E. C. Bahia

Bahia enfrenta o São Paulo e sonha com vaga na Libertadores

Tricolor baiano precisa vencer o rival e ainda secar outros adversários

Miro Palma, Redação Correio 24horas (miro.palma@redebahia.com.br)

Depois de diminuir o embalo e ser derrotado nas últimas duas partidas da Série A (Chapecoense e Sport), o Bahia entra em campo diante do São Paulo neste domingo (3), às 16h, no Morumbi, para se despedir do campeonato de forma honrosa. 

A vaga na Copa Libertadores de 2018 ainda é possível, mas, para isso, além de vencer, o tricolor precisará torcer por tropeços de Botafogo, Chapecoense e Atlético Mineiro. Enquanto os cariocas têm que perder, Chape e Galo não podem passar de empates contra Coritiba e Grêmio, respectivamente. O Bota recebe o Cruzeiro no Engenhão. 

Uma outra possibilidade seria torcer para que dois desses resultados aconteçam e o Flamengo seja campeão da Copa Sul-Americana. Nesse caso, o atual G8 do Brasileirão viraria G9. O rubro-negro carioca faz a final do torneio nas próximas duas quartas-feiras, diante do Independiente, clube tradicional da Argentina. 

(Reprodução: Felipe Oliveira/ EC Bahia)

Capitão do time, o zagueiro Tiago garante que o elenco está motivado para a última rodada, apesar dos resultados negativos nos últimos dois jogos. “É a dignidade, oportunidade da melhor campanha do Bahia e uma possível pré-Libertadores. Vamos dar o nosso máximo, pois podemos conquistar ainda”, disse o jogador, confiante. 

Como os mesmos 49 pontos do Bahia, porém em 12º, o São Paulo também sonha com a remota chance da Libertadores. Por isso, os atletas do Bahia acreditam em um duelo bem complicado na capital paulista. “O pensamento deles é fechar bem o campeonato, assim como a gente. Confiamos que sairemos com um triunfo do Morumbi”, afirmou o atacante Mendoza ao Bahia Notícias. O colombiano, por sinal, apareceu de visual novo no Fazendão, com cabelos e barba descoloridos. 


Sem mistério

O técnico Paulo Cézar Carpegiani já definiu a equipe para encarar o São Paulo. Sem contar com Eduardo e Zé Rafael, suspensos, ele optou pelas entradas de Éder e Régis, respectivamente. No miolo de zaga, Lucas Fonseca não se recuperou de lesão e Thiago Martins segue como titular. A equipe entra com Jean, Éder, Tiago, Thiago Martins e Juninho Capixaba; Edson, Renê Júnior, Allione, Régis e Mendoza; Edigar Junio.

No São Paulo, os desfalques são o meia Hernanes e o centroavante Lucas Pratto, lesionados. Na defesa, Lugano entra no lugar de Arboleda.