Bahia

Três homens são flagrados com 1.500 pedras de crack e armas em Conquista

Os traficantes estavam também em posse de porções de maconha e cocaína, duas balanças de precisão e um revólver calibre 38

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Os traficantes Uerlei Ribeiro da Silva, José Henrique da Silva Lima, e Nadine Oliveira Santos foram flagrados pela polícia com 1.500 pedras de crack, porções de maconha e cocaína, duas balanças de precisão e um revólver calibre 38, no bairro de Santa Terezinha, em Vitória da Conquista, no sudoeste baiano.Eles foram presos por investigadores da Delegacia de Homicídios (DH) no final de semana. José Henrique estava em liberdade provisória concedida pela Justiça desde o dia 24 de maio último. Preso por roubo, ao qual já respondia no Presídio Nilton Gonçalves, para onde retornou, ele e os comparsas foram autuados por tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo e munições, além de corrupção de menores.

De acordo com o delegado Neuberto Costa, titular da DH, os criminosos foram flagrados embalando e comercializando as drogas. Três adolescentes que estavam no local foram apreendidos e estão à disposição do Ministério Público e da Vara da Infância e Juventude. 

Uma delas, de 13 anos, que se relacionava com Uerlei, foi encaminhada à Delegacia Especial de Atenção à Mulher (Deam) e será submetida a exame de conjunção carnal, já que afirma estar grávida do traficante. Uerlei tem passagem por tráfico e é acusado de envolvimento em homicídios ocorridos, neste ano, no bairro Campinhos, em Vitória da Conquista. Ele poderá responder também pelo crime de estupro de vulnerável. Todos foram encaminhados ao Presídio Nilton Gonçalves.