Bahia

Detento é morto por colegas de cela durante banho de sol em Eunápolis

Leandro Souza Santos, 28 anos, foi agredido com barras de ferro da estrutura das camas que ficam nas celas. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital

Da Redação
- Atualizada em

Um detento foi morto por três colegas de cela dentro da carceragem da Delegacia Territorial de Eunápolis, que fica a 671 quilômetros de Salvador, no final da manhã desta terça-feira (31). Segundo informações do delegado titular Eridelson Bastos, o detento Leandro Souza Santos, 28 anos, foi morto com oito perfurações pelo corpo.


Leandro chegou a ser socorrido para o Hospital Regional de Eunápolis, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Segundo a polícia, um dos golpes perfurou o pulmão do detento, agravando seu estado de saúde.


O crime aconteceu por volta das 11h30, durante o banho de sol, quando três detentos planejaram matar Leandro e o amigo dele Pablo Henrique Jesus das Virgens, que também estava na carceragem. Segundo o delegado Eridelson, Leonildo de Jesus Cruz, conhecido como Nildão, Rubens Lourenço, o Zoião, e Cláudio Jean aproveitaram a saída da cela para realizar o ataque.


Os acusados usaram barras de ferro retiradas das camas de concreto que ficam nas celas para agredir Leandro. Segundo a polícia, Pablo não foi alvo da agressão porque estava em outra ala da carceragem. Segundo o delegado, nenhum dos agentes carcereiros percebeu ou ficou sabendo da intenção dos detentos.


Motivo
De acordo com a polícia, o que motivou o crime foi uma vingança. Na semana passada uma fuga do grupo foi frustrada após um agente perceber a movimentação dos detentos. Leonildo, Rubens e Cláudio, mentores da fuga, desconfiaram que Leandro de Pablo teriam informado à polícia sobre a fuga e resolveram matar os dois para se vingar.


Os acusados negaram a participação no crime, mas foram autuados em flagrante, já que foram vistos por um agente penitenciário, outros detentos e Pablo - que avistou a morte do amigo da ala ao lado. Leandro, que estava vivo quando foi socorrido, teria dito aos policiais o nome dos dententos que o agrediu.


Ainda segundo o delegado, os três detentos estão presos em uma cela separada e também vão responder à justiça por homicídio doloso e qualificado.


Salvador
Outro detento foi morto a pedradas pelo colega de cela por volta das 2h desta quarta-feira (1º) no Presídio Salvador, na Mata Escura. Marcos Vinicíus da Silva Ferreira, 40 anos, foi atingido na cabeça por pedradas durante uma discussão com o colega de cela, o interno Carlos Alberto Santos, de 23 anos.


Na segunda-feira (30) mais um detendo da Penitenciária Lemos Brito foi morto a facadas por um colega de cela, de acordo com informações da Secretaria de Administração Penitenciaria e Ressocialização da Bahia (Seap). Segundo a assessoria do órgão, Reginaldo Souza dos Santos, de 46 anos, foi assassinado por Alex dos Santos Silva, de 26 anos.


Matéria original Correio 24h

Detento é morto por colegas de cela durante banho de sol em Eunápolis