Bahia

Apesar do aumento de casos e mortes por covid, festa promete sexo liberal em alto mar

“Sexo liberal em alto-mar + parada na ilha”, diz o card de divulgação do evento

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

A divulgação do “Escuna Liberal Fest”, que promete com sexo liberal em alto mar e bebidas, gerou polêmica nas redes sociais. Conforme informações do card de divulgação, o evento está marcado para acontecer no dia 10 de abril, saindo do bairro de São Tomé de Paripe, a partir de 12h. Vale lembrar que as recomendações e decretos estaduais e municipais proíbem qualquer tipo de aglomeração por causa da pandemia da covid-19

“Sexo liberal em alto-mar + parada na ilha”, diz o card de divulgação da festa, cuja taxa de entrada é de R$ 100 para casais e R$ 200 para solteiros. Os participantes devem levar uma caixa de cerveja. 

Foto: reprodução / internet

O perfil @brasilfedecovid (espaço voltado para denunciar momentos de confraternização durante a pandemia) denunciou o evento e, inclusive, marcou o perfil do governador da Bahia. 

O post da denúncia recebeu mais de 4 mil curtidas e vários comentários de desaprovação ao evento. "Esse pessoal tá querendo pegar o combo: covid + DSTs", escreveu uma internauta. "É cada coisa sem noção da por** vey", comentou outro. 

Nesta quinta-feira (25), o Brasil passou dos 100 mil casos de covid-19 registrados em 24 horas e  2.777 mortes pela doença, segundo dados do Ministério da Saúde. Uma das principais orientações para evitar o contágio e a transmissão do covid-19 é manter o distanciamento social.