Brasil

Pelé cancela viagem a Londres após desmaiar por exaustão

No entanto, a assessoria de imprensa de Pelé desmentiu a internação

Redação Correio 24h

O ex-jogador Pelé foi forçado a cancelar uma viagem marcada para Londres neste fim de semana. A informação inicial, dada pela Associação de Cronistas de Futebol da Inglaterra (FWA, na sigla em inglês) nesta sexta-feira, era que o ex-jogador desmaiou por exaustão.


A entidade havia marcado um jantar em homenagem ao Rei do Futebol no domingo em um hotel, mas informou que Pelé, de 77 anos, não poderá comparecer. No entanto, a assessoria de imprensa de Pelé desmentiu a internação.


"Nas primeiras horas da manhã de quinta-feira, Pelé desmaiou e foi levado a um hospital no Brasil, onde passou por uma série de exames, que apontaram para uma exaustão grave. Ele permanece no soro, enquanto os médicos monitoram sua recuperação. Felizmente, não há indicação de nada mais sério do que exaustão", disse a FWA em comunicado.


Pelé já foi hospitalizado nos últimos anos por problemas na próstata e no rim, e também passou por uma cirurgia no quadril. Nesta semana, o ex-jogador apareceu publicamente utilizando um andador ao ser homenageado na festa de lançamento do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro.


No sorteio da Copa, realizado em Moscou, em dezembro, ele já tinha chamado a atenção pelo uso da cadeira de rodas. Segundo o Rei, ele já está em fase final de recuperação das cirurgias feitas por conta de dores.


- Estou bem, quero agradecer primeiramente a Deus. Recebi muitas mensagens de boa recuperação de todos os lugares do mundo. Todos dizendo que estavam mandando forças para eu recuperar minhas energias. Nestes dois anos e meio, fiz duas ou três cirurgias. Troquei osso do fêmur, do menisco, da coluna... Mas graças a Deus estou aqui e agradeço a todos que torceram por minha recuperação.