Brasil

Goleiro Jean é solto nos EUA após audiência

Jogador deve sair da cadeia em Orlando até as 19h de Brasília

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em


O goleiro Jean, acusado de agredir a mulher, Milena Bemfica, durante viagem a Orlando, nos Estados Unidos, foi solto após a audiência de custódia realizada na tarde desta quinta-feira (19). A informação foi confirmada pelo advogado de defesa do atleta baiano ao UOL.

Foto: Orange County Public Records

O registro do jogador na polícia americana foi atualizado e a expectativa é ele sair da prisão até às 19h (de Brasília), de acordo com o UOL. Jean passou a noite detido em Orlando após acusação de agredir Milena no hotel em que eles estavam hospedados na cidade do estado da Flórida.



O radialista Antônio Tillemont, avô de criação do goleiro, comemorou a decisão do tribunal. "SOLTO!!! Em audiência nos EUA, o juiz acabou de decidir pela soltura de JEAN, que pelas exigências de alguns procedimentos da própria Corte, será liberado dentro de 1 a 4 horas. O processo foi arquivado sem necessidade de pagamento de fiança. Não será deportado, não teve visto de passaporte cassado, apenas, ficará fichado, mas como processo arquivado."



Jean teria agredido Milena com oito socos, de acordo com o Boletim de Ocorrência registrado. Após ser violentada, a mulher teria usado uma chapinha de cabelo para revidar. As cenas teriam sido presenciadas pelas filhas do casal. Milena gravou vídeos nos stories do Instagram relatando a violência sofrida. Pouco depois, no entanto, ela apagou as postagens.