Bahia

Humorista e cantor Renato Fechine morre aos 53 anos

Artista ficou muito conhecido pelas músicas de humor 'Telefone' e 'Bebe Negão'.

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O humorista e cantor Renato Fechine, morreu nesta segunda-feira , aos 53 anos de idade. De acordo com informações obtidas pelo blog do Marrom, do CORREIO, amigos relatam que o artista era diabético e estava passando por vários problemas, inclusive uma depressão profunda. Ainda não há mais informações sobre a causa da morte.

Em julho ano passado, o humorista havia sofrido um acidente de moto em Vilas do Atlântico, em Lauro de Freitas.

Muito conhecido na Bahia pelo seu humor e suas músicas, Fechine também é compositor, instrumentista, produtor musical e radialista. Como guitarrista, ele já tocou ao lado de Luiz Caldas, Margarete Menezes, Sara Jane e Ricardo Chaves.


Fechine também é autor de grandes sucessos dos grupos Banda Eva, Asa de Águia, É o Tcham, Terra Samba. Ele ficou muito conhecido pelas músicas de humor 'Telefone' e 'Bebe Negão'.