Brasil

Caetano Veloso manterá agenda apesar de roubo de instrumentos

Material levado no Sul da Bahia segue desaparecido; ninguém foi preso

Carol Aquino, do Correio 24h

Apesar do roubo de 64 equipamentos e instrumentos pertencentes a Caetano Veloso, seus filhos e equipe, o cantor de 75 anos vai continuar com a sua agenda de shows. A informação foi confirmada na tarde desta terça-feira (16) pela assessoria de imprensa do artista, que parou de divulgar a agenda de shows desde o roubo.

IMAGEM
Legenda

A produção do cantor ainda não sabe como irá proceder se os equipamentos não forem encontrados até o próximo show - se irão comprar ou alugar novos instrumentos.

Entre os itens levados, estavam dois violões de Caetano, além dos instrumentos usados por seus filhos e pelo restante da banda, como um violoncelo, dois teclados, um contrabaixo, entre outros. O cenário, equipamentos de luz e som, também faziam parte da carga subtraída. 

Até o momento, nenhum suspeito foi preso. Equipes da 6ª e 7ª Coordenadorias de Polícia do Interior (Ilhéus e Itabuna, respectivamente) continuam investigando o caso. A ocorrência foi registrada na delegacia de Ibirapitanga, no Sul do estado, unidade mais próxima do local do crime.

Relembre o caso

O motorista que levava os equipamentos do show “Caetano Moreno Zeca Tom Veloso” foi abordado por homens fortemente armados na estrada entre Itacaré e Maraú na noite do último domingo (14).

O roubo aconteceu por volta das 19h, quando o carro seguia em direção ao Rio. Na véspera do crime, o cantor e seus filhos se apresentaram na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador.