Brasil

Estudante de veterinária é picado por cobra naja e é internado em estado grave

Suspeita é que o animal era criado na casa da vítima

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um estudante de medicina veterinária do Distrito Federal foi internado em estado grave em um hospital após ser picado por uma cobra da espécie naja na última terça-feira (7). A suspeita é de que o animal era criado na própria casa dele. As informações são do G1.

Espécie natural da África e Ásia, a naja não existe na fauna brasileira. Por isso, o hospital onde o estudante está internado precisou encomendar o soro para tratamento do Instituto Butantan, em São Paulo. Segundo o G1, o medicamento chegou ao hospital na noite da própria terça-feira.

Com a suspeita de que a vítima criava a espécie em casa, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) não se pronunciou até o momento sobre o estudante ter ou não a autorização necessária para criar o animal.