Salvador

Trio é preso tentando subornar policiais militares na Boca do Rio

Duas mulheres ofereceram R$ 1.030 para homem não ser preso

Da Redação, Correio 24h (redacao@correio24horas.com.br)

Duas mulheres e um homem foram presos tentando subornar policiais militares das Rondas Especiais (Rondesp/ Atlântico), no bairro da Boca do Rio, em Salvador. O caso aconteceu na noite de domingo (22), e o homem vai responder também por tráfico de drogas.

Foto: Divulgação | SSP

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), os militares faziam rondas na Rua 2 de Janeiro quando localizaram e abordaram Rodrigo Santos Silva, 38 anos. Os policiais encontraram com ele 1 kg de crack, 19 pinos de cocaína e R$ 174.


Logo após Rodrigo ser preso com as drogas, duas mulheres se aproximaram dos PMs e ofereceram R$ 1.030 para que os militares liberassem o homem. Elas foram identificadas como Bianca Santos Silva, que se apresentou como esposa do preso, e Caroline da Silva Santos.

Em nota, o comandante das Rondesp Atlântivo, major PM Edmundo Assemany, disse que as tentativas de corromper os policiais acontecem também em outros bairros de Salvador.

"Infelizmente esta é a realidade que nós presenciamos e enfrentamos em alguns bairros. São esposas, irmãs, mães, entre outros familiares, cúmplices na prática criminosa. Quando ocorre confronto e um destes infratores morre são elas as primeiras a queimarem ônibus e promoverem atos de protesto", afirmou.

As duas mulheres foram presas em flagrante por corrupção ativa. Os policiais levaram os três presos e o material apreendido para a Central de Flagrantes, na região do Iguatemi.