Brasil

Família Bolsonaro 'comemora' ida de Jean Wyllys para o exterior

Em entrevista à Folha de S. Paulo, parlamentar disse que iria entregar o mandato e iria morar no exterior

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A família Bolsonaro 'comemorou', através das redes sociais, o anúncio da entrega do mandato e da saída de Jean Wyllys do Brasil. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo nesta quinta-feira (24), o parlamentar afirmou que tomou a decisão após sofrer constantes ameaças e viver sob escolta policial.

Foto: Divulgação
Em virtude desta decisão, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) usou sua conta no Twitter para escrever 'Grande dia!', logo após a publicação da reportagem. Já Carlos Bolsonaro, um dos filhos dele, escreveu na mesma rede social: 'Vá com Deus e seja feliz!'.


Durante a entrevista, Wyllys citou o envolvimento de Flávio Bolsonaro com a milícia carioca como um dos motivos para tomar esta decisão.

"Me apavora saber que o filho do presidente contratou no seu gabinete a esposa e a mãe do sicário. O presidente que sempre me difamou, que sempre me insultou de maneira aberta, que sempre utilizou de homofobia contra mim. Esse ambiente não é seguro para mim", desabafou à Folha.