Mundo

Morre aos 117 anos a pessoa considerada mais velha do mundo

Tajima nasceu em 4 agosto de 1900 na ilha de Kikai (Kagoshima)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A japonesa Nabi Tajima, reconhecida pelo Gerontology Research Group, morreu aos 117 anos, considerada a pessoa mais velha do mundo. De acordo com o Uol, Nabi faleceu na noite deste sábado (21) e a imprensa foi informada neste domingo (22).

Tajima nasceu em 4 agosto de 1900 na ilha de Kikai (Kagoshima), onde residia atualmente, e foi reconhecida pelas autoridades japonesas como a pessoa mais velha em setembro de 2017, após o falecimento da jamaicana Violet Brown.

A centenária japonesa tinha sido hospitalizada em janeiro após ficar doente, mas foi finalmente sua avançada idade que provocou sua morte, segundo disse sua família à emissora pública "NHK".

De acordo com o GRG, após a morte de Tajima, a também japonesa Chiyo Miyako é com 116 anos e 354 dias a pessoa mais velha do mundo, seguida pela italiana Giuseppina Projetto-Frau, com 115 anos e 326 dias de idade.