Redes Sociais destroem o Homem Perfeito

.

√Č muito comum voc√™ conhecer algu√©m em uma festa, barzinho, interm√©dio de amigos e logo depois procurar se ele tem um perfil em redes sociais. Esse comportamento est√° ajudando a desmistificar algumas pessoas, ou seja, est√° destruindo o homem perfeito que s√≥ existe em sua mente.

Voc√™ est√° em um determinado lugar e conhece um homem que parece muito bacana. Alguns minutos de conversa e voc√™ se encanta pois ele √© atraente, tem um papo agrad√°vel e aparentemente voc√™s tem interesses em comum. Apesar de pouco tempo para conhecer algu√©m de verdade, digamos que a primeira impress√£o foi muito positiva. Um tempo se passa, voc√™s resolvem trocar informa√ß√Ķes a respeito das Redes Socias que frequentam (orkut, facebook, twitter…) e de repente tudo muda.

O catalisador √© o MSN. Ao trocarem MSN, voc√™ passa a viver em constante press√£o sempre que est√° no computador. N√£o sabe se deve puxar conversa caso ele esteja online, se ele s√≥ aparece como ausente ou ocupado voc√™ deve falar assim mesmo? Caso ele esteja online voc√™ espera ele falar com voc√™ ou toma a iniciativa? Por todos esses motivos voc√™ come√ßa a se sentir uma adolescente …

Mas todo esse medo passa a ser em vão quando vocês tem sua primeira conversa virtual e a imagem que tinha do rapaz se quebra como um espelho sem moldura. Em poucos minutos de conversa você percebe que apesar de ser um homem feito ele escreve como um pré adolescente, tem constrangedoes erros de português, faz comentários que só ele acha engraçado e para piorar tem tantos Gifs animados que fica impossível entender com clareza o que ele digita.

E sua desilus√£o n√£o p√°ra por a√≠. Quando voc√™ visita o perfil que ele tem nas diversas redes socias, se assusta ainda mais. As fotos sensualizando s√£o constragedoras, comunidades como: Sou pegador, Eu sou o cara, Mulher n√£o presta… Ao se deparar com o estilo de voc√™s, percebe que n√£o se parecem em nada ! Praticamente um Eduardo e M√īnica do Legi√£o Urbana, mas sem o final feliz. Gra√ßas a alguns cliques em redes sociais para o pr√≠ncipe virar sapo em poucos segundos.

Já passou por alguma situação como esta? Conta aí.

.

Siga o twitter do blog FEMININA

Esta entrada foi publicada em Relacionamentos e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

16 respostas a Redes Sociais destroem o Homem Perfeito

  1. Evanilton Gonçalves disse:

    Interessante o seu texto, por√©m esse comportamento de “vasculhar” as redes sociais atr√°s de informa√ß√Ķes sobre a pessoa interessada pode desmascarar muita gente n√£o s√≥ o homem. Belo texto, viva a era digital! Transpar√™ncia toal!

  2. danividal disse:

    Evanilton,
    Voc√™ tem raz√£o… mencionei as mulheres porque n√≥s fantasiamos mais!

  3. Leonardo disse:

    O texto é muito pertinente, e os caras são desse jeito mesmo. Mas eu acho que vale tanto pro homem quanto pra mulher, pois os dois agem assim. A pior parte, pra mim, são os erros quando digitam. Tem cada coisa que eu já penso em criar um dicionariozinho com as pérolas que escrevem.
    Eu só não entendo esse jeito q vcs mulheres se referem aos homens. Tudo bem, tem um monte de babacas mesmo, mas não são todos!!

  4. Jane disse:

    Rede social servem apenas para oum Marketing Pessoal “MUITO MENTIROSO”, vender uma imagem que n√£o corresponde ou at√© mostrar com as pessoas tem mentes fracas. E ainda serve para vender o corpo, encontrar que paga por essa ou aquela pessoa para ser seu par, ser seu amigo apenas para somar mais na quantidade de amigos.

  5. Danile disse:

    V√°aaariassss vezes!!! rsrsrs
    Costumo vasculhar as comunidades para tra√ßar o perfil, e quando vejo esse tipinho, “eu sou o cara”, “toda mulher me ama”, ou coisas pronogr√°ficas, afff, nem rola. No msn o q mata s√£o os erros de portugu√™s, “si√ļmes”, “com migo”, vai ficar “sem migo”!!!

  6. Lucci Moura disse:

    Dani, √©, mais ou menos! Mas j√° dei umas olhadas em alguns “perfis” e n√£o teriam a menor chance.
    Um emarranhado de coisas que altera tudo. Certas situa√ß√Ķes s√£o mais f√°c√©is de lidar quando n√£o expomos tanto n√©.

  7. Strass disse:

    Uma vez fui fazer sexo virtual com uma garota, e ela falou: Estou imaginando você passando a língua no meu imbigo.
    Broxei.

  8. Capit√£o Caverna disse:

    Dani,

    Voc√™ tem a “capacidade” de me intrigar √†s avessas -- na verdade, causa-me certo rep√ļdio, e nesse rep√ļdio, fa√ßo-me a seguinte pergunta: Como √© que uma pessoa anuncia-se atuante na √°rea de Gest√£o Social sem que tenha (ou demonstre) conhecer estudos sociol√≥gicos, a exemplo alguns “singelos” autores: Boaventura Santos, Emile Durkeim, Friedrich Hegel, Olavo de Carvalho e outros tantos c√©lebres fil√≥sofos, soci√≥logos, analistas do cenceito societ√°rio, que j√° desde √©pocas passadas “pintavam” esse mesmo cen√°rio chocante no qual estamos inseridos?!
    Ora ora mocinha, entre linhas, o que retratou nada mais nada menos foi o “quadro” da cinderela em busca do pr√≠ncipe com nova roupagem, agregando o agora des-valorado sentido da necessidade da equidade intelectual m√≠nima entre as partes, frente ao desenvolvimento galgado pela mulher.
    A mulher ascendeu s√≥cio-financeiramente e uma fatia expressiva de indiv√≠duos do sexo oposto, n√£o entendeu esse processo e estagnou-se: no machismo, no achismo, na presun√ß√£o; Que n√£o comporta mais, tais posturas, em nossos dias — teoricamente — vez que muitas mocinhas, ainda “alimentam” esses seres remanescentes da era neardental, a sentirem-se o m√°ximo por exporem m√ļsculos hipertrofiados, com cerebelos hipotrofiados!
    O que retratou, quanto aos “perf√≠s” digitais, foi apenas uma singela pincelada (-- p√≠fia a bem da verdade --), sobre o analfabeto funcional, que √© um conceito que a meu ver faz o tra√ßado minucioso desse contexto social atual, mostrando como e porque mo√ßas de determinadas faixas et√°rias ainda privilegiam o que chamo de “belo burro” e outras que j√° conseguem valorar o “ser” ao inv√©s do “ter”, qualificando seus poss√≠veis pares mais pela satisfa√ß√£o pessoal, o atendimento prioritariamente das expectativas pessoais, ao inv√©s de estarem atentas ao atendimento dos anseios dos que por venturam as acercam — vale aqui a m√°xima que: uma mulher veste-se para outra mulher, n√£o para s√≠ e menos ainda para seu par — vale, o pr√≠cipio da concorr√™ncia s√≥cio-afetiva e os estudos sobre as pesquisas de mem√≥ria celular, trazidos a lume desde que foram feitos os estudos dos “meninos das cavernas” (-- v√° buscar seus alfarr√°bios dos tempos de faculdade --).
    Sugest√£o: Leia:
    - Analfabetismo Funcional: O mal nosso de cada dia, de Daniel Augusto Moreira.
    - Letramento no Brasil, de Vera Masag√£o.
    - Redefinição do analfabetismo: O analfabeto funcional, de Juan Jiménez Del Castillo

    V√° l√™r um pouquinho…talvez, quem sabe, passe a enxergar o mundo com uma abrang√™ncia maior e redija algo que justifique ser lido.

    Sugest√£o: Procure outra coisa pra fazer, escrever, n√£o √© sua “praia”; deixe isso pra quem tem o que dizer.

  9. Lilian disse:

    Dani, tenho impress√£o que o “Capit√£o Caverna”, indiv√≠duo que escreveu o post acima, com certeza usou o Gerador de Lero-Lero para redigir o coment√°rio (http://padrelevedo.hpg.ig.com.br/lerolero/lerolero.html). Entrem no site e fa√ßam o teste! V√£o ver que vai gerar um texto semelhante.

    O que voc√™ falou √© a mais pura verdade: as redes sociais est√£o a√≠ para nos ajudar a conhecer o perfil do cidad√£o! Posts, atualiza√ß√Ķes, coment√°rios, fotos, comunidades j√° d√£o para mostrar quem ele √©. E se n√£o me agradar, j√° nem me dou ao trabalho nem o preju√≠zo de sair com o tal.

    E sim, tamb√©m avalio a ortografia, concord√Ęncia e coer√™ncia do texto do sujeito no MSN.
    Ué, eles não nos avaliam em tudo? Nós não precisamos ser e perfeitas e estar sempre impecáveis?

    Então mereço alguém à altura!

    Adorei o post Dani! Parabéns!

  10. Pingback: Prato do dia: sopa de jiló com leite condensado | Princesa News.Com

  11. Mauricio disse:

    Muito interessante. Continue assim.

  12. Marcio disse:

    L√≠lian, acho que voc√™ t√° errada quanto ao gerador de lero-lero. √Č um texto bem constru√≠do, sem redund√Ęncias e por mais que seja grande, √© pragm√°tico. √Č uma pena que seja de um imbecil.

    Dani, n√£o deveria pensar no que te atraiu neste tipo?
    O que faz a maioria das mulheres pensar que querem homens inteligentes, mas nem tanto? Ou vai me dizer que mulheres preferem homens inteligentes como amantes mais do que como amigos?
    O problema não está nos homens não (pois estes tem o costume de organizarem-se em grupos de forma bem heterogênea), e sim o perfil dos que te atraem.
    E sabe porquê não se encontram homens inteligentes por aí? Porque depois que as mulheres pegam, não largam mais ;)

    Beijinhos.

    • danividal disse:

      Marcio,

      Mas eu acho que essa desconstru√ß√£o acontece por duas coisas: Algumas mulheres idealizam muito. Elas buscam esse pr√≠ncipe que n√£o existe… acho que √© muito mais f√°cil isso acontecer com uma mulher do que um homem. Outra coisa que pesa tamb√©m √© o fato de “colocar a m√°scara” para a conquista. muitas pessoas fazem isso para mostrar algo que n√£o s√£o, a fim de conquistar o parceiro mas… como nenhuma m√°scara dura para sempre…. j√° sabe o final da hist√≥ria. As redes sociais nesse caso apenas mostram aquilo que ele n√£o queria mostrar de imediato.

  13. emmanuella disse:

    gente tudo q vo√ßes estao falando e¬īmuito interessante!mais aqui nao √© um site homem perfeito!nao um site de homem caverna,meninas vamos procurar um namorado,ou se nao uma coisa tragica acontecera!ha!ha!ha!.FALA MAIS DE VO√áES!

  14. Rodrigo disse:

    A sociedade no seculo passado se desenvolveu sem redes sociais e nem por isso uma pessoa estava condenada a solidão eterna.Se é pra encontrar um par concerteza existem modos mais faceis e mais transparentes.
    Rede social n√£o √© uma coisa privada,√© uma coisa exposta,essas informa√ß√Ķes expostas dependendo podem dar a voce uma dor de cabe√ßa e em casos extremos colocar sua seguran√ßa em risco!
    Pra mim o melhor comunicador social é o Msn,é privado,bonito,discreto,grátis.
    Além do mais,nas redes sociais as pessoas sem limites acabam por se viciar e perder muito tempo,além de ser grande a chance de auto-alterar sua personalidade
    em relação ao que voce era quando sem rede social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

*