Brasil

Advogado é preso suspeito de estuprar as enteadas desde os cinco anos

Segundo as vítimas, ele chegou a combinar com elas o que responderiam aos questionamentos de terceiros e o que falariam durante os depoimentos aos investigadores

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Nesta quinta-feira (2), um advogado de 42 anos, que não teve o nome divulgado, foi preso acusado de estupro de vulnerável, em Niterói, no Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Civil RJ, ele é suspeito de abusar sexualmente das duas enteadas por mais de uma década, desde elas que tinham cinco anos de idade. Atualmente elas possuem respectivamente 13 e 17 anos.

Segundo a polícia, após ter sido alertado anonimamente sobre os abusos cometidos pelo autor, o pai biológico das vítimas, que era propositalmente mantido distante das filhas, acabou descobrindo que haviam inúmeros relatos nesse mesmo sentido no colégio das filhas e uma denúncia no conselho tutelar da cidade de Niterói que deu início a uma investigação na Delegacia Especial de Atendimento a Mulher da cidade.

Durante as investigações, foi constatado que o autor apresentava um comportamento extremamente possessivo e agressivo, e que, segundo as vítimas, chegou a combinar com elas o que responderiam aos questionamentos de terceiros e o que falariam durante os depoimentos aos investigadores .