Brasil

Americanas é condenada a indenizar consumidora que encontrou larvas em bombom

Produto continha ainda fezes de inseto, segundo laudo da polícia técnica

Agência O Globo

A Lojas Americanas e a Mondelez Brasil foram condenadas pelos desembargadores da 24ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio a pagar indenização de R$ 8 mil a uma consumidora que comprou quatro bombons com larvas e fezes de inseto. O estranho “recheio” dos doces foi comprovado por laudo pericial elaborado pelo Departamento de Polícia Técnica, da Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro. A Mondelez é dona de produtos conhecidos no Brasil, como Sonho de Valsa, Bis e Diamante Negro.

Procurada, a Lojas Americanas informou que não vai comentar a decisão judicial. A Mondelez Brasil, por sua vez, não havia se manifestado até a publicação da matéria.


Em abril de 2016, as duas empresas já haviam sido condenadas pelo 3º Juizado Especial Cível de Brasília a pagar R$ 1 mil, a título de danos morais, a outra consumidora que encontrou também encontrou larvas em bombom Ouro Branco, da Lacta. De acordo com a denúncia, a compra de um pacote de bombom Ouro Branco foi feita na Lojas Americanas, estando todos devidamente embalados e dentro do prazo de validade. Contudo, no momento do consumo, a cliente constatou a presença de larvas.