Bahia

Esquadrão antibomba chega em Barreiras para retirar explosivos de funcionário de banco

Tesoureiro do banco foi feito refém e teve que ser amarrado em explosivos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) chegou em Barreiras, no Oeste da Bahia, para desarmar os explosivos amarrados no tesoureiro do banco Santander, na tarde desta quarta-feira (13). Após a saída dos bandidos, por volta das 11h, Wallace Bruno França teve que ficar dentro da agência até a chegada do Bope, que foi deslocado de Salvador para o município com o apoio do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer).

Foto: Reprodução

De acordo com o delegado Joaquim Rodrigues, da Polícia Civil da cidade, os bandidos sequestraram a mãe de Wallace que foi obrigado a sair de casa e se dirigir à agência. Antes de chegar ao banco, os suspeitos amarraram explosivos ao corpo do tesoureiro.  Já na unidade, os assaltantes obrigaram o funcionário entrar no banco e sair com dinheiro.Ainda de acordo com o delegado, os funcionários do banco não deixaram Wallace sair com os malotes de dinheiro. Em seguida, os suspeitos fugiram sem levar a quantia desejada. A Policia Civil informou que ainda não há informações sobre os fugitivos.

Foto: Reprodução

O banco, que fica no centro da cidade de Barreiras, foi cercado por policiais militares e civis chegaram à unidade e fecharam as ruas que dão acesso à agência.