Bahia

Pedágio fica mais caro nas BRs 324 e 116 a partir de segunda-feira (7)

Os novos valores valem também para os fins de semana e feriados

Redação Correio24h (redacao@correio24horas.com.br)

Os preços do pedágio na BR-324 e na BR-116 vão subir a partir da próxima segunda-feira (7). A informação foi divulgada pela ViaBahia, concessionária que administra as duas praças de pedágio.  Na BR-324, automóveis, caminhonetes e furgões terão aumento de R$ 0,30 na passagem, passando de R$ 1,90 para R$ 2,10. Segundo a ViaBahia, os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Esses novos valores também serão cobrados durante os fins de semana e feriados.




As novas tarifas serão cobradas a partir de segunda-feira (7)
(Foto: Divulgação)


ADVERTISEMENT

O maior reajuste foi para caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque. A tarifa, que era de R$ 17,10, passou para R$ 18,90, um reajuste de R$ 1,80. O menor aumento de tarifa foi para motocicletas, motonetas e bicicletas-moto. O valor passou de R$ 0,95 para R$ 1,05, reajuste de R$ 0,10. Na BR-116, automóveis, caminhonetes e furgões passam a pagar R$ 3,70 para atravessar a praça de pedágio. Antes, o valor era de R$ 3,40, representando um aumento de R$ 0,30. O reajuste maior, assim como na BR-324, foi para caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque. A tarifa teve um aumento de R$ 2,70, passando de R$ 30,60 para R$ 33,30.

Segundo a ViaBahia, o pedágio é usado para revitalizar as vias. A BR-324, batizada de Engenheiro Vasco Filho, liga Salvador a Feira de Santana. São 113,2 Km de extensão. A BR-116, ou rodovia Santos Dumont, tem 554,1 km de extensão e liga Feira de Santana à divisa dos estados da Bahia e de Minas Gerais.