Mundo

Nivea é acusada de racismo por comercial que mostra pele 'mais clara'; veja vídeo

Anúncio mostra pele de modelo clareada quando ela passa o hidratante

Agência O Globo

A marca de cosméticos e higiene pessoal Nivea está sendo acusada de racismo nas redes sociais por causa do anúncio de um creme que promete "pele visivelmente mais clara". Um anúncio de TV estrelando a ex-Miss Nigéria Omowunmi Akinnifesi foi visto na Nigéria, em Gana, em Camarões e no Senegal. O vídeo mostra a pele da modelo ficando mais clara e branca enquanto ela aplica o creme hidratante, dizendo que ele deixa a pele "visivelmente mais clara".

Foto: Reprodução
Apesar de muitos internautas apontarem nas redes sociais que o produto não é novidade, várias pessoas acusaram a marca de racismo, com alguns pedindo por um boicote dos produtos. Muitos internautas também querem que a Nivea retire o anúncio do ar e relembraram o anúncio de sabonete da Dove acusado de racismo ao mostrar uma mulher negra se transformar numa branca.

Veja vídeo: