Brasil

Homem prendia crianças no teto para abusar sexualmente delas

Klaus Berno fazia vídeos de pornografia infantil

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O alemão Klaus Berno Fischer foi preso na última quinta-feira (13) suspeito de abusar sexualmente de crianças e de produzir conteúdo de pornografia infantil, em um estúdio em Santíssimo, Zona Oeste do Rio de Janeiro. As informações são do jornal O Dia.

O suspeito tem 73 anos e, de acordo com testemunhas, pendurava as crianças no teto, por meio de algemas e roldanas, para realizar os abusos. As vítimas tinham, em sua maioria, menos de 14 anos, e eram atraídas por duas pessoas em favelas, que ofereciam brinquedos, bens e dinheiro.

No local do estúdio, foram encontrados brinquedos como balanço e gangorra, e também objetos de sadomasoquismo. Segundo o Dia, uma empresa de turismo do alemão também seria usada para realizar os abusos.

Klaus foi autuado por estupro de vulnerável e por produção e venda de material pornográfico de crianças e adolescentes, estabelecido pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).