Hoje tem Música Instrumental e Astronomia no Museu Náutico da Bahia

Programação cultural do XX Festival de Música Instrumental da Bahia

O músico Cacau Celuque se apresenta nesta quarta-feira (27) no Museu Náutico da Bahia.

Olá, amigos!

Hoje é dia de curtir um lugar bonito, viajar numa música instrumental “espacial”, e pensar as estrelas. Confira a programação do XX Festival de Música Instrumental da Bahia para esta quarta-feira 27 de maio:

O quê: show com o músico Cacau Celuque, seguido da palestra “Astronomia no III Milênio” (ao ar livre), com Fernando Munaretto.

Onde: Forte Santo Antonio da Barra (Farol da Barra), sede do Museu Náutico da Bahia.

Horário: Show às 18h30. Palestra de astronomia às 19h.

Taxa de visitação do Forte: 12$ inteira e 6$ meia.

Participe!

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

De olho no futuro

Representantes de diferentes áreas profissionais falam sobre suas experiências no mercado de trabalho para alunos do Oficina

Profissionais de diferentes áreas falam sobre suas experiências profissionais para alunos pré-vestibulandos do Colégio Oficina. Salvador 26 de maio 2015. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, amigos!

Nesta terça-feira (26) o Colégio Oficina promoveu um encontro envolvendo representantes de diferentes áreas profissionais e alunos pré-vestibulandos, para discutir as principais características das profissões em questão e sobre as perspectivas de atuação no mercado.

As profissões discutidas nesta rodada foram: Arquitetura, com Luciana Calixto; Astronomia, com Fernando Munaretto; Engenharia Química com Regina Vianna; Tecnologia da Informação, com Márcio Araújo, e Oceanografia, com Victor Patiri.

Cada convidado teve cerca de 15 minutos para discorrer sobre sua área profissional, e ao final os alunos puderam tirar suas dúvidas, sempre muito pertinentes, denotando alto nível de interesse e maturidade dos jovens.

Pessoalmente, foi um prazer poder participar da atividade e estar entre jovens e profissionais tão brilhantes, e fiquei especialmente feliz por ter reencontrado alguns alunos muito queridos, com os quais já havia trabalhado o assunto astronomia anos atrás, quando estavam no sexto ano.

Ser um bom profissional está intimamente relacionado a se obter prazer com a profissão exercida. Foi um prazer participar, e desejo a todos sucesso em suas escolhas.

Aquele abraço!

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , , | 1 comentário

A Paisagem Cósmica Entrelaçando a Vida e o Universo com a Astrobiologia

Seminário sobre Astrobiologia acontece nos dias 29 e 30 de maio em Salvador

Seminário de Astrobiologia em Salvador, com Amâncio Friaça, dias 29 e 30 de maio. Blog O Guardador de Estrelas.Olá, amigos!

Apesar do tempo chuvoso, o mês de maio tem sido prodigioso em eventos ligados à astronomia, em Salvador. Além das palestras sobre o tema que estão acontecendo às quartas-feiras no Museu Náutico da Bahia, como parte da programação do XX Festival de Música Instrumental (ministradas por mim), nos dias 29 e 30 os soteropolitanos poderão participar de um rico e raro seminário sobre Astrobiologia, ministrado por uma das maiores autoridades brasileiras em astrobiologia e astrofísica na atualidade, o astrônomo e professor livre docente da USP Amâncio Friaça.

O seminário acontecerá nos dias 29 e 30 de maio no auditório do Hotel Golden Park, na Pituba, em Salvador, e conta com uma programação imperdível para os interessados no assunto. A iniciativa é da Unikósmica – Universidade Livre de Educação Cósmica, que tem sede em Salvador e em São Paulo e desenvolve um trabalho brilhante na área de educação. Trata-se de uma oportunidade rara para os interessados ouvirem e interagirem com um estudioso que representa a vanguarda do conhecimento acadêmico em astrobiologia em nossa época. O valor do investimento para quem quiser participar é de 80 reais, e as incrições podem ser feitas no seguinte endereço:

http://unikosmica.org.br/

Se você tiver oportunidade, não deixe de participar.

Abraço!

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Astrobiologia: o que é vida? Estamos sós no Universo?

Micro-organismos habitam lugares com as condições mais extremas da Terra

Estação científica russa Vostok, localizada na superfície congelada do lago Vostok, na Antártica. Blog O Guardador de Estrelas.

Em 2013, cientistas da estação russa Vostok, localizada próxima ao polo magnético sul e a pouco mais de 1200km do polo sul geográfico, na Antártica, anunciaram ter encontrado micro-organismos sob a superfície congelada do lago Vostok, vivendo em condições físicas e químicas extremas. São os chamados seres extremófilos. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, amigos!

Uma das áreas de maior interesse da astronomia é o estudo da biologia, e a tentativa de compreender como a vida surgiu na Terra. No entanto, a definição de vida e do que podemos considerar como sendo organismos vivos, não é tão simples como parece.

Estas questões são bastante antigas e ocupam a mente dos astrônomos e filósofos há alguns milênios. Epicuros (270 – 341 a.C.) acreditava que a vida deveria estar presente em todo o Universo, e que assim como há sementes na Terra, deve haver sementes nos céus. E é bem possível que Epicuros tenha razão, pelo menos é o que pensam atualmente grande parte dos estudiosos em astrobiologia.

A astrobiologia, ou exobiologia é a área da astronomia que estuda a origem e as formas de vida encontradas na Terra, com vistas a teorizar sua possível existência e evolução em ambientes fora da Terra. Portanto, todas as formas de vida terrestre são objetos de estudo dos astrobiólogos, especialmente micro-organismos capazes de viver em condições extremas (condições em que a maioria das formas de vida conhecidas não resistiriam). Esses micro-organismos são conhecidos como extremófilos, e nas últimas décadas foram encontrados em lugares que a princípio pareceriam inimagináveis, como em chaminés hidrotérmicas, em fossas oceânicas abissais, em ambientes hipersalinizados e com alto índice de alcalina, ou em lagos profundos, cobertos por espessas camadas de gelo e isolados da atmosfera a milhares de anos, extremamente frios e inacessíveis à luz do Sol, na Antártica.

Normalmente, quando pensamos em vida extraterrestre, nos vem à mente a imagem de seres inteligentes, pilotando sofisticadas naves espaciais. E, de fato, seres desta natureza podem mesmo existir. Nós, seres humanos, por exemplo, já chegamos a este nível, e tripulamos naves espaciais nas cercanias de nosso planeta, mas, em geral, mesmo os mais otimistas consideram que vida inteligente e tecnologicamente evoluída deve ser um fenômeno raro, e graças à distância astronômica que separa as estrelas, talvez nunca venhamos a nos deparar com hipotéticos seres inteligentes. No entanto, quando o assunto é vida extremófila, as perspectivas são bem mais alentadoras e, atualmente, boa parte da comunidade científica alimenta a expectativa de virmos a encontrar formas de vida extremófila em planetas e luas de nosso próprio sistema solar. Os candidatos mais prováveis para abrigar essas formas de vida seriam Marte, Europa (lua de Júpiter), e Titã (lua de Saturno), que apresentam certas características consideradas pré-bióticas, ou seja, favoráveis ao surgimento de vida.

Apesar de termos tomado consciência da existência dos extremófilos há relativamente pouco tempo, é de se imaginar que os extremófilos foram os primeiros habitantes do nosso planeta, há alguns bilhões de anos, quando a Terra apresentava condições físicas e químicas extremas, bastante diferentes das condições encontradas hoje, e que a origem da vida na Terra remonte a esses seres primitivos.

Os astrobiólogos consideram plausível que as “sementes da vida” (como diria Epicuros), possam ser carregadas de um ponto a outro do espaço por meio de corpos como cometas, que são constituídos basicamente de gelo de água e que são ricos em moléculas orgânicas. O próprio vento solar, produzido pelas estrelas, também pode ter um papel importante na chamada panspermia, assim como pode haver outros meios, ainda não conhecidos por nós. Certamente, se um dia colonizarmos outros planetas, como Marte, por exemplo, levaremos diversas formas de vida conosco, possivelmente criando condições para que essas espécies sejam capazes de se adaptar à novas biosferas.

O fato é que só conhecemos bem um único planeta, a Terra, e nela há tanta diversidade de vida, que não é difícil imaginar que no Universo a vida pode estar mais próxima de ser a regra geral, do que ser a exceção. Somos, cada um de nós, parte do Universo, e, se uma pequena parte do todo é capaz de pensar e se sentir viva, eu pergunto: ao pensarmos o Universo, não seria o próprio Universo se pensando através de nós?

Aquele abraço!


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , | 2 comentários

Efemérides Astronômicas: de 21 a 30 de maio de 2015

Sejamos bem vindos ao último terço do outono

Ilustração do Sol nascente em 21 de maio de 2015. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Ilustração do Sol nascente em 21 de maio de 2015. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, amigos!

Estamos a um mês do solstício de inverno, que acontecerá em 21 de junho, quando o Sol alcança seu maior afastamento aparente ao norte do equador, e por isso os dias tem sido cada vez mais curtos do que as noites no hemisfério sul. A época tradicionalmente é de chuva em Salvador e região do Recôncavo, mas há muito tempo os soteropolitanos não assistiam chuvas tão intensas e prolongadas.

Ilustração com a posição do Sol, de Mercúrio e de Marte no zodíaco em 21 de maio de 2015. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Ilustração com a posição do Sol, de Mercúrio e de Marte no zodíaco em 21 de maio de 2015, e o aspecto mitológico das constelações. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

O Sol está na constelação do Touro, onde se mantém até o dia 21 de junho.

Mercúrio também está em Touro, e entra em conjunção inferior com o Sol no dia 30.

Lua em Gêmeos, a cerca de 7º de Vênus. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Lua em Gêmeos, em 21 de maio, a cerca de 7º de Vênus. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Vênus está em Gêmeos, visível no quadrante oeste do céu ao início da noite. No dia 21 de maio a Lua passa a cerca de 7º de Vênus.

Marte segue na constelação do Touro, invisível a olho nu devido a sua proximidade angular com o Sol.

Lua crescente em 23 de maio, a cerca de 5º de Júpiter, na constelação do Câncer. stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Lua crescente em 23 de maio, a cerca de 5º de Júpiter, na constelação do Câncer. stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Júpiter segue em Câncer, alto no céu de ocidente no início da noite.

Saturno a cerca de 2º da estrela Beta Scorpii. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Saturno a cerca de 2º da estrela Beta Scorpii. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Saturno está a cerca de 2º da estrela Beta Scorpii, ascendendo sobre o horizonte no início da noite. Dia 22 Saturno entra em oposição ao Sol. Apesar da proximidade com as estrelas de Escorpião, em seu lento movimento aparente, em meados de maio Saturno retornou aos limites oficiais da constelação da Libra. Os limites oficiais entre as constelações são determinados pela União Astronômica Internacional.

Lua em Virgem, a cerca de 3º de distância angular da estrela Alfa Virginis (Spica). stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Lua em Virgem, às 19h30 de 29 de maio, a cerca de 3º de distância angular da estrela Spica. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

A Lua chegou ao último terço do outono (e de maio) em seu aspecto delgado crescente.

Dia 21 Lua passa a cerca de 7º de Vênus, em Gêmeos.

Dia 22 Lua em Câncer.

Dia 23 Lua em Câncer, a cerca de 5º de Júpiter.

Dias 24, 25 e 26 Lua em Leão. Dia 25 Lua em quadra crescente.

Dias 27, 28 e 29 Lua em Virgem. No dia 29 a Lua passa a cerca de 3º de Spica.

Dia 30 Lua nasce em Libra.

Boas observações a todos!

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , | Deixar um comentário

Música instrumental e astronomia no Museu Náutico da Bahia

Show de música instrumental e palestra de astronomia no Museu Náutico fazem parte da programação do XX Festival de Música Instrumental da Bahia

Apresentação do Sexteto em 1 no XX Festival de Música Instrumental da Bahia. Museu Náutico - Farol da Barra. Blog O Guardador de Estrelas.

Apresentação do Sexteto 1 de Cada no XX Festival de Música Instrumental da Bahia. Museu Náutico. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, amigos!

Nessa quarta-feira (20) o XX Festival de Música Instrumental e o Museu Náutico da Bahia promoveram mais uma noite de música instrumental e astronomia no Forte Santo Antonio da Barra – Farol da Barra, sede do Museu Náutico.

O show musical ficou por conta do Sexteto 1 de Cada, que encantou o público presente com uma apresentação de alto nível no ambiente do café do Forte. O show foi seguido de uma palestra sobre Astronomia, que tive o prazer de ministrar. Apesar da chuva intensa, o evento foi prestigiado pela presença de músicos, astrônomos amadores, professores, estudantes, pessoas interessadas no assunto, profissionais de áreas como engenharia ambiental e turismo, e visitantes do Forte.

Sexteto 1 de Cada. XX Festival de Música Instrumental da Bahia - Museu Náutico da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

Sexteto 1 de Cada. XX Festival de Música Instrumental da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

Palestra sobre Astronomia. Programação cultural do XX Festival de Música Instrumental da Bahia e da 13ª Semana Nacional dos Museus. Museu Náutico da Bahia. Fotos: Carol Alves. Blog O Guardador de Estrelas.

Palestra sobre Astronomia. Programação cultural do XX Festival de Música Instrumental da Bahia e 13ª Semana Nacional dos Museus. Museu Náutico da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

A ideia original do evento é de que tanto a apresentação musical quanto a palestra de astronomia aconteçam na área livre do baluarte do Forte, mas o ambiente acolhedor do café também emprestou seu charme à noite chuvosa.

Na quarta-feira que vem, 27 de maio, tem mais, com apresentação do talentoso músico Cacau Celuque, e nova palestra interativa sobre astronomia.

Que o céu volte a se abrir em estrelas sobre Salvador e Recôncavo, pois estamos precisando de Sol! Mas, com chuva ou não, estaremos lá dia 27 para mais uma noite de música e astronomia. Participe!

Aquele abraço.

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , | 4 comentários

Astronomia no Museu Náutico da Bahia – Farol da Barra

XX Festival de Música Instrumental da Bahia e Museu Náutico da Bahia oferecem: Música e Astronomia no Farol da Barra

XX Festival de Música Instrumental da Bahia e Museu Náutico da Bahia oferecem: Música e Astronomia no Farol da Barra. Blog O Guardador de Estrelas.

Participe!

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , | Deixar um comentário

Astronomia no Planetário e no Hotel Fazenda

Alunos e professores da unidade Nobel do Colégio Sartre COC, de Salvador, assistem palestra de astronomia no Planetário, em Feira de Santana

Turmas do sexto ano do Sartre visitam o planetário do Museu Parque do Saber, em Feira de Santana. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, amigos!

Observar as estrelas, a Lua e os planetas, costuma ser uma experiência inesquecível na infância, são momentos que guardamos para toda nossa vida. Pessoalmente, me lembro com muitos detalhes do dia em que aconteceu um eclipse solar parcial, no início de 1980, quando eu tinha cerca de seis anos e morava com meus pais no sudoeste do Paraná, e, também, da primeira vez que um colega de escotismo me mostrou o Cruzeiro do Sul, enquanto cumpríamos turno de guarda em um acampamento, à margem do Rio Iguaçu. Essas experiências foram em outro século, em outro milênio – risos, mas ainda posso lembrar da sensação estranha de ver a luz do Sol se tornando uma penumbra castanha, ou do som dos insetos na mata, da corrente do rio seguindo seu curso, e o cintilar das estrelas clareando a noite enquanto velávamos o sono dos companheiros.

E, se mostrar o céu para uma criança já é legal, imagine mostrar o céu para uma centena delas! Neste dia 13 de maio, dia em que o Brasil comemora a abolição da escravatura, tive o prazer de mais uma vez me reunir com alunos e educadores do Colégio Sartre COC, da unidade Nobel, de Salvador, para ministrar duas sessões no planetário do Museu Parque do Saber, em Feira de Santana, e uma observação ao ar livre à noite, no pomar do Hotel Fazenda Mirage, em Amélia Rodrigues, onde a turma estava hospedada. O passeio já acontece há alguns anos, como parte de uma programação pedagógica rica em ações transversais, que contribuem e valorizam o conteúdo estudado em sala de aula. E entre estas ações, está a prática da astronomia.

Com os recursos do planetário ZKP 4, do Museu Parque do Saber, pilotado por nossa habilidosa planetarista Vanessa, pudemos fazer uma linda viagem ao redor da Terra e para outros planetas do Sistema Solar. Depois, simulamos uma viagem nunca feita pelos seres humanos, para fora da nossa própria galáxia, visualizando suas prováveis características fisionômicas. Vimos galáxias vizinhas, que formam o grupo local de galáxias, e partimos para uma viagem intergaláctica, apreciando a aparência presumível que o universo observável apresentaria, se pudesse ser observado a uma determinada escala. Uau! Foi uma viagem e tanto, e a turma interagiu bastante, com perguntas e observações muito pertinentes, que demonstram seu grande interesse pelo assunto.

Turmas do sexto ano do Sartre, unidade Nobel, visitam o Planetário do Museu Parque do Saber, em Feira de Santana. Blog O Guardador de Estrelas.

Turmas do sexto ano do Sartre, unidade Nobel, visitam o Planetário do Museu Parque do Saber, em Feira de Santana. Blog O Guardador de Estrelas.

Mas isso não foi tudo, pois à noite, após o jantar, fizemos uma caminhada pelo belo, aromático e delicioso pomar da fazenda Mirage, até o local de nossa observação ao ar livre, e apesar da época de chuvas, o tempo colaborou e pudemos ver diversas estrelas e constelações no céu, como Arcturus, da constelação do Boiadeiro, que é uma estrela com características parecidas com o Sol, ou o Cruzeiro do Sul, acompanhado das estrelas Alfa e Beta Centauri, e as constelações do Leão, da Virgem, da Libra e do Escorpião, onde vimos Saturno, além de Júpiter, que aparecia entre nuvens, em Câncer.

Com as condições de boa visibilidade, pudemos ver o domo luminoso formado na atmosfera sobre as cidades de Salvador, a cerca de 90km de distância, e de Feira de Santana, mais próxima. Isso ilustrou muito bem a resposta para uma das perguntas feitas durante a tarde, sobre o por que de na cidade não vermos tantas estrelas no céu? Ali estava, claramente, a resposta: devido à poluição luminosa da atmosfera sobre os centros urbanos, que impede uma boa visibilidade. Mais cedo, no hotel, também pude mostrar o planeta Vênus para muita gente, quando este ainda estava sobre o horizonte.

Astronomia ao ar livre no pomar do Hotel Fazenda Mirage, em Amélia Rodrigues. Blog O Guardador de Estrelas.

Após o jantar as turmas fizeram uma caminhada pelo pomar do Hotel Fazenda Mirage, até o local da observação do céu. As crianças foram muito companheiras e participativas, e a noite foi coroada com uma alegre balada na discoteca do Hotel. Blog O Guardador de Estrelas.

Fiquei feliz ao reencontrar diversos alunos veteranos de palestras passadas, que conheci em anos anteriores, às vezes em outras escolas, e também pelo interesse que as turmas demonstraram pelo assunto. Entusiasmo à parte, muitos vieram conversar comigo sobre quais eram as melhores dicas para quem quer se tornar um astrônomo, ou mesmo um astronauta. E uma das coisas que me veio à mente de sugerir, foi o que a mãe do astronauta brasileiro, Marcos Pontes, disse a ele quando ele ainda era um menino que sonhava ser piloto de avião:

- Estude bastante, e faça sempre mais do que os outros esperam de você. E então você conseguirá alcançar seus objetivos.

As palavras da mãe do astronauta,  Dona Zuleika Pontes, pessoa humilde, mas muito sábia, talvez não tenham sido bem estas, mas a mensagem sim. Está lá, em um dos livros que Marcos Pontes escreveu. E lembrei também aos interessados que, embora astrônomos e astronautas possam ser muito diferentes entre si, todos possuem o hábito da leitura, e que isso é um importante requisito. E acho que os que me ouviam se deram satisfeitos pela dica, pois isto é um grande passo, que está ao alcance de qualquer um.

Enfim, foi uma experiência muito legal e preenchedora, onde aprendi muitas coisas.

Um forte abraço para a competente e atenciosa Equipe de Eventos do Sartre, para a direção, coordenação e para a equipe de professores Sartre COC. Aquele abraço também para a equipe do Hotel Fazenda Mirage, e a todos que contribuíram para o sucesso do evento. Nosso agradecimento às famílias, e em especial às crianças, que representam nosso melhor investimento na construção de uma sociedade melhor. A educação liberta!

Abraço a todos.

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , , , , , | 2 comentários

Noite de música e astronomia na abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia

Palestra concertante de Música e Astronomia no Museu Náutico da Bahia

Palestra concertante Música e Astronomia na abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia, no Museu Náutico da Bahia. Foto: Zélia Uchoa. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, amigos!

A abertura do XX Festival Instrumental da Bahia aconteceu nesta terça, dia 12, no Museu Náutico da Bahia (Farol da Barra), e foi um momento muito especial, que reuniu músicos e professores universitários, como Lula Gazineu e Cacau Celuque; a cantora Sílvia Patrícia, que desde a infância possui grande interesse pela astronomia; astrônomos amadores do Grupo de Astronomia Amadora de Salvador – GAAS, como Plínio Nelville e o Dr. em Geologia Arno Brichta; a museóloga Rita Andrade; o sábio comandante Reuben Bello Costa, administrador do Forte e do Museu Náutico da Bahia, incentivador da prática da astronomia e da música; além de interessados no assunto, com amplo conhecimento geral, como os presentes Arthur e Ernesto, que contribuíram para a discussão na mesa redonda, o maestro Zeca Freitas, que também é curador do Festival, e demais presentes, que representaram diferentes faixas etárias e seguimentos profissionais.

À medida que as pessoas chegavam, formou-se uma agradável roda de conversa na área livre do baluarte do Forte, aos pés do Farol, que derivou em uma preleção do assunto, onde, usando um globo terrestre luminoso, pudemos ilustrar a verdadeira posição da Terra em relação às estrelas, identificando e apontando com um laser para os astros que apareciam entre nuvens, como Júpiter, Vênus, Sírius, Canópus, Póllux, Castor e Régulus. Apesar da época de chuvas em Salvador, o tempo colaborou e após esse primeiro momento, entramos para a área coberta do café, para dar início ao evento.

O talentoso músico, ator, diretor, presidente do Sated-BA e curador do Festival, Fernando Marinho, proferiu a fala inaugural do XX Festival de Música Instrumental da Bahia e apresentou o palestrante convidado, o astrônomo e músico mineiro João Marcos, que ministrou uma excelente palestra concertante de Música e Astronomia, onde pôde desenvolver e explanar sobre a rica relação entre estas duas áreas do conhecimento, que estiveram e se mantém presentes em todas as culturas humanas que se desenvolveram nas mais distintas regiões da Terra.

Astrônomo e músico João Marcos ministra palestra concertante sobre Música e Astronomia na abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

Astrônomo e músico João Marcos ministra palestra concertante sobre Música e Astronomia na abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

A Música é feita de ondas sonoras. A Astronomia é feita de luz. A luz tem comportamento ondulatório (radiação eletromagnética). Ela sofre refração, reflexão e dispersão tal qual as ondas sonoras. A luz, como onda, pode ser visível (as cores) ou invisível (raio X, micro-ondas, raios gama). Ondas de rádio podem ser captadas por rádio telescópios assim como músicas são captadas em um rádio FM. Essa similaridade é o ponto mais importante na relação entre a música e a astronomia? Porque alguém se interessaria por música? E astronomia?

Jọo Marcos Рm̼sico e astr̫nomo

A abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia contou com a presença de músicos que também alimentam grande interesse pela astronomia, como Lula Gazineu, Cacau Celuque, e Sílvia Patrícia. Fotos Zélia Uchoa. Blog O Guardador de Estrelas.

A abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia contou com a presença de músicos que também alimentam grande interesse pela astronomia, como Lula Gazineu, Cacau Celuque e Sílvia Patrícia. Fotos: Zélia Uchoa. Blog O Guardador de Estrelas.

A palestra reuniu tópicos como: Século XXI – tecnicismo, razão, mercado; Renascença e Grécia Antiga – filosofia, astronomia, música, aritmética, geometria, teologia e arquitetura; Pitágoras e a teoria musical – lei dos harmônicos, os 7 modos (música modal), conhecimento do céu e das estações, ligação do sagrado e suas divindades; Iluminismo à luz da razão; Classicismo na música (arte pela arte).

O astrônomo e músico João Marcos abordou ainda as características do trecho final da 7ª Sinfonia de Bethoven, o Jazz como música instrumental do séc XX, o papel da música no movimento hippie e na contra cultura, o clássico The Dark Side of The Moon, da banda inglesa Pink Floyd e a música eletrônica do músico grego Vangelis.

O assunto, portanto, foi muito além dos limites da ciência, e durante a mesa redonda, após a palestra, foram levantados importantes questionamentos sobre o sistema educacional público e privado, e o papel que a música e a astronomia têm, ou deveriam ter, em um modelo ideal de educação.

XX Festival de Música Instrumental da Bahia. Blog O Guardador de Estrelas.

XX Festival de Música Instrumental da Bahia e Museu Náutico da Bahia incentivam a prática da astronomia em Salvador. Blog O Guardador de Estrelas.

XX Festival de Música Instrumental e Museu Náutico da Bahia incentivam a prática da astronomia em Salvador. Blog O Guardador de Estrelas.

As próximas palestras de astronomia no Museu Náutico da Bahia (Farol da Barra), acontecem como parte da programação cultural do XX Festival de Música Instrumental da Bahia e da 13ª Semana Nacional dos Museus, nas quartas-feiras, dias 20 e 27 de maio e 03 e 10 de junho, e serão ministradas por mim (Fernando Munaretto), ao ar livre, com observação prática do céu, a partir de 18h30, sempre após uma breve apresentação musical com grupos selecionados pela curadoria do Festival. O ambiente é bastante charmoso, a atividade envolve entretenimento, educação, cultura e possui um forte apelo lúdico, e as famílias de Salvador estão todas convidadas. A taxa de visitação do Forte é de 12$ reais inteira e 6$ reais meia. Replique esta interessante atividade entre sua rede de contatos, e participe!

Forte abraço a todos.

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 3 comentários

Palestra concertante de M̼sica e Astronomia no Farol da Barra Рter̤a 12 de maio

XX Festival de Música Instrumental da Bahia - Convite para noite de abertura. Blog O Guardador de Estrelas.

Olá, pessoal!

Amanhã estaremos no Forte Santo Antonio da Barra, que guarda o Farol da Barra e a sede do Museu Náutico, para a abertura do XX Festival de Música Instrumental da Bahia, que contará com uma palestra concertante sobre “Música e Astronomia”, com o astrônomo e pianista convidado João Marcos (MG), seguida de uma mesa redonda com participação do público presente para discutir o tema.

O evento acontecerá na área livre do baluarte do Forte e Farol da Barra, ou, se chover, no ambiente coberto do café. Venha curtir uma boa música e falar sobre as estrelas, no belo ambiente histórico do Forte Santo Antonio da Barra.

Participe!

 


Publicado em Uncategorized | Com a tag , , , , , , , | 2 comentários