Bahia

Vacina russa contra covid pode chegar à Bahia em novembro

Além da Bahia, o Paraná também firmou acordo com a Rússia para a produção da vacina

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Nesta quinta-feira (10), a Rússia anunciou um acordo com o governo da Bahia para fornecer 50 milhões de doses da Sputnik V, vacina que está em fase avançada de testes. A informação foi confirmada ao jornal Hoje, da TV Globo, pelo próprio governo do estado. 

A entrega da vacina está prevista para iniciar em novembro, desde que aprovada pelas autoridades sanitárias e órgãos reguladores brasileiros. 

Em entrevista coletiva, nesta quinta, representantes do Instituto Gamaleia, da Rússia, que desenvolve a vacina, afirmaram que pretendem ter o resultado da última fase de testes no mês que vem. 

Além da Bahia, o Paraná também firmou acordo com a Rússia para a produção da vacina. Os testes da parceria devem começar em outubro, caso haja aprovação da Anvisa. 

De acordo com o G1, o Fundo de Investimento Direto Russo (RDIF) fará um anúncio do acordo fechado nesta sexta-feira (11). Com o acordo, todas as informações científicas da vacina serão repassadas para a Bahiafarma, o que pode possibilitar que o estado produza e comercialize o imunizante.