Bahia

Bandidos bloqueiam BR-110, atiram em posto policial e tentam assaltar banco na Bahia

Ação ocorreu em São Sebastião do Passé

Redação Correio 24h

A agência da Caixa Econômica Federal no município de São Sebastião do Passé, Região Metropolitana de Salvador, foi atacada na madrugada deste sábado (14), por pelo menos cinco homens armados. Antes, o grupo bloqueou a via principal da BR-110 com uma carreta e ateou fogo em um outro automóvel para evitar o fluxo da via.

A tentativa de assalto à agência ocorreu por volta das 2h, de acordo com informações preliminares da Polícia Militar. A sede da 10ª CIPM também foi atacada pelos bandidos que atiraram na direção dos pneus das viaturas que estavam estacionada no pátio da unidade. Nenhum policial foi atingido.

Ao entrar na agência bancária, os suspeitos quebraram os vidros mas não conseguiram estourar os caixa eletrônicos - a tentativa acionou o alarme e a quadrilha fugiu sem concluir o roubo.

Ao chegar na no local, os policiais militares não encontraram mais os suspeitos. A cena do crime foi preservada até a chegada dos policiais federais que farão a perícia. Durante toda a noite o policiamento foi intensificado na região e rondas foram feitas para localizar os suspeitos. Ninguém foi preso.

Segundo a atendente de uma loja que funciona próximo ao local do crime, a cidade voltou ao normal após o ocorrido. "A verdade é que a gente já está acostumado. No Banco do Brasil aconteceu a mesma coisa há alguns meses, então, as pessoas ficam assustadas, mas seguem a rotina. A gente precisa trabalhar, e ninguém vai parar de viver. O comércio abriu normalmente e a rua está bastante movimentada, como acontece todo sábado", disse.

Outra moradora, que também não quis se identificar, disse que a explosão é o principal assunto da cidade. "Está todo mundo comentando. Eu fiquei assustada porque essa não é a primeira vez que isso acontece. Outras agências já foram explodidas também, mas o ruim é que a gente fica sem o serviço. Fica sem ter como sacar dinheiro ou pagar as contas. A questão da segurança está complicada', contou.
 
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a BR-110 foi liberada por volta das 8h. Este ano, foram 57 ataques à agência bancária no estado.