Bahia

Homens são presos acusados de assassinar ex-prefeito de Castro Alves

Diógenes Oliveira, 60 anos, foi morto com dois tiros na cabeça dentro da própria casa

Da Redação
- Atualizada em

Dois homens foram presos acusados de assassinar o ex-prefeito da cidade de Castro Alves, a 194 km de Salvador, por volta das 6h30 desta quinta-feira (29). Diógenes Oliveira, 60 anos, foi morto com dois tiros na cabeça dentro da própria casa.


Segundo a delegacia do município, dois homens encapuzados invadiram a casa do ex-prefeito e atiraram contra ele. Diógenes, que morava com um filho, morreu na hora. O filho testemunhou o homicídio.


De acordo com informações do site Voz da Bahia, Everaldo F. da Costa, 46 anos, Iago da Costa Gama, 26, e Marcos da Costa Gama, 29, foram perseguidos pela polícia e o veículo onde eles estavam virou entre o município de Castro Alves e Itatim.


Um dos homens perseguidos ficou gravemente ferido no acidente e teve que ser encaminhado para o Hospital Geral de Santo Antônio de Jesus, onde permanece internado.


Os outros dois homens foram encaminhados para a 4ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), também em Santo Antônio de Jesus.