Saúde

Consumo diário de refrigerante diet aumenta risco de AVC, indica estudo

Pesquisa mostrou que tomar pelo menos uma lata por dia aumenta em quase três vezes o risco

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um estudo da Universidade de Boston revelou que bebidas adoçadas artificialmente, como refrigerante diet, podem aumentar o risco de acidente vascular cerebral (AVC) e demência.

A pesquisa mostrou que tomar pelo menos uma lata deste tipo de refrigerante por dia está associado a um risco quase três vezes maior de sofrer um AVC ou desenvolver demência. Ela ainda diz que a versão "normal" das bebidas, adoçadas com açúcar, não está associada ao risco.

"Não foi surpresa descobrir que a ingestão de refrigerante diet está associada com acidente vascular cerebral e demência. O que me surpreendeu foi que a ingestão de bebidas adoçadas com açúcar não está associada a esses riscos, porque as bebidas com açúcar são conhecidas por não serem saudáveis", afirmou Matthew Pase, que coordenou a pesquisa, em entrevista à CNN.

A pesquisa teve a participação de cerca de 4 mil pessoas. Foram divididos dois grupos de estudo por faixa etária: 2.888 adultos com mais de 45 anos (para analisar a incidência de derrame) e 1.484 com mais de 60 anos (para avaliar os casos demência).