Brasil

Em São Paulo, 'virgem de Sapeaçu' diz que sofreu tentativa de estupro

Jovem causou polêmica no ano passado por tentar leiloar a própria virgindade para ajudar a mãe, que sofreu um AVC

Redação iBahia (agenda@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Rebeca Bernardo Ribeiro, 19 anos, que ficou conhecida no ano passado como 'A Virgem de Sapeaçu' ao tentar leiloar a própria virgindade, disse que sofreu uma tentativa de estupro nesta semana, em São Paulo, cidade onde vive atualmente. Na noite da última sexta-feira (29), Rebeca utilizou seu perfil no Facebook para desabafar. No relato, ela afirma que o episódio ocorreu quando saía de uma boate e um suposto Bruno ofereceu-lhe uma carona:


Veja também:

Assaltantes explodem banco ao lado de delegacia em Governador Mangabeira

"Próximo à minha casa ele parou o carro e disse para tirar a roupa, pois queria me violentar de uma forma cruel, me batendo e colocando dedo na minha boca para eu não conseguir pedir ajuda a ninguém", escreveu a jovem, esclarecendo em seguida não ter havido estupro, apenas agressão " verbal e emocional e psicológica".


Em 2012, Rebeca causou polêmica com um vídeo postado no Youtube, no qual promovia o leilão da própria virgindade. Segundo ela, o dinheiro arrecadado seria empregado para ajudar no tratamento médico da mãe, vítima de um Acidente vascular Cerebral (AVC) e aposentada do INSS por invalidez. Pressionada e alvo de críticas por parte de familiares e de colegas de escola, Rebeca acabou desistindo do leilão.


Relembre o caso:

Após oferta de R$ 6 milhões por virgindade, estudante de Sapeaçu desiste de leilão

Após promessa de ajuda, jovem de Sapeaçu suspende leilão da virgindade

Jovem utilizou seu perfil no Facebook para denunciar o caso
Rebeca postou uma foto do braço machucado, segundo ela, resultado da tentativa de estupro