Bahia

Governador Rui Costa recebe grupo de chineses para firmar acordo

Encontro é importante para que os participantes do consórcio conheçam o potencial de cada um dos empreendimentos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Na tarde da última terça (20), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), o Governador Rui Costa se reuniu com o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner, o secretário da Casa Civil, Bruno Dauster e com executivos de duas empresas chinesas que formam o consórcio com a Bahia Mineração para construção do Porto Sul, Ferrovia Oeste-Leste e exploração da mina de minério de ferro em Caetité. 

Na reunião, os executivos reforçaram o interesse em começar as atividades, em conjunto com a Bahia de Mineração, o mais rápido possível no estado. O grupo de chineses aproveitou para visitar a mina em Caetité, as obras da Fiol e o local onde será construído o Porto Sul, em Ilhéus.

O encontro é importante para que os envolvidos no consórcio conheçam o potencial de cada um dos empreendimentos. No dia 6 de fevereiro foi assinado o acordo com a Bahia de Mineração, que possibilitou a aliança entre as empresas para a realização das atividades. 

Será investido um total de R$ 2,7 bilhões no Porto Sul, que será construído na região de Aritaguá, no litoral norte de Ilhéus. A previsão é que cerca de 20 milhões de toneladas, por ano, de minério de ferro seja extraído pela Bahia de Mineração no município de Caetité. O minério sairá da cidade e chegará ao porto através da Ferrovia Oeste-Leste que terá extensão de 1.527 km.