Brasil

Homem discute com vizinho e o mata a socos: 'round de MMA'

Suspeito foi encaminhado para a delegacia, onde o pai do agressor já havia prestado depoimento

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A discussão por causa de uma moto iniciou a briga entre dois vizinhos, que acabou em morte em Santos, litoral de São Paulo. Christian Fernando da Silva, de 43 anos,teria ido conversar com Carlos Vinicius Gomes após ele ter danificado sua moto e recebeu socos e pontapés.  A briga começou na noite de segunda-feira (4). Ao G1 Santos e Região, testemunhas disseram que após conversarem, Carlos derrubou Christian no chão e o agrediu com socos e pontapés. Os relatos dados à polícia dão conta  ainda de que o agressor teria batido com a cabeça da vítima contra o chão por, pelo menos, dez vezes. O agressor fugiu. Em seguida, preso, o suspeito alegou para a polícia que se sentiu em um 'round de MMA'.Christian chegou a ser socorrido , mas não resistiu.

Christian Fernando Silva foi morto após ser agredido Foto: Reprodução/Facebook

Suspeito foi encaminhado para a delegacia, onde o pai do agressor já havia prestado depoimento. "Ele relatou que o filho tinha problemas mentais que nunca foram diagnosticados, e que isso piorou após uma viagem à Europa", disse o delegado ao G1.

"Ele disse frases desconexas, chegou a dizer que era perseguido por uma seita satânica. Foi possível notar sinais claros de desequilíbrio naquilo que ele falava", disse o investigador ao portal de notícias. A ocorrência foi registrada como homicídio qualificado por motivo fútil. Suspeito  permanece à disposição da Justiça.