Brasil

Homem pede selfie com policial antes de ser preso com fuzis

Policiais perceberam o nervosismo do suspeito durante a fiscalização e disseram que ele "caiu em contradição algumas vezes"

Agência O Globo

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na tarde desta quarta-feira, na  Rodovia Rio-Santos (BR-101), em Paraty ,  um homem que transportava em um fundo falso de um carro  nove fuzis que seriam entregues na comunidade da Rocinha , na Zona Sul do Rio. O detido se dizia "fã" do trabalho da polícia e chegou a tirar selfie com os agentes, antes de ser flagrado com o armamento.

Foto: Reprodução/PRF

Segundo a polícia, o material estava num veículo que transportava material de telefonia. O motorista alegara aos agentes que trabalhava em uma empresa que prestava este tipo de serviço. Os policiais perceberam o nervosismo do suspeito durante a fiscalização e disseram que ele "caiu em contradição algumas vezes". Eles iniciaram, então, uma varredura no veículo. O homem chegou a dizer que precisava seguir viagem, na tentativa de fazer com que os agentes parassem a vistoria. 

Logo em seguida, foi encontrado um fundo falso na lataria do automóvel. O compartimento foi aberto com o auxílio de ferramentas. No interior, havia várias peças de armas embaladas em material plástico. Segundo a PRF, o armamento estava desmontado para "facilitar a sua ocultação".

A PRF informou ainda que havia a informação de que um carro com determinadas características passaria pelo ponto onde a abordagem foi feita e que o material seria entregue na Rocinha. Posteriormente, o suspeito confessou que levaria o armamento a uma comunidade da Zona Sul do Rio, mas não soube precisar qual, acrescentaram os agentes.     

Os noves fuzis eram do modelo AK-47, calibre 7,62mm. Também foram encontrados carregadores. O motorista foi preso pelo crime de tráfico de armas. O caso foi encaminhado para a Polícia Federal.