Brasil

Criança de dois anos é atropelada por ambulância e morre no local

Os familiares da menina contaram que tudo começou com uma briga entre o pai e o padrasto dela

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Na noite do último sábado (20), uma criança de dois anos, identificada como Maria Cecília da Silva, foi atropelada e morta. O caso aconteceu no município de Bom Jardim, no Maranhão.

De acordo com informações do G1 Maranhão, os familiares contaram que tudo começou com uma briga entre o pai da criança e o padrasto. O pai da menina ficou ferido e precisou ser levado para um posto de saúde, local em que funciona provisoriamente o Hospital Municipal de Bom Jardim.

Os familiares contaram ao G1 MA que os profissionais de saúde da unidade se recusaram a atender o homem alegando que ele estava sujo e com mau cheiro, e afirmaram que ele deveria voltar para casa para tomar banho. Todos voltaram para casa em uma ambulância para que o pai da menina tomasse banho e voltasse ao posto de saúde.

Foto: reprodução
Na volta, todas as pessoas que estavam na ambulância precisaram descer por causa de buracos na estrada. O motorista da ambulância arrastou o carro e acabou atropelando a menina e matando-a. Os familiares ainda contaram que o motorista fugiu do local.

Em nota ao G1 MA, a prefeitura de Bom Jardim informou que o caso é uma fatalidade, lamenta o ocorrido e se solidariza com a família da vítima e que está à disposição da Justiça, e demais autoridades para colaborar na apuração do caso. Disse ainda que não procede a falta de atendimento ao paciente no hospital.

"Sobre o caso anterior ao acidente, a prefeitura informa que não é verdade a afirmação que não houve atendimento por 'mau cheiro', ressaltamos que os profissionais de saúde realizaram todo o procedimento necessário ao paciente, conforme prontuário. A prefeitura colabora com as autoridades sobre informações sobre o caso ", disse em nota.



No prontuário divulgado pela prefeitura, há o histórico do atendimento ao paciente no hospital, como data de entrada e saída do paciente e a medicação aplicada.