Brasil

Grávida é expulsa de carro por motorista de aplicativo e perde bebê

Homem teria cometido ato para não manchar o banco do veículo

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma mulher identificada como Daiany Franco, 31 anos, foi expulsa de um carro por aplicativo pelo motorista quando queria ir ao hospital por causa de um sangramento. Grávida de 13 semanas, ela perdeu a criança. O caso aconteceu em São Paulo, na última segunda-feira (24). As informações são da Record TV.

Após ter um sangramento, Daiany e a mãe chamaram um carro por aplicativo para ir ao hospital. No entanto, o motorista resolveu expulsar a gestante do carro após saber que ela estava sangrando, para não manchar o banco do veículo. Isso aconteceu durante a viagem, e ele as deixou em um posto de gasolina.

Daiany contou à Record TV que o homem disse várias vezes que “se o banco do carro manchasse elas teriam que pagar”. A gestante pediu ajuda a frentistas e pessoas que estavam no local, até ser ajudada por uma viatura da Polícia Militar, que leva as duas mulheres para o hospital.

A mulher perdeu o bebê e precisou passar por cirurgia, segundo a Record TV. A plataforma anunciou que o motorista foi bloqueado e que está dando suporte à Daiany.