Notícias

Publicada em 23/07/2010 às 17h48. Atualizada em 23/07/2010 às 17h48

“Educação em Camaçari é caso de Polícia”


Diretoras de escola municipal vivem em pé de guerra



publicidade

Foto: Daniel Pinto/Fala Bahia



Na tarde desta sexta-feira (23), representantes da Associação de Pais e Mães de Alunos da Escola Municipal Amélia Rodrigues, do distrito de Monte Gordo, em Camaçari, estiveram com o deputado estadual João Carlos Bacelar (PTN). A visita serviu para revelar uma situação pitoresca. De acordo com os representantes da entidade, a unidade educacional possui duas diretoras que “vivem em pé de guerra”. Segundo a denúncia, uma foi indicada pela presidente da Câmara Municipal e a outra pelo secretário de Educação.


“E as duas não se entendem. O descontrole e a politicagem são tão grandes que a Escola vive em situação de completo abandono, entregue a ação de bandidos e traficantes a ponto da Polícia Militar se ver forçada a ocupar a unidade. Ou seja, Educação em Camaçari é caso de Polícia”, lamentou Bacelar.


Daniel Pinto





Tags: Fala Bahia, Polícia Militar, Camaçari, João Carlos Bacelar, Amélia Rodrigues
{{ commentsTitle }}
Os comentários não representam a opinião do Portal iBahia; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ao comentar o autor da mensagem esta aceitando os Termos e Condições de Uso.
{{comment.username}} {{comment.creation_tstamp*1000 | date:'dd/MM/yyyy - HH:mm'}}
{{comment.comment}}
  • {{comment.dislike_count | number}}
Comentário aguardando moderação
Veja Também - Notícias
Agenda Cultural