Brasil

Cantor sertanejo morre após levar tiro acidental de amigo no olho

Na ocasião, o amigo resolveu mostrar um revólver calibre 38 que havia comprado.

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O cantor sertanejo Diego Souza Sá, de 29 anos, morreu após levar um tiro acidental de amigo no olho, diz a família do músico. O caso aconteceu nesta terça-feira (13), dentro de um lava a jato em Goiânia (GO). As informações são do G1 Goiás.

Parentes relataram ao G1 que o artista estava acompanhado o primo que tinha ido buscar um carro no estabelecimento. De acordo com a apuração inicial da polícia civil, o dono do lava a jato, que é amigo dos dois, foi mostrar um revólver calibre 38 que havia comprado.

Segundo a apuração do G1, o boletim de ocorrência costa que "no manuseio da arma, o autor a disparou de algum modo, ferindo a vítima na cabeça. Em seguida ao ocorrido, o autor ficou aflito e saiu do local para pedir socorro médico e não retornou mais ao local, inclusive levando o revólver consigo".

O G1 tentou entrar em contato com o dono do estabelecimento, mas não obteve resposta. Segundo a polícia civil, o homem poderá responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.