Brasil

Homem é sequestrado e depois encontrado esquartejado: 'pedaços estavam dentro de sacos'

O caso, que foi registrado como sequestro, cárcere privado e homicídio qualificado, está sendo investigado pela polícia

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um homem de 31 anos, identificado como Adolfo Gonçalves Camargo, foi sequestrado e depois encontrado morto, na última sexta-feira (16). O crime aconteceu em Ponta Porã (MS), região de fronteira com o Paraguai. De acordo com informações do G1 Mato Grosso do Sul, o comerciante Adolfo Gonçalves foi decapitado e esquartejado.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o comerciante estava em casa quando, por volta das 16h (de MS), dois homens armados de fuzis invadiram o local e o arrastaram para dentro de uma caminhonete. No veículo, de placas do Paraguai, havia mais duas pessoas também com fuzis.

Foto: reprodução
Ainda segundo o G1 MS, a irmã da vítima avisou a polícia que ele havia sido sequestrado. No mesmo dia pela noite, o corpo de Adolfo foi encontrado em uma região de mata próxima da BR-463.

De acordo com o registro policial, as partes do corpo  estavam dentro de sacos plásticos de cor preta.  Uma familiar da vítima fez o reconhecimento.

Os familiares do comerciante acreditam que ele possa ter sido confundido com outro homem, que já esteve preso por tráfico de drogas.

O caso, que foi registrado como sequestro, cárcere privado e homicídio qualificado, está sendo investigado pela polícia.