Bahia

Sobe para 62 o número de cidades baianas com transporte intermunicipal suspenso

A medida entra em vigor a partir desta quarta-feira (8) e vale até o dia 15 de abril

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

O número de cidades baianas que estão com transporte intermunicipal suspenso subiu para 62 nesta terça-feira (7). De acordo com o site Correio, o novo decreto publicado no Diário Oficial do Estado, incluiu os municípios de Adustina, Cachoeira, São Félix, Gandu, Ibirataia, Itarantim, Palmeiras, Piripá, Barra do Choça, Campo Formoso, Catu, Ibotirama e São Francisco do Conde, na lista de interrupção de viagens. A medida entra em vigor a partir desta quarta-feira (8) e vale até o dia 15 de abril.

"Ficam suspensas a partir da primeira hora do dia 8 de abril de 2020, a circulação e a saída, e a partir da nova hora do dia 8 de abril a chegada de qualquer transporte intermunicipal público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans nos municípios", informa o decreto.

Segundo ainda o Correio, com o decreto está proibida a circulação, saída e chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. Em algumas cidades sem casos de coronavírus, o sistema de transporte intermunicipal também teve que ser suspenso por está integrado ao municípios com registros da doença.

Além disso, foi publicado também no Diário Oficial deste sábado (4), a resolução da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba) que determina que as embarcações reduzam em 50% sua capacidade.

A mudança que vale para passageiros e veículos, começou nesta segunda-feira (6) com o intuito de reduzir o número de veranistas que têm quebrado o isolamento.