Brasil

PRF apreende mais de R$ 10 milhões em joias sem nota fiscal

Material — colares, brincos e pulseiras — estava num automóvel modelo que foi parado num bloqueio

Agência O Globo
- Atualizada em

Foto: Divulgação
 Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreenderam joias sem nota fiscal, avaliadas em mais de R$ 10 milhões, durante uma fiscalização de rotina no município de Itatiaia, no Sul Fluminense, na noite desta quinta-feira. O material — colares, brincos e pulseiras — estava num automóvel modelo Jetta que foi parado num bloqueio feito no KM 319 da Rodovia Presidente Dutra, sentido Rio de Janeiro.

 As joias estavam escondidas na blindagem do carro. O material estava acondicionado em oito estojos compactos. Os valores das etiquetas junto às peças somam cerca de R$ 10,5 milhão — somente um colar está avaliado em R$ 1.120 milhão.

O motorista do Jetta, de 50 anos e que não teve o nome divulgado, e seu advogado contaram que as joias pertenciam à empresa Sara Joias. De acordo com eles, o material é do dono do Jetta. O motorista e o advogado alegaram, ainda, que as joias têm documentação, mas a PRF afirma que nenhuma nota foi apresentada.

A ocorrência foi encaminhada ao Posto Fiscal de Nhangapi em Itatiaia, onde o motorista do Jettar foi enquadrado em crime contra a ordem tributária.