Brasil

Dilma sanciona lei que concede pensão vitalícia à atleta Laís Souza

Laís sofreu uma lesão na medula quando treinava na cidade norte-americana de Salt Lake City para as competições de esqui aéreo na Rússia

da Agência Brasil
- Atualizada em
Quase um ano após o acidente que deixou a atleta Laís Souza tetraplégica, foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (13), a concessão da pensão especial, mensal e vitalícia à ex-ginasta. De acordo com o texto, ela receberá R$ 4.390, valor equivalente ao teto da Previdência Social.

Laís sofreu uma lesão na medula no dia 27 de janeiro do ano passado, quando treinava na cidade norte-americana de Salt Lake City para as competições de esqui aéreo na Rússia. A atleta perdeu todos os movimentos do pescoço para baixo.

Ela também já fez parte da equipe olímpica de ginástica e defendeu o Brasil em diversas competições internacionais.