Educação

Aulão do Aprovado lota Concha do TCA com 5.500 mil estudantes

Segunda edição do evento, realizado pela Rede Bahia, anima multidão com participação da Banda Mahatma, Adelmário Coelho e Margareth Menezes

Kivia Souza (kivia.souza@redebahia.com.br)
Publicada em Atualizada em

Será que aula combina com música? No Aulão do Aprovado deu certo. A segunda edição do evento, neste ano, levou até a Concha Acústica do Teatro Castro Alves os 5.500 mil estudantes, que esgotaram os ingressos em apenas dois dias de distribuição. O aulão-show foi comandado pelo professor Jorge Portugal e contou com a ajuda do ator e apresentador do programa Aprovado, Jackson Costa, para despertar a atenção dos estudantes e abrir a noite de aulas.


A revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi dividida em quatro blocos e as aulas ministradas pelos melhores professores de cursinhos pré-vestibulares de Salvador. Quem conseguiu comprar o ingresso para o aulão, na segunda (25), aproveitou para balançar ao som da Banda Mahatma, Adelmário Coelho e Margareth Menezes.


O primeiro aulão-show de 2010 aconteceu no dia 29 de setembro, quando também a música e o clima de sala de aula se misturaram no ambiente da Concha. Na ocasião, mais de cinco mil estudantes assistiram às aulas e responderam questionários com frequentes temas abordados no Enem e nos vestibulares. Quem esquentou o clima, nos intervalos das aulas, foram o cantor Luis Caldas e a banda de reggae Adão Negro.


Arte - O ator e apresentador do programa Aprovado Jackson Costa surpreendeu a plateia ao descer a escadaria principal da Concha recitando e interpretando poemas dos escritores José Régio (Cântico Negro) e Ramon Vane (Prosoema Proce'ará) ao som da bateria de Tiago Nogueira.


Quem participou também do encontro foi o pintor, escultor e designer italiano Giuliano Ottaviani. Ele pintou uma tela, durante o show do forrozeiro Adelmário Coelho. Segundo Jorge Portugal, cada obra do artista, que está na Bahia, está avaliada em € 200 mil.


"A intervenção artística não só é um grande suporte para o aprendizado, como também cativa todos nós. Todo conteúdo didático deveria ser passado com um olhar artístico e mais poético do que se fala", afirma Jackson. O cantor de forró, Adelmário Coelho, aprovou o evento e disse estar feliz com convite. " É um projeto muito inteligente. São culturas se harmonizando com a participação da juventude, a sonoridade e o aprendizado".


Confira as fotos abaixo


Leia mais:

Enem: o que fazer primeiro, redação ou prova objetiva? Confira a dica

Comentários