Moda e Beleza

Modelo conta que recebia mais cantadas quando trabalhava como frentista

"Realmente as mulheres me notavam", disse Kadu Soares, que desfila esta sexta no SPFW

Redação Correio 24h

Ex-frentista, o paulista Kadu Soares, de 24 anos, trocou a bomba de gasolina pelas passarelas. Nesta sexta-feira (17), ele vai desfilar pela grife LAB, estreando na SPF

Legenda

O bonitão, que morava em Ribeirão Preto, acaba de se mudar para São Paulo, onde dá vazão à carreira. Ganhando mais do que os R$ 1.500 que recebia de salário quando era frentista, ele só reclama de uma coisa que diminuiu: as cantadas.

"Realmente as mulheres me notavam. Eu perguntava se queriam abastecer com álcool ou gasolina e elas diziam 'quero você' ou 'abastece meu coração'. Agora, como modelo, tem muito homem bonito, a concorrência é forte", contou Kadu ao portal Ego.

Veja Mais