Brasil

Homem é preso suspeito de estuprar e encarcerar sobrinha por dois meses

Ele também será julgado por tráfico de drogas

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em
Um homem de 41 anos foi preso no último domingo (22) suspeito de estuprar a sobrinha e mantê-la em cárcere privado durante um período de cerca de dois meses, na cidade de Caiapônia (GO). A Polícia Militar prendeu o homem e resgatou a vítima, que tem 19 anos. As informações são do G1 Goiás.
A vítima relatou à PM em depoimento que foi proibida de ter qualquer contato com familiares durante o tempo que ficou presa pelo suspeito, mas aproveitou um momento de descuido do homem para entrar em contato com a família, através do celular dele. A irmã da vítima alertou o pai que, por sua vez, fez a queixa para a polícia. O resgate aconteceu durante a noite, segundo o G1.
Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Segundo os policiais, a jovem estava "visivelmente abatida e assustada". Ela contou aos oficiais que era forçada a ter relações sexuais com o tio e que ele fazia ameaças à família dela e também à própria garota, com o uso de uma faca e da força física.

Além dos crimes contra ela, a vítima relatou que uma das paredes do local em que estava presa continha porções de crack. Com isso, o tio dela também deve responder por tráfico de drogas. O delegado do caso disse ao G1 que vai apurar se houve omissão da família no caso e se a vítima foi dada como desaparecida.