tenho minha qualidades pessoais e profissionais , e com certeza ainda vou conquistar meu lugar no mercado de trabalho , pois não desisti ,sim e difícil , frustrante e muitas vezes constrangedor.Participar de um processo para uma vaga com 20 candidatos. As empresas precisam mudar seus métodos de seleção e pensar um pouco mais no próximo, o que já gastei de dinheiro para fazer entrevistas ,não está no papel.Desejo uma boa sorte a todos e SUCESSO♥

  104. Marizete disse:

    √Č complicado esse mundo ou ali√°s as pessoas, quando somos jovens precisamos do primeiro emprego, depois precisamos de uma faculdade quando temos n√£o temos a experi√™ncia exigida pelas empresas muitos querem que j√° nascemos falando Ingl√™s e Espanhol as empresas elas esquecem que aqui no Brasil √© um Pa√≠s emergente prec√°rio de tudo, que o pobre, faz da tripa cora√ß√£o como diz o ditado para estudar, com certeza essas pessoas que est√£o n√≥s altos escal√Ķes das organiza√ß√Ķes, tenho certeza de que nem todos devem ter nascido no ber√ßo de ouro…. As pessoas esquecem a palavra “ajuda o pr√≥ximo” …..
    Sabe cheguei a seguinte conclus√£o estudar para qu√™? se n√£o vai servir…. o problema est√° dentro da rede p√ļblica de ensino vc estuda in√ļmeras porcarias que n√£o vai levar adiante a nada….. essa √© a realidade…… aqui nesse Pa√≠s o que fala mais lato √© o dinheiro n√£o √© por isso que no nosso Governo s√≥ existe Analfabetos…..que n√£o sabem nem escrever e nem se quer ler….
    Sabe estamos a merce de limpar os Est√°dios de Futebol…. depois que os gringos for embora e deixar mais uma vez a sujeira para n√≥s limparmos…… A√≠ quem sabe eles come√ßam a colocar as vagas de Assistente de Limpeza, sal√°rio compat√≠vel com o mercado, hora extra, ticket coxinha, Ingl√™s e Espanhol fluente, Gradua√ß√£o em Limpeza , e P√≥s gradua√ß√£o em Atendimento ao p√ļblico, MBA em Extrat√©gias de Filas com aglomera√ß√£o de pessoas.
    √Č colega √© para rir mesmo…..
    √ą DECAD√äNCIA PURA ENQUANTO ELES N√ÉO APREENDEREM A DAR VALOR PARA N√ďS QUE ESTAMOS COME√áANDO …. S√ď N√ďS RESTAR√Ā EST√Ā VAGA.ISSO √Č SE TIVERMOS TUDO OS QUE ELES EXIGEM, PORQUE SE N√ÉO ELES IR√ÉO TRAZER DE FORA…. MAIS UMA VEZ.

  105. Luciene Matos disse:

    Nossa! Pensei que só eu estivesse nessa situação, pois meu maior sonho era fazer uma faculdade, consegui com muito esforço, mas agora que concluir não consigo trabalho na área, cursei Ciências Contábeis, e por não ter experiência, as empresas não me dão oportunidade. O pior é que tenho experiência em outras áreas, mas, também não consigo uma vaga. Triste realidade se engana quem pensa que ter nível superior é garantia imediata para ingressar no mercado de trabalho. Eu estou muito decepcionada, o dinheiro que investir com a faculdade deveria ter reservado para outro fim. Depois falam que no mercado de trabalho não tem pessoas qualificadas.

  106. Luis disse:

    Esta dif√≠cil para todos, formado a 1 ano j√° e n√£o consigo nada na √°rea tbm, tive que voltar em minha antiga √°rea de metal√ļrgico pois n√£o conseguia nada, mesmo depois de tanto que fiz para sair e conseguir algo, vi que muitas pessoas aqui passam pelo mesmo problema ou pior, eu gostaria de desejar sorte a todos, ainda mais agora em dezembro chegando e o fim de 2013 ai.
    Que ano que vem nós possamos ter a graça de conseguir trabalhar no que estudamos, poder dar o melhor nisso, um abraço a todos.

  107. Terminei o ensino medio em 2012 e estou me formando em um curso tec.em segurança no trabalho e não tenho outras habilidades estou precisando de um estágio o que coloco no curriculo?

    • Carlos Prates disse:

      M√°rcia,

      Encaminhei para o seu e-mail algumas sugest√Ķes. Leia com aten√ß√£o e veja o que √© mais adequado a sua carreira profissional. V√° em frente e sucesso!

  108. Andreia Santos disse:

    Oi gente, estou com o mesmo problema, tenho 22 anos e sou formada Administração, mas desempregada, todos os empregos que tento eles pedem experiência aí fica complicado

  109. Jéssica Santana disse:

    Meus colegas…grande maioria na mesma situa√ß√£o, desempregados por falta de oportunidades, pela falta de experi√™ncia, por n√£o ter “qualifica√ß√Ķes profissionais” ou ao inverso ter e n√£o ser valorizado para a vaga pretendida!! Me sinto como alguns se descreveram aqui…frustrada…me formei a um ano em Servi√ßo Social atrav√©s do PROUNI e nunca pensei em fazer faculdade um dia, gosto muito da minha √°rea de atua√ß√£o e estagiei em lugares renomados como a PETROBRAS, mas nem isso favoreceu o meu curr√≠culo ap√≥s a forma√ß√£o ( me perguntam, cad√™ a experi√™ncia). Me esforcei como muitos aqui e continuo…apesar de n√£o ter um curso de p√≥s-gradua√ß√£o (ou seja, a tal capacita√ß√£o)…procuro emprego em √°reas que j√° trabalhei para ter uma renda e n√£o consigo, porque simplesmente minha escolaridade √© maior do que a exigida pelo cargo. Me pergunto o que fazer… voltar atr√°s e escolher outra √°rea, pois esta n√£o tem ocupa√ß√£o o bastante? Cada vez mais pessoas concluem o ensino superior sem a expectativa de conseguir emprego ap√≥s a forma√ß√£o… at√© quando podemos fechar os olhos e nos ver nessa situa√ß√£o. Algo √© certo, n√£o podemos desanimar, mesmo com as adversidades que nos surgem!!

  110. Giga disse:

    Tenho 22 anos, sou formado em universidade p√ļblica e tenho conhecimento intermedi√°rio-avan√ßado em ingl√™s. N√£o consigo emprego pois n√£o tenho experi√™ncia, apenas um est√°gio que parece n√£o valer para nada. H√° uns 8 meses que tento entrar em cargos operacionas em supermecados e empresas, mas parece que minhas qualifica√ß√Ķes assustam os entrevistadores. Meu f√≠sico tamb√©m √© um empecilho, em uma das entrevistas o entrevistador questionou se eu conseguiria desempenhar as atividades de carga e descarga do auxiliar de almoxarifado e ent√£o, me dispensou. Realmente n√£o conseguiria, mas precisava do emprego. Para pioriar a situa√ß√£o, sofro de fobia social e ataque de p√Ęnico desde a adolesc√™ncia, mas √© controlav√©l na maior parte do tempo. A sensa√ß√£o √© a mesma que a de todos aqui, a autoestima simplesmente deixa de existir, sinto que n√£o sirvo nem para lavar pratos. Toda vez que falam sobre trabalho eu saio de perto para n√£o passar vergonha, ainda mais que todos a minha volta est√£o cada vez mais bem sucedidos enquanto eu n√£o saio do lugar.
    Por√©m, recentemente essa depress√£o foi aliavada, pois consegui passar em concurso p√ļblico com a maior nota entre todos os candidatos. Um resultado esperado para quem passava 6 hrs estudando diariamente, pois sabia que essa era minha √ļnica oportunidade. Mas a ansiedade ainda bate em minha porta porque √© preciso esperar eles me chamarem e est√° demorando, j√° passa de um m√™s deste a realiza√ß√£o da prova. Ent√£o, continuo na luta pelo emprego, ainda mirando nos cargos operacionas, pois no administrativo ha.. pode esquecer.
    Ent√£o fica a dica, se est√° dif√≠cil entrar no mercado, estude para passar em concurso p√ļblico. Muitos prestam, mas n√£o estudam o suficiente, n√£o passam e culpam os outros por isso. Tenho amigos mais velhos que sempre me encorajaram a prestar concurso, pois apesar de serem inteligentes e competentes sempre reclamavam de como √© dif√≠cil ascender profissionalmente na √°rea em que me formei.

    Gostaria de receber o material did√°tico. Obrigado.

  111. Patrícia disse:

    Oi pessoal! Sou do RS, tenho 36 anos. N√£o tenho experi√™ncia profissional. Sou solteira,tenho 2 filhos,cursei 2 anos de Direito em 2006 desisti. Estava gr√°vida de g√™meos. Um casal. Hoje com 7 anos de idade. Eles est√£o em escola particular, penso neles e no futuro deles em primeiro lugar. Quem me ajuda em tudo √© minha m√£e. Dependo dela. Fico envergonhada com essa situa√ß√£o. Procurando na internet sobre emprego depois dos 40 anos, achei esse site. Li todos os posts. Fiquei muito triste com alguns que li. Tanto por voc√™s, e tamb√©m por mim. Porque esse ano pretendo prestar vestibular em duas Universidades.Um para Administra√ß√£o de Empresas outro Engenharia de Produ√ß√£o. Gostaria de opini√Ķes. Ser√£o muito bem vindas . Ser√° que vale a pena cursar Administra√ß√£o ou Engenharia de Produ√ß√£o? Me formo depois dos 40 anos. Li muito na internet sobre cursos, inclusive n√£o tenho conseguido dormir a noite. Pesquiso todas as perspectivas de mercado etc… Fiquei muito desestimulada com o que li,triste por voc√™s aqui. E realista com a situa√ß√£o que “me espera”… ajudem, por favor? Gostaria que me enviasse o material de apoio se poss√≠vel. Muito obrigada. Boa sorte a todos que encontram-se nessas situa√ß√Ķes. N√£o desistam. At√© mais.

  112. Joel disse:

    Ol√°, fa√ßo faculdade na √°rea de RH, pronto para o 3¬ļ semestre, desde adolescente tenho curiosidade e vontade de atuar na √°rea, principalmente em departamento pessoal, folha de pagamento, etc. Mas ter s√≥ vontade n√£o √© poder. J√° cansei de ir a v√°rias ag√™ncias de emprego e nas pr√≥prias empresas, cheguei a pagar assinatura dizendo que iam me assegurar uma vaga at√© para estagi√°rio. Infelizmente n√£o consigo, as empresas exigem experi√™ncia primeiramente, mas como vou ter se nunca trabalhei e s√≥ me especializo na √°rea? Percebo que a exclusividade √© somente ter experi√™ncia, at√© penso em interromper a faculdade, vejo gente j√° formado e tbm nao conseguirem. Mas como n√£o consigo ficar sem trabalhar vou atuar em outra √°rea mesmo.

  113. Stephanie disse:

    Eu tamb√©m estou na mesma situa√ß√£o de muitos, me formei em Gest√£o de Recursos Humanos em 2010, n√£o fiz est√°gio, encontrava mais para contabilidade, queria trabalhar na √°rea de Gest√£o de Pessoas, mais n√£o consigo emprego na √°rea, trabalhei como operadora de atendimento duas vezes e n√£o gostei de jeito nenhum do trabalho, tentava para auxiliar administrativo mais nem isso, pede tudo com experi√™ncia, minha colega da faculdade conseguiu trabalhar na √°rea por QI (Quem indica) e eu como ainda preciso pagar minhas contas fui na √°rea de produ√ß√£o, j√° troquei 3 vezes de emprego na √°rea de produ√ß√£o e essa quarta tamb√©m quero, n√£o adianta, √© uma √°rea muito cansativa, as empresas √© igual sanguessugas, sempre exija que voc√™ produza mais e mais pra ganhar uma mixaria, quero sair dessa √°rea porque sei que a outra vai ser exatamente assim, para no final eu ficar com LER (les√£o por esfor√ßo repetitivo) e a√≠ nenhum empresa me querer mais? A √ļnica sa√≠da mesmo √© o concurso, mais pretendo come√ßar a estudar para concursos municipais das cidades vizinhas, mais tamb√©m sair do emprego que estou e procurar um que n√£o exijam tanto do seu f√≠sico, cansei de ficar fazendo cursos profissionalizantes, me matriculei em um e estou pensando em sair para n√£o ser mais um certificado guardado na gaveta, me sinto muito frustrada com essa situa√ß√£o, mais n√£o √© me lamentando que vai resolver, nem que eu largue a √°rea de rh, depois dessas experi√™ncias eu prefiro ter qualidade de vida, mesmo n√£o trabalhando em rh mais que n√£o seja sugando nosso sangue para depois descartar fora.

  114. helena disse:

    Eu estou na mesma situa√ß√£o fiz faculdade de Psicologia n√£o consegui nada na ar√©a depois fiquei destimulada e acabei desistindo da profiss√£o a√≠ fui fazer t√©cnico em radiologia vi que est√° √°rea tamb√©m n√£o tem emprego j√° est√° muito saturada,ent√£o atualmente vivo como revendedora da natura e ao mesmo tempo continuo estudando para os concursos p√ļblicos dos correios ou do minist√©rio da fazenda etc..Com 37 anos qual empresa me dar√° oportunidade at√© que eu tento,envio pelo catho mais em v√£o a minha carteira de trabalho nunca foi assinada al√©m disso fa√ßo tamb√©m curso de ingl√™s mas s√≥ que hoje em dia isto n√£o garante mais emprego j√° foi o tempo que garantia..Na minha opini√£o o que vale mais e o Qi tenho 37 mais N√ÉO ESTOU MORTA…..At√© para trabalhar em loja de roupas ou qualquer outra loja eu estou aceitando emprego mais s√≥ que n√£o me d√£o oportunidade,s√≥ n√£o gostaria de trabalhar com telemarketing……..Vou nas ag√™ncias do Rj e deixo o meu curr√≠culo e nada…J√° me disseram que eu fizesse trabalhos volunt√°rios para ter um diferencial no curriculo mas s√≥ que n√£o adianta de nada fazer este sacr√≠ficio todo e depois continuar desempregada

  115. Allan disse:

    Ol√° amigos..
    Sou formado em Sistema de informação e não fiz estágio com isso a situação ficou mais difícil ,estou lendo vários artigos com dicas , por onde vocês acreditam que devo começar ?cursos de especialização ?inglês?

  116. Marcelo Ribeiro disse:

    Passei também 4 anos para se formar em Historia, e agora tou comendo o pão que o bicho ruim amassou. onde moro tem gente que não tem nem o ensino médio completo e dar aula porque conhece o prefeito. como eu não tenho vínculos políticos, estou desempregado. pra pagar o aluguel tou até quebrando pedra em construção civil.
    piada né gente!! bem vindo a realidade do Brasil.

  117. renata disse:

    Gente boa tarde! eu tenho 21 anos de idade e coloquei curriculum em uma fabrica de roupas ano passado nao consegui fiquei muito triste pois gostaria muito de trab la, esse ano coloquei curriculum la de novo e hj fui chamada para fazer uma entrevista segunda feira estou muito confiante e tenho f√© que vou consegui. pessoal cora a traz dos seus obj e tenha f√© em Deus. nunca desista. bjs… espero que eu tenha nem que seja um pouquinho reanimado vcs,

  118. Roberto disse:

    Estou no ultimo ano do curso de Analise e Desenvolvimento de Sistemas, mas n√£o consigo arrumar estagio, o que fazer?

  119. Leon disse:

    Desanima ver esses relatos de tantas pessoas qualificadas e formadas sem conseguir trabalho. Fico pensando quais s√£o minhas chances com 25 anos sem forma√ß√£o alguma e sem nunca ter trabalhado. J√° fiz alguns cursos t√©cnicos na √°rea de inform√°tica, tenho ingl√™s avan√ßado mas nunca tentei arrumar um emprego por achar que n√£o estava preparado, nunca tive amigos pra indicar ou coisa do tipo, J√° tentei estudar pra concurso p√ļblico mas sempre bate aquele des√Ęnimo e a idade continua avan√ßando. Sinceramente j√° estou come√ßando a pensar em suic√≠do como √ļnica sa√≠da.

  120. Jeferson disse:

    Eu n√£o sei mas o que fazer para conseguir um emprego na minha √°rea. Formado como t√©cnico em eletromec√Ęnica com CREA. Espero que alguma empresa veja uma oportunidade em um jovem de 27 anos com muita vontade de trabalhar.

  121. Jeniffer Almeida disse:

    Estou na mesma situa√ß√£o que a voc√™s, trabalhei em uma padaria como auxiliar administrativo, mas eles n√£o assinaram minha carteira, nessa fun√ß√£o, agora ao procuro emprego nessa √°rea, mas nem sequer me chamam para entrevista por que n√£o tenho experiencia comprovada. Isso √© um absurdo…

  122. Carla Pereira Macedo disse:

    Ol√° amigos, depois de ler todos esses coment√°rios, vejo que n√£o est√° f√°cil para ningu√©m. Tenho 28 anos, estou cursando Gest√£o Ambiental na Universidade, tenho curso de Extens√£o Profissionalizante na ar√©a de Seguran√ßa do Trabalho, Administra√ß√£o Industrial, Meio Ambiente e Sustentabilidade e Comercializa√ß√£o e Pr√©-sal,Telemarketing, tenho experi√™ncia em carteira como Auxiliar de vendas e Atendente de loja n√≠vel 1. Gostaria de emprego na √°rea de Seguran√ßa do trabalho, mas como tamb√©m n√£o tenho experi√™ncia e meu curso n√£o √© t√©cnico , n√£o consigo emprego, e est√°gio tamb√©m est√° dif√≠cil de conseguir pois as empresas querem ingl√™s intermedi√°rio, ou eu pago a Universidade ou pago curso de ingl√™s, os dois n√£o d√°. At√© telemarketing eu estou querendo, tenho o curso mais nunca trabalhei na √°rea. Enquanto n√£o consigo emprego na √°rea que eu quero, busco na √°rea que tenho experi√™ncia, faz√™ o que. Est√° tudo muito dif√≠cil no Brasil, QUE PA√ćS √Č ESSEEEEEEEEEEEEEEEEEEE?

  123. Andre Silva disse:

    Tenho 33, estou formado a um ano, não consegui fazer estágio na minha área e só tenho experiência profissional em subempregos.

    O que acontece? A vida custa dinheiro e estudo leva tempo. Enquanto isso, voc√™ sobrevive de subempregos, que n√£o te poupam de crises financeiras onde as vezes pode faltar dinheiro at√© pro leite, e o estudo √© obrigado a ficar em segundo plano. Mas antes de ter estudo, ningu√©m te d√° uma boa oportunidade, e quando voc√™ finalmente se forma, vem a alega√ß√£o de que voc√™ j√° est√° “velho demais” e sem experi√™ncia na √°rea, e ai, nem o diploma adianta mais.

    Olha, s√≥ sei que est√° tudo muito errado, t√° complicado pra grande maioria, todo mundo sabe bem disso e ningu√©m faz nada a respeito. N√£o √© ser pessimista, mas √© um assunto complicado, que com certeza envolve diretamente a gente em dois pontos chaves: como consumidores e como eleitores. Mas at√© a grande maioria entender isso e tomar coragem pra realmente fazer algo a respeito….

  124. jessica disse:

    oie gente tbm nao tenho oportunidade de emprego,tenho 18 anos,sou casada e terminei a escola ano passado tenho 2 grau completo e ja coloquei curriculum em varios lugares,eu moro em itajai,sc..e to tao desanimada com isso..quero trabalha sou nova mais nd de oportunidade..todos j√° passaram por isso e por isso que eles tem que dar chance para outras pessoas……….

  125. fabio disse:

    sobre arrumar emprego, o que vejo é políticas nojentas adotadas pra criar caos nas cidades e deixarem pessoas desesperadas.O governo está seguindo uma agenda e está conseguindo! O capitalismo está quebrando e logo o comunismo, ditadura ou algo do tipo toma o lugar.
    O povo sempre foi manso em relação ao governo ferrar o país com politicas nojentas, o brasil é celeiro de políticos tanto no passado como no presente. Se estamos presenciando isso é porque nossa sociedade plantou isso!
    Ricos querem cada vez mais escravizar a popula√ß√£o, eles se acham reis e n√≥s somos plebeus diante de seus olhos! Assim caminha a humanidade pra √©poca de reinos modernos piores do que foi no passado, ent√£o √ļnica solu√ß√£o √© fazer uma revolta violenta com muito sangue derramado de pol√≠ticos corruptos e nos libertarmos das correntes!
    Não adianta revolta pacífica, não adianta sermos desinformados, a mídia é usada pela elite pra alienar a população, por essas que o mundo anda mudando pro pior!
    O povo assiste rede esgoto, jornais locais com notícias muita vezes distorcidas, por essas são tratados como lixo pela a elite. Todos nós somos isso para os ricos, eles nos acham descartáveis, por isso forjam caminhos cada vez mais maléficos pra nos ferrar.
    Jesus disse que por causa da ignor√Ęncia o povo seu acabou morto.
    Por essas que o Brasil caminha a passos largos para o pior.

  126. fabio disse:

    n√£o sei se voc√™s acreditam em nova ordem mundial, mais caso tenham d√ļvidas eu direi a respeito o que anda ocorrendo no mundo recentemente e anteriormente.
    Existem coisas que os senhores do mundo querem fazer antes de conquistar a liberdade das pessoas.
    Destruir a família, pra isso eles utilizaram de algumas estratégias.
    Incluir a mulher no mercado de trabalho foi uma delas, assim o marido e a mulher se separam mais vezes, cria-se rivalidade entre homens e mulheres, fazendo com que n√ļmero de div√≥rcios aumentem.
    Libertinagem; estratégia para destruir toda uma sociedade, como uso de drogas, programas imorais, sexo sem compromisso, consumismo, entre outras coisas que ocorrem nos dias atuais com mais frequência.
    Eles usaram estratégias pra que bancos menores quebrassem de propósito ao longo dos anos, causando feridas na economia.
    Assim o desemprego aumentou absurdamente, empresas privadas abusando de seus poderes como contratar só parentes, ter pouquíssimas vagas, fazer com que empresas menores não sejam atuantes ou até quebrando elas, políticas assim fazem com que tenhamos cada vez mais pessimismo pro futuro.
    Por fim eles irão apresentar alguma solução terrível, uma delas será a guerra mundial que vai dizimar muitos.
    antes das duas primeiras guerras mundiais, ocorreram políticas ruins que fizeram com que caminhasse pra isso.
    Sabe quem enriquece com guerras?
    ind√ļstria de armas, bancos, pol√≠ticos, assim eles fazem de tudo pra provocar conflitos que possam dizimar inocentes a bel prazer.
    a maioria dos empregos ocidentais estão localizados na china, devido a políticas de domínio mundial.

  127. Dilermando Junior disse:

    Poxa ai desanima qualquer um né galera?
    tenho 25 anos sou t√©cnico em hardware,t√©cnico em edifica√ß√Ķes,comecei engenharia mais parei,alem de tudo tenho outros cursos como ponte rolante,autocad,el√©trica residencial, hidr√°ulica…e ai vai;;;poxa, desanima desse jeito,j√° mandei curr√≠culo at√© pra jesus…kkk mais ta foda…ki pa√≠s √© esse que diz faltar pessoas qualificada para trabalhar… tem experi√™ncia exigem curso se tem curso exigem experi√™ncia…algu√©m tem uma solu√ß√£o ai pra mim ?…to precisando!!!!!!!

  128. Daniel disse:

    Concordo com tudo o que exposto aqui e em solidariedade tamb√©m vou expor minha indigna√ß√£o:sou graduado nas √°reas de TI. E convivo constantemente a procura de uma vaga de emprego. Eles exigem a tal “experi√™ncia” nessas √°reas. Como desenvolver o que aprendi em 4 anos de universidade, se n√£o tenho a oportunidade de colocar tudo em pr√°tica? Se com 28 anos sou considerado para algumas empresas como “velho”, ent√£o um candidato de 40 anos √© o que? Um defunto vivo? Concurso P√ļblico no Brasil atualmente √© uma piada de mal gosto. De 100 vagas que existem, 70 s√£o destinadas para os “Indicados”.Falo com conhecimento de causa. “Quem est√° indica quem quer estar”. Com tudo chego a conclus√£o de que a solu√ß√£o mesmo √© ir vender souvenir de copa do mundo na 25 de mar√ßo para os idiotas que ainda comemoram o acontecimento esportivo no Brasil. Aqui √© o pa√≠s do futebol na Globo com voc√™….

  129. Rebeca disse:

    Gente boa tarde!Tenho 20 anos,e estou na mesma situa√ß√£o de voc√™s,infelizmente e muito triste.Desde dos 18 anos estou a procura de um emprego,j√° coloquei curriculum em v√°rias lojas,supermercados,escrit√≥rios,e v√°rios outros lugares,sou chamada para entrevista,passo nas sele√ß√Ķes e n√£o sou chamada,como pode?so porque n√£o tenho experi√™ncia.Mas eu tenho 3 meses de exper√™ncia de um est√°gio que eu fiz pelo CIEE{que n√£o vale de nada,porque n√£o assinaram minha carteira,so foi contrato,n√£o tem como provar}.Necessito de um emprego,presciso fazer faculdade e ajudar minha fam√≠lia.Por enquanto fa√ßo cursinho pr√©-vestibular de gra√ßa,fa√ßo curso no SENAC e estudo muito para passar na Faculdade Federal.Que Brasil e esse?que n√£o da oportunidade para os jovens, e pessoas qualificadas.Na tv passa comercial de PRONATEC,FIES,e etc ,e tudo muito lindo,mas na pratica n√£o e t√£o f√°cil assim,tem sim o curso ,mas agente n√£o consegue est√°gio e nem muito menos sai empregada.S√≥ acho que o brasil deveria ter um programa que empregasse pessoas sem exper√™ncia .Sei n√£o ta muito d√≠ficil n√£o aguento mais,quero trabalhar,s√©ra qui e pedir muito?Semana passada fiz uma entrevista em uma loja que n√£o precisa ter a tal experi√™ncia,tenho F√© em Deus qui eu vou ser chamada para trabalhar.Boa Sorte para agente e muita F√©.

  130. Priscila disse:

    O governo quer mostrar que investe em educa√ß√£o superior e ponto, porque isso √© “bonito”.
    O que você fará com o canudo depois disso é problema seu, se vira!

    As empresas, por sua vez, querem resultados e estes vir√£o rapidamente atrav√©s de profissionais experientes e n√£o apenas qualificados, logo, n√≥s rec√©m graduados com experi√™ncias curtas de est√°gio, ou que escolhemos priorizar o estudo, recebemos bolsas, enfim, que focamos em estudar “direito” para conseguir um emprego “direito”,n√£o temos valor algum.

    Estou nessa situa√ß√£o, tenho disposi√ß√£o, tempo e qualifica√ß√£o para trabalhar, mas n√£o tenho o m√≠nimo de 1 a 5 anos de experi√™ncia em uma determinada fun√ß√£o…m√©dia exigida pela maioria das empresas.

    Lament√°vel!

  131. Neidoca disse:

    Ol√° pessoal.

    Estou no √ļltimo semestre do curso de pedagogia,j√° enviei mais de 200 curr√≠culos e at√© agora n√£o obtive nenhuma resposta, at√© pra est√°gio meu curr√≠culo √© descartado.Estou vendo que vou ter que voltar para √°rea de vendas onde trabalhei por 18 anos.Me sinto muito triste e frustrada,gosto do curso,mas percebi que para entrar na √°rea tem que ter sorte ou um QI,no momento n√£o tenho nenhum dos dois.

    • Carlos Prates disse:

      Evaneide,
      Encaminhamos para o seu e-mail um amplo material didático. Sugerimos que leia-o com atenção e que encontre ideias para conquistar o seu novo emprego. Vá em frente e sucesso!

  132. sou recém formada na educação infantil e gostaria mto em saber como e quem procurar,para iniciar na area.pois enviei e entreguei alguns currículos desde que me formei e até agora nada.gostaria de saber como r onde iniciar essa busca e agradeceria mto se alguém pudesse me ajudar.desde de já agradeço!cristiane

  133. Daniely Martins disse:

    Bom, acho que passo pelo mesmo problema que a maioria, sou formada em Psicologia h√° 1 ano, e encontro dois obst√°culos na conquista do t√£o sonhado trabalho na minha √°rea, quando n√£o a falta de experi√™ncia (comprovada em carteira), a falta de CNH, ou quando n√£o os dois. J√° mandei in√ļmeros curr√≠culos, para diversas √°reas da minha profiss√£o de Recursos Humanos √† hospitais, at√© mesmo para trabalho volunt√°rio, mas por incr√≠vel que pare√ßa onde moro at√© mesmo para doar parte do seu tempo e suas habilidade intelectuais voc√™ precisa no m√≠nimo de uma p√≥s-gradua√ß√£o. Mas a√≠ vem a pergunta: Como fazer uma p√≥s sem uma renda de alguma esp√©cie? E para abrir uma sala de atendimento precisa pagar taxas √† prefeitura como aut√īnomo, al√©m da mensalidade ou anuidade do Conselho, claro. Confesso que estou perdendo as esperan√ßas de um dia atuar com o que amo e dediquei 5 anos da minha vida para conseguir.

  134. shirley disse:

    ola pessoal , estou na mesma situa√ß√£o que muitas pessoas sempre trabalhei com vendas e hoje me deparo com o grande problema do brasileiro de n√£o conseguir mudar de ramo por n√£o ter experiencia me formei em rh , mas n√£o consigo nada na √°rea procuro em outras √°reas tamb√©m mas ta muto dif√≠cil vejo que a maioria dos empres√°rios s√≥ pegam indica√ß√Ķes ai complica muito quem estudou e se formou para conseguir um emprego melhor .. n√£o sei mas acho que vou ter que voltar para o comercio … muito triste ningu√©m abrir a porta .

  135. paula nogueira disse:

    Que saco n√£o sei mais oq fazer pra trabalhar,as vzs paro e penso que isso cara tanta gente querendo trabalhar nessa bosta de pa√≠s mais n√£o consegue,pq √© t√£o dif√≠cil conseguir o primero emprego??caraca eu tenho 22 anos mais n√£o tenho muita experi√™n√ßia pq simplismente n da pra mim fazer um curso ou algo pra me aprimorar mais,tem q ter dinheiro pra isso,e ainda tenho uma filha de quatro anos,simplismente com 18 anos eu tive q trabalha e terminar meus estudos praticamente todo pq minha irm√£ mais velha √Ī deixava eu estudar,so fui estudar quando fui morar sozinha,mais ai logo veio minha filha e eu tive muito pouco tempo pra fazer oq queria ainda mais nesse pa√≠s onde uma pessoa q realmente tem tudo pra estar no mercado de trabalho √Ī esta pq simplismente n√£o consegue,isso √© um absurdo,socorro,quero sair desse pa√≠s de merda,n√£o tenho mais amor por ele,estou revoltada com tudo,√© um descaso total,derrespeito,tudo de ruim,ja vi muitos casos de empresas q s√≥ contratam pessoas bonitas,eu ja fui contratada e sentir nojo na hora,pq sinceramente n tinha experien√ßia na fun√ß√£o e mesmo assim fui contratada,deixando varias pessoa com experien√ßia pra traz,mais n√£o durei nem dois meses na empresa,tinha muita sujeira l√° √© revoltante,q pa√≠s nojento!

  136. Daniela disse:

    Sempre trabahei como vendedora pois sempre precisei trabalhar,inclusive para bancar meus estudos.Me formei em Eventos há dois anos, consegui alguns trabalhos pequenos e temprários, masr causa da experiencia em vendas, não consigo emprego em outra área. Recentemente, coloquei mais de 300 curriculos à disposição, sendo apenas 8 deles para vagas de vendas. As 8 empresas me ligaram mas os outros 292 não. Não gosto de trabalhar com vendas, não gosto mesmo,e sempre sonhei trabalhar na área em que me formei. Hoje faço uma nova faculdade,Marketing, e pra poder terminá-la terei que novamente aceitar emprego de vendedora,já que não me aparecem novas oportunidades. Estou deprimida e muito desiludida com o termo satisfação profissional.Não sei mais o que fazer.

  137. maricota disse:

    por favor, mais oportunidades, mais chances, mais compreençãooooo

  138. Andreia disse:

    Conheci um site otimo que contem cursos e curriculos, eu me cadastrei, fiz um curso e quero fazer outro. Estou me dando muito bem, os cursos sao reconhecidos pela ABED ( Associação Brasileira de Educação a Distancia). Entre no site e boa sorte!
    http://www.cursos24h.com.br/indica/1344992

  139. shirley disse:

    Bem. como a maioria de voces, tambem estou buscando uma oportunidade, mas a minha de estagio. falta um mes para me formar em TST (Tecnico em Segurança do Trabalho). E agora que me ligaram de um estagio por isto, gostaria de saber se ainda posso fazer estagio? mesmo acabando meu curso mes que vem?

  140. An√īnimo disse:

    √Č muito triste observar que tantas pessoas est√£o passando a mesma situa√ß√£o que eu
    Tenho tristesa do meu País não da oportunidade a quem se forma e se pós gradua com tanto esforço e dedicação e por não ter experiência não ser reconhecido :/

  141. Carlos disse:

    Infelizmente as coisas no Brasil est√£o dif√≠ceis. Mas n√£o se restringe apenas ao Brasil. Eu custei para arrumar um Est√°gio para o meu curso T√©cnico em Mecatr√īnica, arrumei volunt√°rio para variar. Fa√ßo Engenharia El√©trica e agora com o diploma de t√©cnico estou buscando emprego nas ind√ļstrias, pois √© a minha √°rea de forma√ß√£o e um local tranquilo para trabalhar, mas nenhuma est√° me chamando, e eu j√° tenho 27 anos, acordei tem pouco tempo e estou preocupado, se n√£o arrumar experi√™ncia logo corro o risco de nunca arrumar emprego e formar, pois al√©m de desempregado, estou desmotivado para a minha faculdade, e estou com medo do meu futuro. O que ser√° de mim nesse pa√≠s?

  142. Alex disse:

    Sou formado em Tecnologia em Processamento de Dados em São Paulo faculdade particular e consegui estagio na Prefeitura de São Paulo, possuo varios cursos profissionalizantes MAS NÃO ARRUMO EMPREGO na area a mais de 06 anos, sofri discriminação na entrevista por causa da idade 28 anos, o unico emprego que aparece é telemarketing com salario minimo e aguentar assedio moral.Possuo mais de 15 anos de experiencia em subempregos que atuei percebi o tal do Q.I,a maioria dos funcionarios é parente ou amigo ,um exemplo um antigo chefe coordenador de Compra da empresa grande com ensino medio,um colega que entrou em uma multinaciona ja no primeiro ano de Engenharia porque o pai dele conhecia chefia da multinacional,tive amizade com Analista de Sistemas de empresa gigante sem diploma apenas o ensino medio ele é rico mora no Morumbi,lembro de um engenheiro da USP só entrou porque teve que forçar o dono da empresa para contrata-lo. ,ficar desempregado todos se afastam ,você não tem amigo nessa hora , irão te chamar de vagabundo, imprestavel pelas costas,a esposa te poem pra baixo te chama de preguiçoso . A unica saída é o concurso publico mas demora para entrar e de imediato abrir um pequeno negocio por que estou com 35 anos, sem experiencia na area de T.I ,não tem o Q.I ,mora na periferia, a faculdade que concluiu não é USP,Mackenzie,FAAP,Federal,Fatec fica excluido as empresas não dao valor para faculdade barata onde entra qualquer um, essas que aparece na tv.

  143. Mariah disse:

    Ol√° pessoal…
    Estou a dias acompanhando a postagens de vcs e fico at√© assustada em saber do n√≠vel das pessoas que est√£o na mesmo condi√ß√£o q eu, gente q com certeza tem condi√ß√Ķes p/ grandes oportunidades…
    Bom eu tb tenho uma idade avançada p/ o mercado (mais de 30) e enfrento essa mesma situação -- e não é por falta de tentativa pois estou nessa luta desde que terminei a minha faculdade e abandonei um serviço fixo de produção p/ exercer meus conhecimentos (ha quase 4 anos) e de lá p/ cá nunca mais consegui exito em nada mesmo c/ estágio técnico em informática e conhecimentos práticos na área contábil.

    Sou formada em adm de empresas, tenho v√°rios cursos inclusive de idiomas. Mesmo trabalhando desde a adolesc√™ncia (por√©m sem registro) sempre estudei muito a vida inteira e busquei me desenvolver ao m√°ximo al√©m da minha realidade e condi√ß√£o social acreditando que me qualificando (como promoviam as escolas e notici√°rios) teria melhores oportunidades ou pelo menos simples mas que eu fosse valorizada pelos meus conhecimentos…

    Durante esse tempo parada tentei at√© fazer um MBA a distancia devido a abordagem de v√°rios colegas questionando se ainda n√£o estou cursando… Eu abandonei essa ideia e sempre respondo: P/ que fazer um MBA se nem uma oportunidade c/ forma√ß√£o b√°sica ganhando 1 sal√°rio minimo n√£o estou conseguindo??? afff

    N√£o sei o q √© pior aproveitar meu √≥cio p/ estudar ou ficar na internet atr√°s de dicas in√ļteis, pois todos os dias mesmo c/ uma meta de envio de aprox. 30/40 curr√≠culos di√°rios ainda n√£o tive chance.
    A maioria das empresas nem sequer nos respondem tanto na entrevista como muito menos nos enviados por e-mail >. sem falar dos chefes mal intencionados que em troca da vaga esperam de suas funcionarias “aten√ß√Ķes especiais” utilizando-se do ass√©dio e fica aquele q mais se “doar” ao cargo :p

    Eu j√° abondei servi√ßo por causa disso, afinal tenho minha dignidade mas vendo minha condi√ß√£o atual me pergunto se n√£o terei outra alternativa sen√£o “dar o corpo por dinheiro” ou ser dessas mulheres interesseiras q arrumar determinados homens apenas por dinheiro e p/ subir na vida…!

    Como uma colega citou anteriormente com certeza nós mulheres temos um obstáculo a mais nessa luta pela sobrevivência pois parece q sozinhas não somos respeitadas e muito menos levadas a sério!
    Como a maioria dos donos de empresas s√£o homens ficamos nesse dilema e realmente aquelas que sabem tirar proveito disso conseguem vantagens especiais (at√© melhores q funcion√°rios homens)…

    Por√©m tenho esperan√ßas q me recuso a ceder. Gra√ßas a Deus tenho uma fam√≠lia q at√© o momento est√° me ajudando nesse sentido. Mas √© frustante, tenho mais de 30 anos e s√≥ estou vendo as chances piorarem! al√©m disso moro numa cidade pequena e mesmo viajando e tentando em cidades grandes tenho tido esse bloqueio pois as empresas andam recusando contratar gente de outras cidades…

    Est√° sendo muito dif√≠cil, tb tenho tentado p/ concurso publico mas precisaria investir mais por√©m devido ao desemprego estou sem condi√ß√Ķes no momento e realmente as vagas de n√≠vel tecnico s√£o mais concorridas do q as de superior. Preciso adquirir meu CRA para poder concorrer como superior mas n√£o conseguirei sem antes resolver esse problema!

    Bom, graças a Deus tenho até conseguido fazer entrevistas mas o q me assusta é ver q a maioria das empresas querem brincar c/ os candidatos e ficam nos enrolado.. Algumas fazem parecer q vc tem total perfil p/ a chance porém ficam de te retornar e nem almenos isso se importam!

    Pensei hoje q da pr√≥xima vez q for a uma entrevista vou falar apenas o b√°sico e questionarei quando me deixarem plantada aguardando ser chamada! Quero que eles saibam q n√£o estou p/ conversa e contratem quem quiser e se n√£o quiserem me livrem dessa bateria de interrogat√≥rios pois afinal se √© p/ continuar terminando em pizza melhor me poupar de mais frustra√ß√£o! Seja o que Deus quiser, quando √© da vontade de Deus as portas se abrem independente das exig√™ncias e os √ļltimos s√£o os primeiros… espero conseguir minha ben√ß√£o o quanto antes em nome de Jesus!

  144. Carlos Prates disse:

    Edine, ficamos felizes com a sua historia que resolvemos compartilhá-la com dos demais leitores. Parabéns, vá em frente e sucesso!

  145. Danilo disse:

    Cheguei a conclus√£o que o melhor para n√≥s √© o concurso p√ļblico.

  146. Camila disse:

    Estava procurando na internet e descobrir que diversas pessoas, de v√°rias idades, est√£o na mesma situa√ß√£o que a minha. A gente fica mais aliviado por compartilhar essas tristezas cotidianas. E concordo com voc√™: parece que, o √ļnico jeito de sobreviver ao esquema injusto de emprego no Brasil √©, fazer concurso p√ļblico. Claro que, depois que consegue passar na prova e conseguir ser chamado… Ganhar seu sal√°rio e adquirir estabilidade… Vem aquele outro sentimento: “nunca ir√£o me promover ou nunca irei progredir? Estou numa jaula! Preciso me libertar” -> A√≠, vem uma outra reclama√ß√£o dos brasileiros. O t√©dio de exercer uma fun√ß√£o que nem sempre √© aquilo que gostaria para a vida. E a vida √© uma s√≥, se n√£o aproveitar hoje, pode n√£o ter mais oportunidades amanh√£. O Brasil retrata uma hist√≥ria que n√£o √© nada recicl√°vel: ou seja, voc√™ alcan√ßa os 35-40 anos e j√° est√° com menos chances de ter um emprego digno (digno no sentido de ter seus direitos assegurados, sem trabalhar na forma escrava de ser)… at√© mesmo de ter um trabalho em qualquer √°rea/fun√ß√£o, do que algu√©m de 18 anos. Isso porque, 18 anos de idade? T√° dif√≠cil at√© para as pessoas mais novas!

    √Č por isso que a busca dos brasileiros pelo sonho americano ou sonho europeu est√° a cada dia maior, apesar da xenofobia. Muitas pessoas saem daqui com forma√ß√£o superior e v√£o trabalhar em subempregos na Europa, por exemplo. N√£o duram muito tempo e voltam para c√°, pois o visto tem um prazo de validade e, geralmente quando a pessoa concede um visto de estudante ou visto de trabalho cuja empresa recomendou (nesse caso, a pessoa n√£o trabalha em subemprego geralmente)… A√≠ sim consegue trabalhar na Europa por um tempo. A n√£o ser que a pessoa tenha cidadania europ√©ia, o fato muda. Mas, at√© l√° se consegue arranjar (muitas vezes) emprego mais r√°pido que aqui.

    E tem gente ainda que tem a aud√°cia em dizer: “s√≥ n√£o trabalha quem n√£o quer”. Calma l√°, uma coisa √© voc√™ ter dignidade, outra coisa √© se submeter aos tempos do Brasil Col√īnia. Trabalhar, sim! Agora, voc√™ ganhar√° o suficiente para trabalhar de sol a sol durante cinco a seis dias da semana? E conseguir√° seu sustento? O que mais vejo s√£o pessoas com 2 anos √† espera, j√° com o canudo na m√£o. Fazer concurso p√ļblico e n√£o passar.. √Č tamb√©m bem comum entre n√≥s, cidad√£os brasileiros. 1 vaga para milhares de pessoas…. E da-lhe dinheiro para o sistema!

  147. Ze Carlos disse:

    Tocou em um ponto interessante: a emigra√ß√£o de Brasileiros para outros pa√≠ses. Na maioria das vezes, o brasileiro sai do Brasil por extrema necessidade mesmo e n√£o porque ele quer. O cara procura empregos e n√£o acha nada, n√£o h√° oportunidades no pa√≠s como dizem na tv, da√≠, no desespero, com o tempo passando, o cara n√£o tem outra alternativa a n√£o ser sair do Brasil. Tenho um amigo que se formou e n√£o arrumava emprego de jeito nenhum. Da√≠ ele foi para os EUA trabalhar de entregador de pizza. Antes isso do que ser mais um vagabundo marmanjo sem um tost√£o furado no bolso aqui no Brasil. Acordem, o Brasil n√£o √© essa maravilha que pintam por a√≠. Concurso P√ļblico √© para o Estado arrecadar dinheiro com inscri√ß√Ķes e para os cursinhos, autores de livros e palestrantes charlat√£es ganharem rios de dinheiro em cima do desespero do povo brasileiro. Vamos aprender ler nas entrelinhas.

  148. Carlos Prates disse:

    Tatiane,
    Acabei de reenviar o material did√°tico. Favor verificar se recebeu.

  149. Jo√£o Adamastor disse:

    Faço de tuas palavras as minhas. Esse povo brasileiro devem acordar e ver que esse brasil que a mídia nos mostram é tudo mentira.

    Acorda meu povo.

    Nesses √ļltimos 10 anos, perdemos a oportunidade de crescermos, agora estaremos no buraco daqui para frente.

    E d√°-lhe copa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

*