Futebol

Boa Esporte ignora perda de patrocínios por contratação de Bruno: "Ele fica"

Quatro parceiros comerciais rescindiram contrato. Rildo Moraes, diretor de futebol, não demonstra preocupação com o fato

Redação Goal

O Boa Esporte não demonstra preocupação com a perda dos patrocinadores após o acordo com o goleiro Bruno. Pelo contrário, a diretoria segue bancando a decisão e programa a apresentação do ex-jogador do Flamengo nesta terça-feira (14).

O atleta deixou a prisão há pouco mais de duas semanas. Ele estava preso em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, por conta do assassinato de Eliza Samudio, em 2010. Liberado para a prática esportiva, o arqueiro chegou a Varginha nesta segunda-feira (13) para assinar contrato com o clube. A situação acarretou na perda de parceiros por parte do time, mas não incomoda o diretor de futebol Rildo Moraes.


"Ninguém me disse nada [sobre a debandada dos patrocinadores], não sei. Só sei que o Bruno vai ficar no Boa Esporte", afirmou à Goal Brasil.

O grupo Góis & Silva foi o último a findar a parceria com o Boa Esporte, segundo nota divulgada pela companhia nesta segunda-feira. Embora o principal parceiro seja contrário à contratação de Bruno Fernandes, o dirigente descarta mudar de ideia sobre o atleta: "O Bruno vai ser apresentado amanhã [terça]", acrescentou.

O goleiro de 32 anos assinou contrato de duas temporadas com o Boa Esporte e será apresentado pela diretoria na tarde desta terça. A situação gerou muita repercussão negativa e fez com que o clube perdesse alguns patrocinadores.