Bahia

Jovem é preso suspeito de matar a sogra e esfaquear motorista de aplicativo

"Cleíson diz que o companheiro da vítima tem uma dívida com ele e que não gostou da reação dela ao ser cobrada", afirmou a delegada

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
Na tarde desta segunda-feira (5), um jovem de 21 anos, identificado como Cleíson Simões Lima, foi preso por policiais civis suspeito de matar a sogra a facadas, em Camaçari (BA). O motivo do crime foi uma dívida de R$ 200 que o companheiro da vítima tinha com ele. Durante a fuga, o suspeito tentou matar um motorista de aplicativo, em Mata de São João.
De acordo com informações da Polícia Civil, ele é acusado de homicídio e tentativa de homicídio. O caso foi divulgado pela polícia durante uma coletiva de imprensa na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Foto: divulgação / Ascom-PC
Em depoimento, Cleison Simões Lima confessou o homicídio da sogra Elaine Bastos Barbosa, 31, e a tentativa contra o motorista de transporte por aplicativo Marcus Vinícius Dias Vaccareza, em Mata de São João. No dia do crime, Cleíson estava na companhia de um primo, que está sendo investigado. 
"Estamos investigando a real motivação. Cleíson diz que o companheiro da vítima tem uma dívida com ele e que não gostou da reação dela ao ser cobrada",  afirmou a delegada Maria Tereza Santos, titular da 4° DH/RMS. 
Tentativa de homicídio
Segundo informações do delegado Euvaldo Costa Santos, Cleíson tentou assassinar Marcus Vinícius Dias Vaccareza para eliminá-lo como testemunha. 

"Ele disse que comentou detalhes do homicídio da sogra, dentro do veículo e o motorista teria ouvido. Por esse motivo resolveu eliminá-lo, desferindo golpes com a mesma faca utilizada no crime em Camaçari", explicou Euvaldo Costa.

Cleison Simões Lima foi autuado por homicídio e tentativa de homicídio O caso continuará sendo investigado pela polícia.