Brasil

Ex-namorado de Cicarelli perde ação contra o Google por vídeo íntimo

Na mesma ação, empresário obteve uma vitória contra a TV Bandeirantes

Da Redação
- Atualizada em
Vídeo mostra os dois trocando carícias

O empresário Tato Malzoni, ex-namorado da apresentadora Daniela Cicarelli, perdeu na Justiça o direito a receber indenização por danos morais do iG, Terra, Google e YouTube. Ele havia ganhado a causa em um primeiro julgamento contra os sites pela divulgação de um vídeo íntimo dele e de Cicarelli em 2006.


O novo resultado foi divulgado na tarde desta quinta-feira (10). O advogado de Tato informou que recorrerá da decisão. Porém, na mesma ação que impôs derrota aos sites, empresário obteve uma vitória contra a TV Bandeirantes. Segundo o G1, a emissora foi condenada a pagar R$ 250 mil por ter veiculado as imagens.


O vídeo, vazado na internet em setembro de 2006, mostrava Malzoni e Cicarelli em cenas quentes em uma praia na Espanha, trocando carícias dentro da água. Após a divulgação das imagens, os dois entraram na Justiça contra a divulgação do vídeo.


O YouTube - que não retirou o vídeo - chegou a ficar fora do ar no Brasil em janeiro de 2007. Logo depois, o site voltou a funcionar e o processo continuou em andamento. O Youtube foi comprado pelo Google em outubro de 2007.


Ação inibitória
O advogado de Malzoni comentou que aguarda uma definição judicial a respeito de uma ação inibitória movida contra o Google em 2006. A ação pede que a veiculação do vídeo de Cicarelli e Malzoni seja proibida, sob pena de multa diária de até R$ 250 mil.