Brasil

Homem mata filha da ex-companheira com facada no pescoço em pleno Dia das Mães

Embora separados, ele e a mãe da vítima moravam na mesma casa

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Na última terça-feira (12), um homem, que não teve o nome divulgado, foi preso suspeito de matar a filha da ex-companheira, de 19 anos. O crime aconteceu no dia 10 de maio, Dia das Mães, na casa da mãe da vítima, no aglomerado do Papagaio, região Centro-Sul capital de Minas Gerais. 

De acordo com informações da Polícia Civil, o suspeito aproveitou um momento de distração da vítima e a golpeou com uma facada no pescoço, que cortou uma grande extensão do pescoço da vítima. 

Embora separados, o homem e a mãe da vítima moravam na mesma casa. Ainda segundo a polícia, os desentendimentos do suspeito com a vítima começaram no início da relação dos dois, quando a vítima tinha apenas 9 anos. 

A jovem chegou a morar com a vó quando criança e, atualmente, estava morando com o namorado, que não queria que ela fosse a casa da mãe no dia do crime. 

Testemunhas contaram para polícia que a vítima contou para familiares que chegou a sofrer assédios por parte do suspeito, quando ainda era criança, motivo que originou o conflito entre ela e o suspeito. Além disso, essa teria sido a razão para jovem sair de casa. 

Em depoimento, as testemunhas ainda disseram que o suspeito já havia ameaçado a vítima de morte, alegando que iria esfaqueá-la, se apresentar à polícia três dias depois e nada aconteceria com ele.