Tecnologia

Veja dicas de como evitar incidentes na sua residência enquanto você viaja

Não é só seu automóvel que precisa passar por um check-up antes de você pegar a estrada

- Atualizada em


Acorda Cidade

Redação Acorda Cidade


Imagine a seguinte situação: Você está passando suas férias tranquilamente ao lado de sua família na praia quando seu vizinho te liga para avisar que uma forte trovoada na região onde você mora gerou um curto circuito em sua residência, causando incêndio no imóvel. Então você se lembra de todos os aparelhos eletrônicos que deixou ligados na tomada enquanto esteve fora. Além de ter suas férias interrompidas, você ainda terá que lidar com os custos de uma grande reforma.

Esse é apenas um exemplo de como pequenos descuidos ao nos ausentar de nossas casas podem causar grandes transtornos. A fim de evitar que suas férias sejam interrompidas, Bruno Loiola, Gerente da Rede de Prestadores da Mondial Assistance, líder global em serviços de assistência 24 horas, lista abaixo alguns cuidados a serem tomados antes de viajar. Afinal, não é só o seu carro que precisa passar por um check-up antes da viagem.

Feche os registros de água e gás

“Manter esses registros fechados enquanto se está passando um período fora de casa evita possíveis vazamentos que seriam prontamente percebidos, caso houvesse algum morador na casa”, explica o executivo. As consequências de um vazamento de água e, principalmente, de gás, são muito perigosas.

Desligue os aparelhos da tomada

Como mostrado no exemplo citado, fortes trovoadas, muito comuns nessa época do ano, podem gerar curtos circuitos em aparelhos eletrônicos que não contam com proteções adequadas. “O ideal é fazer uma checagem de todo o sistema elétrico da residência de tempos em tempos, ou ao se mudar para um novo endereço. Em caso de ausência do morador, prevenir é o melhor remédio. Desligue todos os aparelhos da tomada. Até mesmo para economizar a energia gasta no modo stand by”, afirma.

Faça cópias das chaves e deixe com alguém de confiança

Algumas pessoas, principalmente aquelas que moram sozinhas, acabam guardando consigo uma única cópia da chave de casa e, ao viajar, levam junto. Imagine então essa pessoa tem sua bagagem extraviada e acabe perdendo, mesmo que temporariamente, a única cópia da chave do seu imóvel? Além da dor de cabeça com o extravio, ela terá que aguardar a chegada de um chaveiro para o seu socorro, depois de uma longa viagem. “Deixar uma cópia com alguém de confiança, além de evitar situações como essa, também pode ajudar com a segurança do imóvel, já que a pessoa que está com a cópia da chave pode visitar a residência, gerando movimentação e diminuindo as chances de criminosos perceberem que o imóvel está inabitado”, alerta o executivo.

Cheque portas e janelas

Ainda sobre segurança com relação à invasões e furtos, Loiola explica que é muito importante se lembrar de trancar tocas as janelas e portas da casa, tomando o cuidado de não deixar cadeados à vista, já que seriam um sinal de que a residência está vazia. Outra dica é pedir para um vizinho que recolha suas correspondências, não dando evidencias de que a casa está vazia.

Contrate um seguro residencial com assistência 24 horas

Por mais cuidado que tomemos, imprevistos sempre podem acontecer. “Ter um seguro residencial com serviço de assistência 24 horas é de extrema importância, e não só para os períodos de viagem. Com ele, além de você estar coberto em casos de sinistros, também pode realizar check-ups em seu imóvel por uma equipe de assistência especializada, que irá avaliar as condições elétricas, hidráulicas, entre outros fatores, que tornarão sua residência mais segura. Além disso, você poderá contar com assistências como chaveiro, encanador, eletricista, instalador de móveis, torneiras, fechaduras, entre diversas outras facilidades que tornarão o seu lar mais protegido e sua vida mais prática”, conclui o especialista.

Comentários