Brasil

Homem, esposa, filho e amigo são executados em chacina no Mato Grosso

Grupo foi abordado por criminoso na saída do garimpo

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Um homem, a esposa dele, o filho e amigo foram mortos em uma chacina na saída de um garimpo localizado na cidade de Aripuanã (MT). O crime aconteceu no sábado (21), mas os quatro corpos só foram encontrados na segunda-feira (23). Garimpo foi legalizado em julho de 2019. As informações são do G1 Mato Grosso.

Desde que houve a legalização, o número de homicídio na região do garimpo aumentou quase 300%.

De acordo com o G1, Foram mortos Elzilene Tavares Viana, de 41 anos, conhecida como Babalu; o filho dela, Luiz Felipe Viana Antônio da Silva, de 19 anos; o marido dela, Leôncio José Gomes, de 40 anos; e Jonas dos Santos, de 25 anos (que era garimpeiro).

Os corpos foram encontrados após pessoas próximas ao garimpeiro Jonas procurarem a polícia para informar sobre o desaparecimento do rapaz.

A polícia informou ao G1 que, segundo investigações, as vítimas desciam a serra do garimpo na manhã do último sábado quando foram abordadas por quatro homens armados. As vítimas foram algemadas, levadas para uma estrada e foram executadas em seguida.

Uma quinta pessoa, uma mulher que estava presente no momento do crime conseguiu sobreviver porque disse que estava grávida.

Após os assassinatos, os suspeitos colocaram fogo em um dos carros e a chama chegou a atingir um dos corpos.

As investigações estão em andamento e a sobrevivente ainda será ouvida pela polícia.