Artes e Exposições

Saiba quais são os 10 museus brasileiros que precisam estar no seu roteiro de viagem

E o melhor de tudo: todos eles possuem entradas a preços populares e, em sua maioria, são gratuitos em pelo menos um dia da semana

Isadora Sodré (isadora.sodre@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Que tal parar de pensar que os grandes e bons museus só estão localizados na Europa? O iBahia selecionou dez centros culturais do Brasil que você precisa conhecer, pois o nosso país respira cultura. E o melhor de tudo: todos eles possuem entradas a preços populares e, em sua maioria, são gratuitos em pelo menos um dia da semana.

1. Museu Oscar Niemeyer – Curitiba (PR)
Inaugurado em 2002, o museu foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, possui doze salas expositivas e recebe por um ano um público superior a 300 mil visitantes. Além das obras de arte, o museu também possui uma proposta educativa e realiza cursos e oficinas abertas à população.

(Foto: Reprodução)
Horário de Funcionamento: Terça a domingo: 10h às 18h.
Na quinta-feira o local tem funcionamento estendido e fecha às 20h.
Entrada: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia). Nas quartas-feiras a entrada é gratuita. Nas quintas-feiras a entrada também é gratuita a partir das 18h.
Mais informações: http://www.museuoscarniemeyer.org.br/home

2. Pinacoteca – São Paulo (SP)
Fundada ainda no século XIX, a Pinacoteca do estado de São Paulo tem um acervo com mais de 10 mil peças que abrangem principalmente a pintura brasileira. O museu, que já recebeu mais de 500 mil turistas por ano, fica localizado em frente à Estação da Luz, coração da capital paulistana.
(Foto: Reprodução)
Horário de funcionamento: Quarta a segunda: 10h às 17h30 com permanência até as 18h.
Entrada: R$ 6,00 (inteira) e R$ 3,00 (estudante). A entrada é gratuita aos sábados
Mais informações: http://pinacoteca.org.br

3. Inhotim – Brumadinho (MG)

Um dos 25 museus do mundo mais bem avaliados pelos usuários do site TripAdvisor, o Instituto Inhotim é considerado o maior centro de arte da América Latina. Além do acervo de obras de arte (nas áreas internas e externas), o local possui uma extensa diversidade botânica. O museu fica localizado em Brumadinho, a 60km de distância de Belo Horizonte.
(Foto: Reprodução)
Horário de Funcionamento: Terça a sexta-feira: 9h30 às 16h30
Sábado, domingo e feriado: 9h30 às 17h30
Entrada: R$ 40. A entrada é gratuita nas quartas-feiras (exceto feriados)
Mais informações: http://www.inhotim.org.br

4. Instituto Ricardo Brennand – Recife (PE)
Fundado em 2002 pelo colecionador e empresário pernambucano Ricardo Brennand, o museu possui uma construção no estilo medieval, composta por três prédios, além de um vasto acerto de coleção de peças artísticas, datadas desde a Baixa Idade Média. O local está na lista dos 25 melhores museus do mundo eleitos pelo site TripAdvisor.
(Foto: Reprodução)
Horário de funcionamento: Terça-feira a Domingo: 13:00 às 17:00
Entrada: R$ 25 (Inteira) e R$ 12 (meia)
Mais informações: http://www.institutoricardobrennand.org.br

5. Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS – Porto Alegre (RS)
Que tal visitar um lugar em que as obras de arte são experimentos tecnológicos? O Museu de Ciências e Tecnologias possui uma exposição permanente com mais de 700 experimentos interativos, além de coleções científicas sobre botânica, zoologia, arqueologia.
(Foto: Reprodução)
Horário de funcionamento: Terça a sexta-feira: das 9h às 17h
Sábado e domingo: 10h às 18h
Entrada: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)
Mais informações: http://www.pucrs.br/mct/


6. Casa do Rio vermelho - Salvador (BA)
Inaugurado em 2014, o memorial Casa do Rio Vermelho possui objetos e lembranças que pertenceram ao casal de escritores Jorge Amado e Zélia Gatai. O museu funciona no imóvel onde os dois moraram durante 40 anos. Desde a abertura, mais de 40 mil pessoas já visitam o espaço, que possui mais de mil metros quadrados e 15 ambientes projetados.
(Foto: Reprodução)
Horário de funcionamento: Terça-feira a Domingo: 10h às 17h
Entrada: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Nas quartas-feiras a entrada é gratuita
Mais informações: https://www.facebook.com/casadoriovermelho/

7. Museu Afro-Brasileiro - Salvador (BA)

Instalado nas dependências da primeira Faculdade de Medicina do Brasil, o Museu Afro-Brasileiro foi inaugurado em 1982 e possui coleção de peças de origem ou inspiração africana. O local também possui um conjunto de 27 painéis talhados em cedro, da autoria do artista Carybé, que representam os orixás do candomblé
(Foto: Reprodução)
Horário de Funcionamento: Segunda a Sexta: 09h às 17h30
Sábado: 10h às 17h
Entrada: R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia)
Mais informações: 3283-7072

8. Museu de Arte Contemporânea de Niterói - Niterói (RJ)

Imagine conhecer um acerto de mais de mil peças de obras de arte e contemplar a Baía de Guanabara ao mesmo tempo? O Museu de Arte Contemporânea de Niterói consegue reunir as duas coisas. Projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, o local tornou-se um dos cartões-postais da cidade.  
(Foto: Reprodução)
Horário de Funcionamento: Terça a domingo: 10h às 18h
Entrada: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
Mais informações: http://culturaniteroi.com.br/macniteroi/

9. Museu do Futebol - São Paulo (SP)
Localizado em uma área de mais de seis mil metros quadrados, o Museu do Futebol é um deleite para os amantes do esporte. A exposição principal possui 15 salas temáticas que narram de forma lúdica e interativa como o futebol chegou ao Brasil e de que forma ele se tornou parta da nossa história e cultura.
(Foto: Reprodução)
Horário de Funcionamento: Terça a sexta: 9h às 16h (permanência até as 17h).
Sábados, domingos e feriados: 10h às 17h (permanência até as 18h).
Entrada: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). A entrada é gratuita aos sábados.
Mais informações: http://www.museudofutebol.org.br

10. Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura - Fortaleza (CE)

Localizado em um dos bares mais boêmios de Fortaleza, o museu recebe mais de 1,5 de visitantes por ano e é um dos principais pontos turísticos do Ceará. Além do acervo com mais de 600 obras artísticas, o centro recebe frequentemente apresentações teatrais, circenses e musicais.
(Foto: Reprodução)
Horário de funcionamento: Terça a sexta: 9h às 19h
Sábados, domingos e feriados: 14h às 21h
Entrada: Gratuita
Mais informações: http://www.dragaodomar.org.br


Veja Mais