Brasil

Desembargador manda soltar cantor Belo

Cantor foi contratado por R$ 65 mil para fazer show que o levou à prisão

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

De acordo com informações do 'G1', o desembargador Milton Fernandes de Souza mandou expedir um alvará de soltura para o cantor Belo. A decisão do desembargador saiu por volta da 1h20 desta quinta-feira (18). O cantor deve ser solto ainda hoje. 

Segundo a defesa do artista, o show realizado no Complexo da Maré, Zona Norte do Rio de Janeiro, foi contratado por R$ 65 mil e que o pagamento seria feito em cinco parcelas. 

Ainda conforme informações do 'G1', o artista, dois produtores e um traficante são investigados pela realização do evento no último sábado (13). Segundo a polícia, eles violaram um decreto municipal que proibiu aglomerações no carnaval e contribuíram com a disseminação do coronavírus, colocando em risco a vida de centenas de pessoas.